Pernanbuco: A capoeira como ferramenta de inclusão social
30 Out 2009

Pernanbuco: A capoeira como ferramenta de inclusão social

Ajudar jovens e crianças carentes a exercerem a cidadania por meio da prática da capoeira e de atividades afins. Essa é a

30 Out 2009

Ajudar jovens e crianças carentes a exercerem a cidadania por meio da prática da capoeira e de atividades afins. Essa é a proposta da Associação Cultural Desportiva Abaúna Capoeira que além do gingado (nas modalidades angola e regional), oferece oficinas de birimbau, dança popular, dança afro, percussão afro-nordestina e música.

Com mais de oito anos de existência no bairro do Totó, na Zona Oeste da capital, a organização já conseguiu expandir as aulas para outras três unidades – duas no Recife (nos bairros da Várzea e Imbiribeira) e uma em Jaboatão dos Guararapes (em Cavaleiro). Apesar do crescimento, vindo de algumas parcerias governamentais, o grupo precisa de mais colaboradores para manter os 170 alunos que nem sempre têm condições de pagar pelos utensílios básicos das atividades desenvolvidas.

Entre os gastos da associação, estão a manutenção de instrumentos musicais e espaços físicos, a compra de abadás (calças utilizadas por praticantes do esporte) e de camisas uniformizadas, além da confecção de figurinos para apresentações de dança e do lanche distribuído nos dias de troca de corda. “Cada traje de luta completo, com camisa e abadá, sai por R$ 50. Imagine como poderemos dar isso para todos os alunos”, diz o monitor Josimar da Silva, do Grupo Abaúna, que trabalha na comunidade de Brasilit, na Várzea, Zona Oeste do Recife.

{youtube}gLKcOq4XqH8{/youtube}

Serviço

Associação Cultural Desportiva Abaúna Capoeira
abaunacmestrewilla@hotmail.com
Blog do Grupo Abaúna: http://abaunacapoeira.tk/

Fonte: JC Online – http://jc.uol.com.br

Leave a comment
Mais Artigos
comentários
Comentário

three × 3 =