Blog

Novembro 2005

Vendo Artigos de: Novembro , 2005

Capoterapia e Hidrocapoeira

Capoterapia e Hidrocapoeira . O novo milênio traz novas idéias aos métodos e às técnicas em … ver trabalhos como esses da Capoterapia, que unem os conceitos da terapia …
 
O novo milênio traz novas idéias aos métodos e às técnicas em todas as áreas, na capoeira idem. Estudos diversos mostram que, se bem trabalhada, a capoeira é benéfica ao indivíduo de qualquer idade. Muitos mestres de capoeira são formados a cada ano e com eles surgem novas formas de se trabalhar a capoeira na sociedade. A capoeira que era antes um esporte de excluídos transforma-se numa ferramenta de inclusão social. Crianças, jovens, adultos e idosos juntam-se em rodas para cantar, pular e bater palma festivamente com a idéia de jogo limpo, não mais de guerra e conflito, mas com um intuito lúdico de promover o bem-estar e o pensamento coletivo, lembrando sempre da difícil trajetória da capoeira na história do Brasil. É empolgante ver trabalhos como esses da Capoterapia, que unem os conceitos da terapia de grupo com os movimentos e ritmos da capoeira, assim como os da Hidrocapoeira que unem a hidroginástica (um esporte nascido híbrido) com a capoeira. O rosto negro da capoeira não é mais visto por uma ótica malthusiana. A capoeira resurge cada vez mais como intrumento de identifidade nacional, mas sua territorialidade é difusa e tem o poder de transformar qualquer terreiro, quadra de esporte ou praça do mundo num pedaço do Brasil.
 
Quando venho de Luanda eu não venho só 2x
Trago o corpo cansado, coração amargurado, saudade de fazer dó
Quando venho de Luanda eu não venho só 2x
Fui preso à traição, trazido na covardia,
Que se fosse luta honesta de lá ninguém me trazia
Na pele eu trouxe a noite, na boca brilha o luar
E no corpo a capoeira presente dos Orixás
Quando venho de Luanda eu não venho só 2x
Trago ardendo nas costas o peso dessa maldade
Trago ecoando no peito um grito de liberdade
É grito de raça nobre, grito de raça guerreira
É o grito da raça negra, é o grito de capoeira!
Quando venho de Luanda eu não venho só 2x

 

http://geocities.yahoo.com.br/capoterapia2000/
http://geocities.yahoo.com.br/terapiadoabraco/
http://www.watsubrasil.com/hidrocapoeira.html
www.magnorocha.blogger.com.br

Encontro reúne mais de 600 capoeiristas em Campo Grande

Mais de 600 capoeiristas da capital e do interior do Estado estão reunidos neste sábado (19/11) e domingo (20/11) no Encontro Estadual de Capoeira que acontece no Teatro de Arena do Horto Florestal. Durante o evento, promovido pela Fundação Municipal de Cultura (Fundac), haverá apresentações de mestres da capoeira e também oficinas que vão tratar de assuntos relacionados ao ritual de corpo, ginga ritmada e tempo do movimento. No domingo, os participantes do Encontro farão uma grande roda de capoeira marcando o encerramento do Encontro. As inscrições para o evento são gratuitas
 
O objetivo do encontro é proporcionar aos capoeiristas novos conhecimentos na área e uma intensa reflexão sobre o trabalho realizado pelos grupos. Para comandar as atividades foram convidados o mestre Anande das Areias (Londrina- PR), e mestre Paulo (São Paulo-SP). Participam do Encontro 12 grupos de Campo Grande e 8 grupos dos municípios de São Gabriel do Oeste, Jardim, Corumbá, Bonito, Rochedo, Aquidauana, Água Clara e Três Lagoas.
 
Na programação estão previstas as seguintes palestras: “Da Senzala à Universidade” , a ser proferida pelo mestre Anande das Areias e “A Introdução da Acrobacia na Movimentação do Jogo” , a ser proferida pelo Mestre Paulo. “É preciso incentivar a preservação e divulgação das manifestações culturais afro-brasileiras como a capoeira, que é rica em suas múltiplas facetas e apropriada a todas as faixas etárias, seja como dança, arte, esporte ou jogo”, destaca o presidente da Fundac, Américo Calheiros.
 

Documentário: A Capoeiragem na Bahia

Documentário produzido pela TVE Bahia no ano de 2000, vale como uma importante referencia cultural aos capoeiristas dispostos a conhecer mais sobre a capoeira da Bahia… uma boa dica para a sua videoteca!
Luciano Milani


A Capoeiragem na Bahia, produzido pelo Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia / TV Educativa (IRDEB/TVE), documenta a capoeira, uma manifestação tão enraizada na cultura baiana, mas que, até então, não havia sido registrada em profundidade pela televisão e pelo cinema locais. O documentário aborda a questão controvertida das origens históricas da capoeira, sua imbricação africana-ameríndia-ibérica, sua relação com o Candomblé e as tradições desta dança/luta que se tornou um símbolo da manifestação corporal expressa no viço da ginga baiana. Além de enfocar as mudanças ocorridas na tradição e o surgimento das novas lideranças, o vídeo exibe imagens raras de duas grandes personalidades da capoeira da Bahia, os mestres Pastinha e Bimba – retiradas de películas das décadas de 50 e 60, telecinadas para exibição em TV pelo IRDEB -, e depoimentos de mestres da atualidade, do escultor Mário Cravo Júnior e do médico, ex-capoeirista e vice-governador Otto Alencar, que fala do preconceito de 30 anos atrás contra os que jogavam capoeira. A Capoeiragem na Bahia é o 33º documentário do Projeto de Mapeamento Cultural e Paisagístico da Bahia, uma iniciativa do IRDEB / TVE.

Título: A Capoeiragem na Bahia
Série:
Documentários
Duração:
57’
Gênero: Documentário

Sistema de Gravação: NTSC/Betacam
Realização: IRDEB/TVE/IAT
Ano: 2000

http://www.irdeb.ba.gov.br/videvideosacapoeiragemnabahia.htm

TVE: Quilombo e Mandinda em Manhatan

Aêee galera, dia 20 tem duas coisas interessantes na TVE, uma o filme Quilombo, e outra o documentario Mandinga em Manhatan.
Logo abaixo tem falando mais sobre cada um.
 
    Rita Mônica
    Secretaria
    ritmodias@hotmail.com
    85 3101-9627 85 8896-7046


A TVE Brasil homenageia o Dia Nacional da Consciência Negra exibindo, neste domingo, 20 de novembro, à 00h , o inédito Quilombo . Premiado no XXIV Festival de Cinema de Cartagena de 1984, no Festival de Cannes em 1984, e no Festival de Miami em 1984, o filme de Cacá Diegues foi inspirado nos livros Ganga Zumba , de João Felício dos Santos e Palmares , de Décio de Freitas.

Foi também em 20 de novembro em 1695, que Zumbi, um dos últimos líderes do Quilombo dos Palmares, foi assassinado, se transformando em um grande ícone da resistência negra ao escravismo e da luta pela liberdade.
 

Read More

Assinatura decreto lei nº156/05 em homenagem a Zumbi dos Palmares

Olá todas e todos
 
A entidade A Mulhereda e O Movimento de Entidades Populares  de Salvador vem através desta comunicar  que a data da assinatura decreto lei  nº156/05  em homenagem a Zumbi dos Palmares lider negro responsável pela libertação dos negros no regime de escravidão do Brasil  através da inauguração  sua estatua na Praça da Sé, foi adiada.
 
O QUE :  Assinatura decreto lei  nº156/05  em homenagem a Zumbi dos Palmares
 
DATA: 25 DE NOVEMBRO DE 2005
 
LOCAL: Gabinete da Prefeitura Municipal de Salvador com a presença do Sr. Prefeito João Herinque, estarão presente nesta solenidade Ubiratã Castro ( Fundação Palmares), Jorge Conceição(Uniran)  Sergio Brtio ( Secretario de Governo), Sergio Barradas  (Vereador), Mônica Kalile (A Mulherada) Lazaro Duarte   (A Mulherada) Vania Galvão ( Vereadora)  João Bacelar(  Vereador), Gilmar Santiago (  Semur) , Valmir Assunção( Deputado Estadual) Walmir Castro ( Sky Reggae)  Jussara Santana  (Aspiral Do Reggae ) Ana (Acbantu) , Raimundo Bujão(Secad) Jaime Sodré(  Professor Historiador ) Gody    (Historiador  entre outras autoridades)
 
    cordialmente
    
    Monica Kalile
    Presidente
    
    www.amulherada.org.br
    7133267166/99259529
 
    Tema: Carnaval 2006 – Capoeira – Herança Africana
    Inscreva se já  carnaval 2006 – Campo Grande – Barra

Exibição Mestre Bimba A Capoeira Iluminada em Brasília

Auditório do Centro Audiovisual do Ministério da Cultura
 
Dias:
 
17 de novembro às 18 :00 hrs : para autoridades e capoeiristas
 
19 de novembro às 10 :00 hrs : projetos sociais

 
Apoio :
Ministério da Cultura
Lumen Produções e Publytape Comunicação

Capoeira, Pernada e Tiririca

Crônica sobre Capoeira, com algumas informações sobre a Pernada de Sorocaba e a Tiririca da capital paulista, ambas uma espécie de "capoeira primitiva" do Estado de São Paulo
 
Jornal do Capoeira – www.capoeira.jex.com.br
 
Edição AUGUSTO MÁRIO FERREIRA – Mestre GUGA (n.49)
 
de 13 a 19 de Novembro  de 2005

 
Nota do Editor:
 
        À convite da Tribuna Metropolitana – um jornal quinzenal que circula nas zonas norte e sul da capital – tenho escrito algumas crônicas para uma coluna cujo título é Capoeireiro. O objetivo tem sido o de compartilhar informações e pontos de vistas sobre nossa Capoeira. No mês de Julho de 2005 publicamos uma crônica sob o título "Capoeira, Pernada & Tiririca na Terra da Garoa". Com o lançamento do Documentário "Pernada em Sorocaba – Ginga Pela Arte…Ginga Pela Sobrevivência", previsto para ocorrer dia 19 de Novembro de 2005 na Cidade de Sorocaba (SP), achei por bem republicar tal crônica também em nosso Jornal. É o que faço agora.

                Capoeiristicamente,

                            Miltinho Astronauta


CAPOEIREIRO
Capoeira, Pernada & Tiririca na Terra da Garoa
Por Miltinho Astronauta – Julho/2005

Nota da Tribuna Metropolitana

Foi com imensa satisfação que inauguramos esta coluna Capoeireiro. Percebemos que amantes da prática da Capoeira – seja enquanto cultura, seja como esporte ou educação – já estão até colecionando nossas edições quinzenais. A seguir, respondemos algumas questões enviadas à nossa Redação: 1) nosso colunista desenvolve um trabalho de pesquisa do fenômeno da Capoeira em nosso Estado (Interior, Capital e Vale do Paraíba); 2) existe um projeto em andamento para cadastrar os mestres e capoeiras – dos mais antigos aos jovens mestres – das diversas regiões da Capital: Zona Oeste, Zona Leste, Zona Norte, Zona Sul e Centro; 3) interessados em colaborar com este projeto (Coletânea da Capoeira em São Paulo) podem escrever para nossa Redação, ou então enviar e-mail para o nosso Colunista. Como se diz na Capoeira, "vamos dar a Volta ao Mundo, Câmara…".

Leia mais…