22 Set 2006

Crônica: Capoeira, uma escola de cidadania.

A Capoeira no processo de educação…   {curveimage}Em 1990, um acidente de automóvel consumiu 2 meses no hospital e quase 1 ano

22 Set 2006
A Capoeira no processo de educação…
 
{curveimage}Em 1990, um acidente de automóvel consumiu 2 meses no hospital e quase 1 ano de fisioterapia. Conforme indicação médica iniciei na Capoeira em 1992, após finalização do processo de reabilitação. Acreditava-se que uma das pernas, devido à atrofia muscular, seria menor que a outra… Enfim, dei a volta por cima, e em 1994 fui convidado pelo Mestre a ajudá-lo em suas aulas… Em 1998, iniciei a primeira participação voluntária… na Associação do Bairro Granja Verde, em Betim, Região Metropolitana de Belo Horizonte… A Capoeira realmente é envolvente… em ambiente hóstil, onde o tráfico de drogas e a violência fazia parte do cotidiano daquela comunidade…
 
A Capoeira veio como processo educacional. Visualizei alguns benefícios. Entretanto, ainda era jovem para definir um rumo ao projeto adotado. Em 2002, as crianças tornaram-se parte em minha vida, 2 vezes por semana, realizava trabalhos em escolas infantis e desenvolvi uma metodologia para adequar minha "curva de aula" ao ambiente. Devido à dedicação à Ciência Contábil me afastei. Passei então a me dedicar à pesquisas e fóruns sobre Capoeira, quando fui convidado para ser da equipe Portal Capoeira, atualmente a maior divulgadora da Capoeira na Internet.
 
 Há 2 anos sou voluntário do Projeto Escola Aberta, juntamente com um amigo que também é professor de Capoeira. A Capoeira no processo educacional, o esporte-cultura-lazer, a amizade, a importância, a história, as tradições, o crescimento intelectual… sobre relatos, sou uma prova viva… muitos amigos voltaram-se ao tráfico… ao crime… e assim, à morte… posso dizer, sem sobra de dúvidas, que a Capoeira me fez ser uma pessoa melhor… o que sou hoje devo a Capoeira… e esse amor que sinto pela Capoeira que expresso à todos os participantes quando leciono…
 
Hoje, acredito que minha participação no projeto já forma bons frutos… e que devo continuar semeando, plantando outras sementes, propondo a amizade, respeito e união… em outras comunidades… A Capoeira é uma escola de cidadania…
 
Axé…digo… Força… continuamos rumo ao social!!!!
 
 
Túlio Henrique Tubarão 
Estudante do Curso de Graduação em Ciências Contábeis, Professor de Capoeira e Colaborador do Portal Capoeira
Belo Horizonte  – MG
Leave a comment
Mais Artigos
comentários
Comentário

12 + thirteen =