Capoeira Virtual – Homenagem
12 Jul 2005

Capoeira Virtual – Homenagem

Homenagem a um dos percursores da "Capoeiriagem Virtual" Mestre Jerônimo é o mentor e inventor da Rod@ Virtual, ou Capoeira internet. uma das

12 Jul 2005
Homenagem a um dos percursores da "Capoeiriagem Virtual"
 
Mestre Jerônimo é o mentor e inventor da Rod@ Virtual, ou Capoeira internet. uma das primeiras ferramentas de distribuição de informações e debates virtuais.
 
Perfil:
Nasceu em Manaus, AM em 24 de dezembro de 1959. Comecou a gingar na Capoeira de Rua com 13 anos de idade em Manaus. É musico profissional e professor de musica, foi contrabaixista das Orquestras da EMB e do Teatro Nacional de Brasília, Orquestra do estado do RJ, Orquestras em Sydney. Guitarista e percussionista ginga em ‘bares da vida’ também com a MPB, Jazz, no Brasil, Europa, e Austrália, etc. Em 1985 parte para a Europa aonde vive e estuda na Franca e Alemanha e visita varios países da Europa. Em outubro de 1987 imigra para a Austrália e introduz a Capoeira oficialmente para o povo australiano na praia de Bondi (Bondi Beach) em Sydney. Mestre Jerônimo mantem uma Roda de Rua na praia aonde nasceu a Capoeira na Austrália desde 1988 e sua escola de Capoeira Angola com aulas regulares esta localizada no Centro Cultural Comunitário do Bondi Pavilion, em Bondi Beach. Em 1990 Mestre JC adotou a cidadania australiana. A partir de 1995 Mestre JC escreveu e publicou 2 livros de Capoeira e produziu 3 Cds de Capoeira na Austrália.

 
» Insert: Capoeira e Sites Dinâmicos – Miltinho Astronauta –
www.capoeira.jex.com.br
 
 
"A internet é um mar sem fim. Mas alguns se afogam antes de encontrar boas praias informativas. Mas existem algumas "Bibliotecas Virtuais" que merecem especial destaque, dado ao riquíssimo volume de "arquivos" alí depositados. Para ficar em três bons exemplos cito o do Dr. Decânio, do Capoeira do Brasil e do Capoeira Mogadouro (Portugal). Este último, aliás, com tecnologia de ponta e considerável dinamismo de informação.
 
Acredito que esta é a grande dificuldade que passa a grande maioria dessas Bibliotecas Virtuais: falta de dinamismo, falta de informações com prismas inovadores e falta de atualizações periódicas. É uma pena que alguns destes sítios-virtuais, são bem elaborados, bem organizados quando a "layout", com boa apresentação, mas não saem do status "em construção…"."


Antes deste fenomemo acontecer… antes deste universo de sites e mecanismos sobre a nossa arte…  a capoeira, que nos remetem a infindáveis pesquisas… e numerosas surpresas… as vezes agradáveis as vezes não… mais como diz a música….
 
"Capoeira é uma fonte infinita de saber…. mata a minha e a sua sede…. e a de quem quiser beber…"
 
… Antes disto tudo Mestre Jeronimo ousou iniciar um jogo virtual… por onde ja gingaram personalidades e desconhecidos… Mestres e alunos iniciantes… Capoeiristas de todos os lugares do mundo…
 
Na RoD@ Virtual do JC já se discutiu e debateu muita coisa importante para a capoeira!!!

Para homenagear o Combatente e eclético Mestre Jeronimo, selecionamos este excelente material retirado do site: Http://somaie.capu.vila.bol.com.br/arquivo.html
 
Entrevista com M. Jerônimo Capoeira (JC)
 
 
1. Sobre as origens da capoeira, ela é realmente brasileira?
 
*mJC = A origem da Capoeira tende a se tornar polemica. De um lado nao se pode negar o fato de que a origem reflete a cultura do povo africano ‘importado a forca’ para a terra dos amerindios, aonde muitas das tradicoes e rituais que na Africa eram praticadas foram se tornando parte deste novo continente, povo, raca. Porem, na Africa nao existe Capoeira, da forma que se entende o jogo ludico praticado em Rodas no Brasil. Tampouco em Cuba, ou outros lugares aonde o mesmo "produto de trabalho forcado" foi colonizado. Portanto, a origem da Capoeira, do jogo na Roda, eh brasileira. A origem da CAPOEIRA, ao tocante no Ideal que exalta a liberdade, expressao de uma raca que LUTA contra o racismo, se torna mais abrangente, nao eh somente um fato historico que refelte o Brasil mas a raca humana. Temos entao o legado de Luta de Capoeira do povo de Palmares como um fato marcante na originalidade da Luta de Capoeira que vai se tornar o jogo da Capoeira.
 
2. Como se dá a formação do Capoeirista? Qual o caminho para chegar a ser
mestre? Como é a hierarquia e o quanto ela deve ser respeitada?
 
*mJC = Conforme falei, existe muita contradicao a respeito da origem da Capoeira,  que leva a muita contradicao para a questao que eh feita para a formacao do capoeirista – tanto dentro e fora do BR. Se for para formar um cidadao que ginga na Roda para educar a sih e evoluir a familia basta aplicar o jogo do respeito ao proximo e graduar na educacao social e civica a Capoeira para sih e seus semelhantes. O Mestre, na questa do esportista eh alguem que obtem uma medalha, um cordel marcial em disputa de competicoes esportista. O MESTRE, o guia do povo, do Quilombo, exemplo para a FAMILIA, eh aquele que Luta a Capoeira para sua sobrevivencia, da comunidade; aquele que educa o capoeirista para gingar para sua propria evolucao, e devera ser reconhecido pela comunidade como MESTRE a partir da prova do seu trabalho, e de sua lideranca – vide  exemplo de Zumbi dos Palmares. Iee viva meu Mestre camara!!! * a hierarguia na Roda da competicao esportiva tem suas regras a partir do que eh elaborado por leis de federacoes esportivas, e leis que legislam o Pais. O respeito varia dependendo do grau de corrupcao que existe nestes orgaos politicos.
 
3. A formação na Capoeira está aberta a todas as pessoas?
 
*mJC = Nao existe "idade" para se tornar um capoeirista, nem uma situacao que exclua nenhuma raca em particular; somos todos humanos, a Capoeira eh uma exaltacao da raca humana. Entretanto, na parte que compoe outras variacoes, capo-esporte, capo-terapia, hidro-capoeira, capo-show, etc, etc, podem existir limitacoes e espercificacoes para o ingresso na Roda que praticam.
 
4. Existe alguma dificuldade para pessoas de origem não negra serem mestres?
 
*mJC = A questao que vc/s apresentam para a Capoeira contradiz com sua origem, e mais ainda com a questao humana. Mestre eh aquele que guia, educa, nao havendo necessidade de uma ‘cor’ em particular para que o Lider, o MESTRE seja reconhecido pela comunidade, sua familia. O esporte da Capoeira porem, podera apresentar outras variantes para esta situacao, aonde em outras areas sociais o ‘negro’, e a mulher, sao ainda discriminados pelo sistema paternalista e capitalista que eh professado em geral.
 
5. Como vocês vêem a participação das mulheres na Capoeira? Está se
intensificando? As mulheres também passam pelo mesmo processo para se
tornarem mestres?
 
*mJC = A mulher, ser humano, nao tem nenhuma diferenca para a CAPOEIRA que existe para edificar a causa da Liberdade e Luta para a preservacao dos direitos humanos. As capoeiristas do sexo feminimo que se dispoe a causa da Capo-esporte poderam ser discriminadas e precisam provar alem do limite exigido ao sexo masculino para tornar legivel tal graduacao esportiva e marcial; vide este sistema esportivo apesar de tentar se tornar mais humano esta baseado no passado que foi regido tal legislacao: o homem tendo a liberdade de ‘sair’ e mulher ficando em casa, subjugada a ‘ritos’ de origem romano catolico, aonde nao pode nem sentar na mesa pra ‘ceir’ com o mestre. Imagine, em muitos casos, mulher, capoeiristas com titulo de Mestre ser respeitada na presenca de ‘machistas’ (mestres) numa Roda. Infelizmente ainda!
 
6. Como vocês vêem a participação das crianças na Capoeira? Que benefícios a
Capoeira traz para as crianças em termos físicos, psicológicos e
educacionais?
 
*mJC = A crianca precisa sobretudo de uma FAMILIA. A Capoeira na sua forma original representa a Familia. A Capoeira quando aplicada de forma humana inclui tudo o necessarios para a formacao fisica, social e sobretudo espiritual do ser humano. Sendo neste caso algo de fundamental para o progresso humano social e espiritual. Entretando, a capo-esporte tem suas limitacoes, apesar de servir para uma parte do fim desejado para nossa evolucao.
 
7. Vocês são da opinião de que a Capoeira deve seguir algum regulamento especial?
 
*mJC = Isso depende de que Capoeira se trata.
 
8. É necessário um órgao oficial para coordenar a Capoeira no mundo?
 
*mJC = Sem duvida podera ajudar a resolver o problema de desordem da capo-esporte, mas, a Capoeira que existe de forma organica nao precisa deste item capitalista. Por sih soh a Capoeira concebe sua propria existencia, sobrevivencia. O voto do povo para o povo eh que coordena esta Roda. Um orgao oficial inclui que se trata de um organismo publico que esta sujeito a influencia do partido politico e de politicos que comandam a Roda, aonde as multinacionais so interessam o resultado capitalista do produto que apoiam, sponsor.
 
9. Um programa de fomento à capoeira no mundo inteiro foi lançado por Gil em
Genebra. Que tipo de apoio governamental seria necessário para o trabalho
que Capoeiristas fora do Brasil estão realizando?
 
*mJC = Este "programa" me parece que VISA a capo-esporte. Fora do Brasil os capoeiristas ja tornaram realidade aquilo que plantam para sih e suas comunidades. Se torna uma questao um tanto abstrata, senao, de fundo capitalista envolvendo empresas e orgaos de esporte esta iniciativa do Ministerio de Educacao e Cultura do governo de Lula usando o Gilberto Gil como porta voz de uma situacao que nao vai mudar em nada o quadro social e espiritual do povo brasileiro. Fora do Brasil, a "origem" da Capoeira seque o mesmo principio que foi exercitado no Brasil colonial, aonde o que foi misturado da Africa, Europa, Amerindios, e outros… a Capoeira eh tudo  que a boca come, no local que se planta o que se colhe pra colocar no prato, na Roda. Porque o ministro da cultura nao procura de vez organizar a Capoeira aih no Brasil? Ao inves de produzir de fora pra dentro. O povo do Brasil esta ou sendo ludibriado, ou entao esta tatica vai acabar se tornando uma faca de ponta contra o proprio povo que elegeu a Capoeira, terao que importar da Europa o produto que este ‘programa’ VISA organizar, ou, administrar? Ate o presente nao se tem nada de concreto que oficialize o resultado do dinheiro de cofres publicos do salario do povo do BR para este programa mundial de Capoeira. Continuam fantasiando o povo do BR com confete, e o carnaval, invluido, soh serve pra gringo e multinacional, no geral. Infelizmente, para o povo do BR este programa ‘FORA’ do Brasil nao vai mudar em muito a situacao deprevada do jogo que enfrentam na Roda que gingam. Aqui fora minha gente, em Pais de 1o. mundo, a Capoeira vai seguir seu curso, indiferente do que o sistema e legislacao do Brasil queira dizer que eh ou nao eh Capoeira – ou capo-esporte!
 
10. Quais são as tendências da Capoeira na Europa? Como vocês vêem a
expansão da Capoeira por aqui? Vocês se sentem preparados para esta
expansão?
 
*mJC = Eu morei na Europa nos anos 80, os capoeiristas estavam chegando e formando os Quilombos. Atualmente existem profissionais que tem consciencia do lugar aonde estao, e daonde sairam gingando. Outros, continuam perdidos, sem identidade cultural gingando por $$ e sem ter um fim para a Capoeira que professam, esportivamente. A tendencia no geral da Capoeira na Europa eh seguir o curso da politica do Euro, social e civica. Os capoeiristas que nao se enquadrarem neste jogo europeu nao terao praparo nem fisico nem emocional para sobreviver decentemente na Roda que gingam a Vida. Capoeira Eh Vida!
 
11. Como a Capoeira se transformou uma vez que chegou à Europa? Houve
mudanças na disciplina, na estrutura hierárquica? Como a integração dos
capoeiras na Europa mudou ou afetou a Capoeira?
 
*mJC = A Capoeira se adata socialmente aonde se ginga a vida e o ser humano evolui a partir deste jogo. Seja na Europa quanto em outros lugares fora do Brasil a estrutura de hierarquia da Capoeira vai ser afetada a partir do modelo social do Pais. Alguma capeiristas tentam em vao viver o sistema de Capoeira que foram disciplinados no Brasil, tradicao, etc, no lugar aonde estao ao presente. Entretanto, a frustacao e um vazio espiritual se torna presente na vida destes seres humanos, e profissionalmente este conflito social modifica a Capoeira que praticam. Em muitos casos este fenomeno se passa  no insconsciente, pois muitos nao tem estrutura em sih para suportar a mudanca que afeta a psique, o emocional, e o espiritual, e preferem ignorar o fato, gingando entao a Capoeira de uma forma que nao condiz com a verdadeira situacao humana que graduam suas vidas. Em outras palavras, gingam ao limbo a vida que praticam na Roda do ‘mar do estrangeiro’, lar do excluido, expatriado, discriminado na terra natal, no Brasil.
 
12. Existem novas formas de Capoeira que nasceram do contato com o Rap, com
o Hip Hop, etc. O que vocês acham disto?
 
*mJC = Existem muita variacoes de Capoeira que surgiram inclusive com o contacto dos capoeiristas ao sair do Brasil a partir dos anos 70. Por exemplo, a Capoeira do Amor, que existia (ou existe ainda?) a partir das apresentacoes de shows da cultura brasileira na Europa seria uma das primeiras variacoes de Capoeira que nao se limita a uma Roda de Capoeira no sentido tradicional do jogo ludico de Luta. A partir daih, seja capo-rap, etc, a unica coisa que precisa estar definida eh que ao se usar a palavra Capoeira deveremos ter o respeito ao legado de Luta e Tradicao do Povo de Palmares.  Seria mais pratico se usar uma variacao no rotulo do que se professa de Capoeira que nao seja a razao organica do que a origem da palavra condiz. Inclusive se aplicar esta formula para a capo-esporte que existe e que se proclama de Capoeira – uma contradicao, senao, um desrespeito ao legado da cultura do povo brasileiro, nossa historia que nao foi contada em livros, nem ensinada em escolas, e queimada na Roda de Rui Barbosa e C.I.A.
 
13. Independente do que, de quem, de onde – o que a Capoeira não pode perder
de jeito algum?
 
*mJC = A Capoeira nao tem nada a perder. O capoeirista sem espirito nao vale um vintem do que ginga na Roda. Seria sensato, inteligente, se preservar a todo custo no ensino e graduacao da Capoeira moderna o ritual que inclui a origem historica e o canto que espiritualiza – exaltando a Mae Capoeira, o criador. Sarava Capoeira Mae!@
 
14. Quando o mercado invade a Capoeira? Qual o risco de a Capoeira se tornar
mais um produto de exportação do Brasil?
 
*mJC = O mercado de consumo que existe na comercializacao da Capoeira que fazemos eh um reflexo da situacao social do mundo dito globalizado, capitalizado. A Capoeira corre o risco nao de se tornar um produto de exportacao do Brasil, mas, de produto para a importacao. Vide o caso do cacau e chocolate, jogadores de futevol e voley, etc.
 
15. O que vocês acham da análise acadêmica (científica ou social) sobre a
Capoeira? Conhecem teses de destaque?
 
*mJC = Existem muita obras modernas que vale a pena ler, de historiadores, pesquizadores e estudiosos da Capoeira  que agora livres das penas e multas do decreto de seo Deodoro da Fonseca e da ditadura militar dos anos 60 podem se expressar e levar ao publico informacoes que sao validas para evoluir a Capoeira dentro da sociedade humana.
 
16. Quais os maiores grupos na Alemanha, Áustria, Suíça? Quais os grandes
festivais? Os projetos mais interessantes envolvendo a Capoeira?
 
*mJC = Como ja falei, vivi nos anos 80 na Europa e imigrei para a AUS aonde estou ha 18 anos, apos inserir a Capoeira no continente aborigene. Deixo esta pergunta para vc/s que vivem na Europa.
 
17. Como a capoeira é vista nestes países? O que chama mais a atenção de
alemães, austríacos e suíços?
 
*mJC = Idem pergunta numero 16
 
18. Como os grupos aqui radicados cooperam? Existe cooperação? Pode-se falar
que existe uma comunidade capoeirista ou são várias?
 
*mJC = Idem pergunta numero 16
 
Eu agradeco a consideracao de me incluir nesta pesquisa. Espero que minha contribuicao sirva para acrescentar para a educacao e cultura do ser humano, e para a preservacao da nossa cultura humana de origem brasileira,  Capoeira.
 
Axe’ Baba!
 
Jeronimo Santos Da Silva
Brazilian born/cidadão . Australian Citizen.
Professional Capoeirista (Mestre/Master)
Musician (B.A. Music). Author. Composer. CD Producer
PO BOX 3327 Tamarama N.S.W. 2026 Australia
 
 
Mestre Jeronimo Capoeira  – ‘Iconoclast JC’
http://www.users.tpg.com.au/mestrejc
 
 
Entrevista (Reportagem sobre a Capoeira na Alemanha, Áustria e Suíça) –
 
BRAZINE e.V. – Berlin, Alemanha
 
E-Home: www.brazine.de
E-Mail: info@brazine.de
 
Http://somaie.capu.vila.bol.com.br/arquivo.html
Leave a comment
Mais Artigos
comentários
Comentário

fourteen + 13 =