19 Nov 2006

Santos: Seminário discute lei que implementa ensino da cultura afro-brasileira

Continuando a programação da Semana Municipal da Consciência Negra, aconteceu ontem (17), no Campus Dom Idílio da UniSantos, seminário para capacitação de

19 Nov 2006
Continuando a programação da Semana Municipal da Consciência Negra, aconteceu ontem (17), no Campus Dom Idílio da UniSantos, seminário para capacitação de professores sobre a lei federal 10.639/03, que inclui na grade curricular das escolas de ensino básico a temática História e Cultura Afro-brasileira.
 
A palestrante foi a professora Ana Paula Pereira Gomes, mestranda em Sociologia das Relações Raciais da Universidade Federal de São Carlos, no interior do Estado. Ela contou um pouco do histórico da luta da comunidade negra pelo reconhecimento de seus direitos no Brasil, além de destacar pontos importantes da cultura afro-brasileira. Estiveram presentes professores da rede municipal e estadual, além de representantes de movimentos da comunidade negra de Santos.
 
Segundo Ana Paula, até hoje os livros didáticos desrespeitam os negros e a diversidade cultural brasileira. “Os livros mostram um negro como menino de rua ou algum subalterno. Não somos minoria, afinal, constituímos metade da população brasileira”.
 
Santos – A Cidade já adota em sua rede de ensino a lei 10.639, desde que foi sancionada, em 2003. Além disso, o Município fomenta políticas afirmativas e de inclusão, desenvolvidas pela comunidade negra, em parceria com a Prefeitura, por meio da Coordenadoria de Promoção da Igualdade Racial e Étnica (Copire).
 
Na área da saúde, Santos é a única cidade da região a promover campanha e oferecer tratamento sobre anemia falciforme, doença que afeta principalmente negros e afro-descendentes. Também é pioneira no desenvolvimento do projeto Capoeira na Escola, que destaca a saga do negro e sua luta por liberdade na história do Brasil. 
 
ClickLitoral – Santos – http://www.clicklitoral.com.br
Leave a comment
Mais Artigos
comentários
Comentário

17 − 11 =