Blog

peito

Vendo Artigos etiquetados em: peito

SENTIMENTO CANGACEIRO

Corre em mim um sangue de CANGACEIRO
E carrego um brilho de LAMPIÃO
Que reflete no aço de um facão
Meu espírito forte e guerreiro
Tenho DEUS como sagrado coiteiro
Pra enfrentar as volantes da maldade
Mentira, traição e falsidade
Me trouxeram angústia e rebeldia
Quando vejo injustiça e covardia
Me desperta a impulsividade

Meu instinto animal se faz presente
Ferindo muito mais do que um punhal
Mas procuro guardar em meu bornal
Alegria e bondade simplesmente
Pontear a viola do repente
Com estrofes de amor e esperança
Pra cantar o xaxado da bonança
E encontrar minha Maria Bonita
Pois a estrada da vida é infinita
E nela cangaceiro não descansa

Trago no peito a minha cartucheira
De carinho e amor bem carregada
Para quando encontrar a minha amada
Minha Maria Bonita cangaceira
Vou fazer rainha a mulher rendeira
E viver nossa vida a namorar
Só a ela que eu vou desejar
De respeito entre nós seremos ricos
E perder a cabeça em nossa Angicos
Só se for de prazer ao te amar.

ARPÃO-DE-CABEÇA

… um estranho giro vertical sobre os pés…
… com os braços abertos…
… aguardando uma cabeçada…
… anulada com uma joelhada na face do colega…
… que já entrava com as mãos cruzadas…
… em defesa do joelho hostil!
…!? ARPÃO?!…
…!? de CABEÇA !!!???…

No “Aurélio” encontramos…
ARPÃO: ferro em feitio de seta
fixado a um cabo para ser cravado na presa.
… entendemos!
… ” a seta é a cabeça”…
… “o cabo é o tronco encurvado”…
… “as pernas são a força propulsora…
… procurando cravar o arpão <a cabeça>…
… no peito exposto <braços abertos>…
… de quem pede”…
… assim é o “pedido de arpão de cabeça”!

ARPÃO-DE-CABEÇA

… um estranho giro vertical sobre os pés…
… com os braços abertos…
… aguardando uma cabeçada…
… anulada com uma joelhada na face do colega…
… que já entrava com as mãos cruzadas…
… em defesa do joelho hostil!
…!? ARPÃO?!…
…!? de CABEÇA !!!???…

No "Aurélio" encontramos…
ARPÃO: ferro em feitio de seta, fixado a um cabo para ser cravado na presa.
… entendemos!
.. " a seta é a cabeça"…
… "o cabo é o tronco encurvado"…
… "as pernas são a força propulsora…
… procurando cravar o arpão <a cabeça> …
… no peito exposto <braços abertos>…
… de quem pede"…
… assim é o "pedido de arpão de cabeça"!

Teste Par-Q

PAR-Q

1 – Seu médico já disse que você possui um problema cardíaco e recomendou atividades físicas apenas sob supervisão médica?

Sim       Não 

2 Você tem dor no peito provocada por atividades físicas?

Sim       Não 

3 – Você sentiu dor no peito no último mês?

Sim       Não 

4 Você já perdeu a consciência em alguma ocasião ou sofreu alguma queda em virtude de tontura?

Sim       Não 

5 – Você tem algum problema ósseo ou articular que poderia agravar-se com a prática de atividades físicas?

Sim       Não 

6 Algum médico já lhe prescreveu medicamento para pressão arterial ou para o coração?

Sim       Não 

7Você tem conhecimento, por informação médica ou pela própria experiência, de algum motivo que poderia impedí-lo de participar de atividades fisicas sem supervisão médica?

Sim       Não 

Se uma única resposta for "SIM" é nescessário fazer um exame Médico. 

{mos_sb_discuss:12}

Pra Cantar 2…

Capoeira jurou bandeira

Iêê…
Capoeira jurou bandeira
pediu seu santo sua proteção
entrou na roda, olhou o parceiro
ô, mas olhando o chão pediu perdão
ê, mas deu uma volta de saudação
oi, ainda na roda falou:
Capoeira, eu sou baiano
oia, Mestre Suassuna foi quem me ensinou
estendeu a mão
ê, lá no cumprimento
o pé no peito logo levou
ô, mas subiu do chão que nem corisco
prá confirmar o que havia dito
Capoeira nesse dia
ê, lutou tudo que sabia
ô, mas se não lutasse perdia
amor no peito de Maria
moça do seu coração
jogou no ar e no chão
fez diabrura do cão
oi, rezando uma oração
ê, lá homem de corpo fechado
ô, mas não teme ferro de matar
Ogum é meu padrinho
ô guerreiro do céu e guarda na lua
e na terra meu peito é de aço
ê, lá faca de ponta não fura
ê, viva meu Deus

iê, viva meu Deus, camará

iê, viva meu Mestre

iê, viva meu Mestre, camará

iê, que mestre meu

iê, que mestre meu, camará

iê, que me ensinou

iê, que me ensinou, camará

CAPOEIRA DE ANGOLA

Jogar Capoeira de Angola
Não é brincadeira
Menino vem ver lelê
Com a cabeça no chão
Vai saindo de aú
Completando rolê
Eu fui lá no cais da Bahia
Jogar Capoeira
Lembrei de Pastinha de
Seu Aberê lelê
Capoeira de Angola
Não é brincadeira menino vem ver(Coro)
Camisa sempre falou
Solte o corpo menino
Deixe de falar
Tem que ter sentimento
Para Capoeira de Angola jogar(Coro)
Você diz que entra na roda
Com ginga de corpo sabe balançar
Tem que ser mandingueiro
Para Capoeira de Angola jogar

CHORA CAPOEIRA

Chora capoeira
Capoeira chora
Chora capoeira
Mestre Bimba foi embora
Chora capoeira
Capoeira chora
Chora capoeira
Mestre Bimba foi embora
Mestre Bimba foi embora
Mas deixou jogo bonito
Deve estar jogando agora
Numa roda no infinito
Chora capoeira…
Mestre de capoeira
Existe muitos por aí
Mas igual ao Mestre Bimba
Nunca mais vai existir
Chora capoeira…
Mestre Bimba foi embora
Para nunca mais voltar
Disse adeus à capoeira
E foi pro céu descansar
Chora capoeira…
Atenção capoeirista
Por favor tire o chapéu
Que Mestre Bimba está jogando
Numa roda lá no céu
Chora capoeira…
No dia da sua morte
Berimbau silenciou
Sete dias de luto
Toda Bahia ficou
Chora capoeira…

Read More