RJ: WORLD FIGHT CAPOEIRA MUZENZA
14 Nov 2008

RJ: WORLD FIGHT CAPOEIRA MUZENZA

Introdução As cidades de Niterói e Rio de Janeiro foram escolhidas para o 5° Campeonato Mundial Aberto de Capoeira Muzenza / 2°

14 Nov 2008

Introdução

As cidades de Niterói e Rio de Janeiro foram escolhidas para o 5° Campeonato Mundial Aberto de Capoeira Muzenza / 2° World Fight Capoeira / 1° Festival Internacional de Cantigas de Capoeira / 1° Concurso de temas Livres de Capoeira. Não é só pela sua história de Capoeira na era colonial como pela sua posição geográfica estratégica possibilitando a vinda de capoeiristas do mundo inteiro. Sua beleza arquitetônica, suas belas praias, samba e a alegria do carioca nos faz chegar ao equilíbrio, portanto a presença dos mestres conhecidos mundialmente vem dar celebridade aos grandes eventos realizados pelo Grupo Muzenza.

Objetivo:

Promover o intercâmbio entre os vários segmentos da comunidade capoerística; A troca de conhecimentos e experiências sócio-culturais; O aprimoramento técnico-tático e estético-ritual da prática da Capoeira e demais interessados, que trabalham com a Capoeira.

Apresentação:

A Capoeira tem sido sempre objeto de grandes especulações e assim, como tudo que se refere as manifestações populares, ela tem a sua história marginalizada e descaracterizada.

Existem várias teorias sobre a origem de capoeira. A mais aceita é a que ela é uma mistura de diferentes danças, ritmos, lutas, instrumentos musicais, vindos de diferentes etnias e de diferentes partes da África, e que esse mistura ocorreu aqui, no Brasil, na época da escravidão; a capoeira é a brasileira, filha da mãe africana.

Após o período da escravidão, ela começa a ser tão perseguida e até ser posta fora da Lei pela constituição da república em 1890. É um período de grandes marginalidades. Mais ela surgiu marginalizada e “rica”, com um período fértil e um saldo de feitos e estórias que criaram verdadeiros mitos no mundo da capoeragem ou em qualquer outro lugar, onde a estórias fosse descritas pela ótica do povo e não a das classes dominantes.

Por volta de 1930, dentro de um contexto histórico de grande crise econômica e a necessidade política de amenizar as reivindicações e revolta dos populares, o governo se vê obrigado a ceder para não perder o controle. É o advento do “Estado Novo”, que cria sindicatos e libera uma série de manifestações populares, dentre essas a capoeira, enquadrada com normas e regras para sua prática no “folclore nacional”.

A capoeira se desenvolve, tecnicamente, ganha novas características e uma metodologia de ensino e no entanto, perde também, características fundamentais de sua essência.

O mundo da capoeira reage e o grupo Muzenza resolve fazer um trabalho, independente de regras e normas tão estranhas a seus valores e propósitos, buscando, no passado de lutas sociais e culturais (não pessoais), o caminho que dê à capoeira a sua verdadeira identidade.

Mestre Burguês

Programação:

Dia 17 de Janeiro de 2009

– Chegada das delegações

– Roda na praia

– 22h. visita a Escola de Samba

Dia 18 de janeiro de 2009

– Praia e muito surf.

– Roda nos Arcos da Lapa – Centro do Rio de janeiro

– Passeio Turístico

Dia 19 de janeiro de 2009

Local: CIEP Tancredo Neves – Rua do Catete 77 – Bairro Catete – Rio.

– Treinamento intensivo com Mestre Burguês

Dia 20 de janeiro de 2009

Local: CIEP Tancredo Neves – Rua do Catete 77 – Bairro Catete – Rio.

– Treinamento com os Mestres: Sargento (Portugal) – Feijão (Espanha) – Goiorê – Zambi (São Paulo)

– Mestre Sargento e Mestre Feijão – Seqüências de ensino do Mestre Burguês (Método Muzenza de ensinar)

– Mestre Goiorê – Seqüência de Mestre Bimba

– Mestre Zambi – Cintura desprezado do Mestre Bimba

Dia 21 de janeiro de 2009

Local: Clube Canto do Rio – Centro de Niterói, ao lado do Plazza Shopping – das 13h. às 24h.

– Curso com o Contra Mestre Fabinho (Espanha) – Recreação na Capoeira aplicada em escola.

– Curso de Maculelê – Mestre Edvaldo Baiano (Rio de janeiro)

– Curso com Mestre Arerê (Rio de janeiro) – Aula de introdução a Capoeira Angola

– Curso com Mestre King (Rio de janeiro) Capoeira Regional Contemporânea

– Curso com Mestre Levi (Rio de janeiro) – Aula de fundamentos, tradições e rituais da Capoeira tradicional

– Curso com Mestre Korvinho (Rio de janeiro)

– Palestra com Mestre Squisito

– Festival Internacional de Cantigas de Capoeira – Eliminatórias

Dias 22 de janeiro de 2009

Local Clube e Canto do Rio e SESC Niterói

– Das 10h. às 15h. Clube Canto do Rio

– Das 16h. às 21h. – SESC Niterói

– Mestre Carson (Porto Alegre – RS) – A importância do alongamento e da flexibilidade na capoeira – Finais

– Palestra com Mestre Itapoãn (Bahia)

– Palestra com Mestre Paulão (Rio de janeiro) – O Profissional de Capoeira e os conteúdos pedagógicos.

– Formatura dos novos Monitores, Instrutores, Professores, Contra-Mestres e Mestre do Grupo Muzenza

Dia 23 de janeiro de 2009

– Curso com Mestre Raimundo Dias (Salvador Bahia) – Capoeira Angola

– Curso com Mestre Pinatti (São Paulo)

– Curso com Mestre Boca Rica (Salvador Bahia)

– Curso com Suino (Goiânia Goiás)

– Palestra com Mestre Gladson (São Paulo)

– Aulão de Aeroginga (Carson – Porto Alegre)

– Eliminatórias do 5° Mundial Muzenza Aberto Individual Masculino e Feminino

Dia 24 de janeiro de 2009

– Roda de Mestres

– Finais do individual

– World Capoeira Fight Muzenza

E para abrilhantar o evento do Grupo Muzenza, aulas de surf e danças (axé, afro, funk e samba)

Clientela:

Professores

Capoeiristas em Geral

Professores de Ed. Física

Simpatizantes

Inscrições:

Fazer depósito:

Banco Bradesco – Ag. 49-3 – Conta Corrente 117336-7

Unibanco – Ag. 0325 – Conta Corrente 225348-3

Em favor de: ANTONIO CARLOS MENEZES (Mestre Burguês)

Após efetuar depósito envias fotocópia para o endereço: Av. Roberto Silveira, 348 Apto. 103 Bloco B – Icaraí – CEP 24230-161 – Niterói – Rio de janeiro – Brasil

Informações:

E-mails: grupomuzenza@hotmail.com

Fones: (21) 9824-0348 / (21) 9190-3234 / (21) 9364-3069

SITE: www.mundialmuzenza2009.com.br

www.worldfightcapoeira.com.br

 

Categorias

  • Galo – até 58 kg
  • Pena – 58,100 kg até 65 kg
  • Leve – 65,100 kg até 72 kg
  • Médio – 72,100 kg até 79 kg
  • Meio Pesado – 79,100 kg até 86 kg
  • Pesado – 86,100 kg até 93 kg
  • Super Pesado – acima de 93 kg
  • Absoluto: Qualquer peso pode lutar nesta categoria

 

 

Regulamento

1) Das Inscrições:

As inscrições: Deverão ser enviadas pelo Correio para o GRUPO MUZENZA:

Av. Roberto Silveira, 348 – AP. 103 Bl. B – Icaraí – Niterói – RJ – CEP 00000000

Obs.: não serão aceitas inscrições por e-mail.

Para inscrição deverá constar:

Nome:
Peso:
Apelido:
RG:

Para estrangeiros número de Passaporte:

Data de nascimento:
Nome do grupo que pertence:
Cidade:
Estado:
País:
Email:
Telefone:
Termo de Responsabilidade:

2) Das Categorias:

Galo – até 58 kg

Pena – 58,100 kg até 65 kg

Leve – 65,100 kg até 72 kg

Médio – 72,100 kg até 79 kg

Meio Pesado – 79,100 kg até 86 kg

Pesado – 86,100 kg até 93 kg

Super Pesado – acima de 93 kg

Absoluto: Qualquer peso pode lutar nesta categoria

2.1 – Só poderão competir atletas (comprovadamente) maiores de 18 anos de idade.

2.2 – Cada luta será de 3 rounds com duração de 1 min e meio por 1 de descanso.

2.3 – Em caso de empate, será decidido pelos jurados

2.4O piso será de material emborrachado para preservar a integridade dos atletas.

2.5 – Cada atleta poderá ser acompanhado por um técnico que poderá dar assistência nos intervalos das lutas.

2.6 – Cada atleta irá assinar um termo de responsabilidade onde reconhece todo regulamento, concordando e assumindo todas as responsbilidades pela inscrição na competição WORLD FIGHT CAPOEIRA MUZENZA.

2.7 – A pesagem será realizada com material (balança) da própria organização do evento, sendo realizado um dia antes da competição.

2.8 – Os Atletas poderão passar pela vistoria de anti-doping por sorteio realizada pela organização do evento.

2.9 – A competição será de 4 atletas por categoria que farão 2 lutas sendo considerado um único campeão e um vice-campeão por categoria.

3) Da Arbitragem:

3.1 – O sistema de arbitragem contará com: Um árbitro central que irá conduzir os combates tendo autoridade para parar ou repreender os atletas bem como desclassificar mediante as regras

3.2 – Serão 5 jurados que irão pontuar cada atleta.

3.3 – Será um Cronometrista que fará a contagem do tempo de combate e descanso.

4) Das regras e penalidades

4.1 – As avaliações feitas pelos jurados serão: ATAQUE – DEFESA – EFICIÊNCIA – VOLUME DE LUTA

4.2 – Serão permitidos golpes, quedas, floreios bem como toda a movimentação normal de uma roda de CAPOEIRA.

4.3 – Será penalizado (desclassificados) os atletas que:

• Pararem de gingar

• Caracterizarem outra luta

• Deixem a roda de combate com os dois pés por mais de 3 vêzes

• Desrespeitarem por intermédio de gestos obscenos ou palavras de baixo calão

• Desferirem golpes não permitidos: cabeçadas traumatizantes, dedo nos olhos, cotoveloadas, socos, agarrões (jiu-jitsu), joelhadas, chutar

quando estiver na negativa ou atingir o adversário no chão.

• Os atletas poderão usar joelheiras, cotoveleiras e tornozeleiras de material elástico pré liberado pela direção da organização.

• Os materiais proibidos para os atletas serão: óculos, cordões, anéis, relógios, tenis, sapatilhas etc

5) Das premiações

5.1 – As premiações serão dadas aos primeiros e segundos lugares por cada categoria:

1º Lugar: Cinturão e premiação em dinheiro

2º Lugar: Troféu e premiação em dinheiro

3º Lugar: Troféu

6) Do Congresso Técnico

6.1 – O Congresso Técnico Realizar-se-á logo após a pesagem

7) Ritmo

7.1 O toque a ser usado será de São Bento Grande da Regional

Leave a comment
Mais Artigos
comentários
Comentário

14 + two =