Capoeira é Saúde
31 Out 2004

Capoeira é Saúde

Capoeira é Saúde! A capoeira traz muitos benefícios ao praticante pois a medida em que o capoeirista mais pratica essa nossa arte

31 Out 2004
  • Capoeira é Saúde!
A capoeira traz muitos benefícios ao praticante pois a medida em que o capoeirista mais pratica essa nossa arte ele mais se sincroniza com os movimentos preparando gradativamente seu corpo para essa luta. Além da parte física a capoeira é um esporte que conta com a musicalidade que cativa o praticante.

É muito oportuno lembrar que no início da prática o desportista se vê deslumbrado mediante um tão vasto universo de movimentos a serem praticados e devido a isso e aos movimentos iniciais serem mais simples o novo capoeirista evolui rapidamente se empolgando com a prática deste esporte pelo menos até seu primeiro ano de treino, quando os movimentos vão se tornando cada vez mais complexos e sua evolução se torna visualmente mais lenta.
É devido a todas estas vantagens que o novo capoeirista se impressiona e a capoeira torna-se como um vício que neste instante pode assumir uma lacuna importante na vida da criança, jovem e adolescente. Essa lacuna é rapidamente preenchida pela prática da capoeira evitando a ociosidade que de um modo geral é ruim pois no tempo vago que o adolescente procura ou é na maioria das vezes induzido a prática de atividades negativas a sua evolução como cidadão e ser humano. Para as crianças deficientes é um excelente modo de introduzí-las a sociedade devido a sua posição no grupo de capoeira por sua graduação e sua aceitação pelos outros componentes do grupo. O deficiente mais que qualquer um sofre uma evolução psicomotora incrível e sente-se confortado por sua importância como um componente de um todo que seria o grupo de seus novos amigos, do grupo de capoeira.
{mosimage}
Para a criança carente e de rua que em sua maioria aprendeu em toda a sua vida praticamente a violência devido ao excesso de ociosidade, a capoeira vai preencher este tempo livre, trazer nova perspectiva de uma futura profissão e consequentemente um lugar na sociedade além de mostrar através do relacionamento dos componentes de seu novo grupo de capoeira a amizade, o amor, o companheirismo e na pior das hipóteses a tolerância. É por isso que cada vez mais os capoeiristas se conscientizam que a violência só denigre nossa arte capoeira e que um dos bens que esta luta nos traz a saúde é o bom relacionamento com outras pessoas através de um sorriso, um abraço ou um aperto de mão que muitas vezes nunca ocorreriam, devido a distância social, econômica e cultural de muitos dos componentes de um grupo de capoeira.
A prática do esporte como a capoeira gera aumento da produção de endorfina (substância própria do nosso corpo) que reduz o efeito analgésico, excitante e tranquilizante estimulando sempre a constante prática do exercício. Diferente dos outros esportes anaeróbicos, além da hipertrofia muscular, associado a isso, a prática da capoeira aumenta a flexibilidade e alongamento da musculatura, trazendo agilidade ao praticante. A capoeira também gera uma melhora da "performance" cárdio-respiratória, desenvolvendo a musculatura cardíaca e aumentando a capacidade pulmonar, ou seja gerando uma maior resistência aeróbica ao praticante. A prática desta luta deve ocorrer com certa cautela a partir de simples práticas profiláticas a contusões e problemas mais sérios. Isso pode ocorrer através de prévias avaliações físicas feitas por um médico para detectar patologias em potencial que podem se agravar. É muito importante também existir o estímulo do professor e mestre de capoeira da prática do aquecimento e alongamento antes de se iníciar o treino da capoeira propriamente dita.
A capoeira é um esporte completo devido a tudo descrito anteriormente no texto que pode ser resumido em duas palavras: sincronia e equilíbrio de todas as funções vitais que é sempre estimulado pela prática deste esporte. O capoeirista para aprender um novo golpe ou movimento precisa desenvolver o uso sincronizado de vários grupos musculares simultaneamente o que vai viabilizar o uso destes também em práticas corriqueiras no dia a dia do praticante diferentemente do praticante de musculação que trabalha isoladamente cada função muscular. Por outro lado, deve-se ter muito cuidado pois a prática indevida pode gerar lesões musculares bem como articulares, muitas vezes irreversíveis que podem acarretar prejuízos ao praticante pelo resto da vida.

Leave a comment
Mais Artigos
comentários
Comentário

six + fifteen =