Blog

propõe

Vendo Artigos etiquetados em: propõe

Samba & Semba: Lançamento da Revista “Brasil-Angola”

Meu caros membros e amigos da AABA

Em especial os que se encontrarão em Brasilia ou no em torno. Estaremos realizando ao som de um bom samba e um bom  semba*, estaremos realizando em Brasilia no dia 17 de junho a partir das 20h0, no Restaurante da Tia Zélia, o evento de lançamento do 6º Numero da revista “Brasil-Angola”, que completa este mês um ano de existência.

Este periódico que se consolida como um instrumento importante na difusão e no incentivo de uma maior intercâmbio entre Brasil e Angola entra no seu 2º ano com muitas novidades e energia para continuar seu caminho e cumprir sua missão. A revista vive da participação e incentivo dos dirigentes e sócios da AABA, dos amigos de Angola e da África, em especial a de lingua oficial portuguesa, da colaboração dos profissionais e dirigentes angolanos e demais parceiros daquele pais.
É e se propôe uma ferramenta a contribuir dentro das limitações postas para que o Brasil conheça mais Angola e participe do processo de recosntrução deste pais de forma ainda mais efetiva, levando, sobretudo a nossa experiência e alegria ao irmão povo angolano.

Participe, divirta-se conosco e contribua para com esta missão que se propôe a AABA.

Dia 17 de Junho
Horário: As 20h00,
Local:RESTAURANTE TIA ZÉLIA(vide o convite em anexo)
Vila Planalto, lote 8, Casa 8, Brasilia!

Confirme presença por e-mail: jjunior@brasilangola.com.br
www.brasilangola.com.br

Até lá.

Abraços
J.Junior

Faculdade realiza V Copa CEUT de Capoeira

O encontro propõe a interação de capoeiristas entre diversos alunos de diferentes cursos acadêmicos

A Faculdade CEUT, o Grupo de Capoeira Raízes do Brasil e o Mestre Touro, realizam a V Copa CEUT de Capoeira. A atividade que comemora 10 anos de capoeira no CEUT se estenderá durante uma semana, no período de 06 a 11 de setembro.

Durante o evento acontecerão jogos, batizados de alunos, troca de corda, ciclo de palestras e cursos voltados ao conhecimento mais aprofundado da cultura piauiense, através da capoeira. A Copa contará com a participação da comunidade capoeirista, alunos de diversas faculdades e universidades, além de atletas de várias cidades do Piauí e de outros Estados e professores renomados.

De acordo com o Mestre Touro, professor de Capoeira do CEUT, um dos objetivos da Copa comemorativa aos 10 anos de capoeira no CEUT é a qualificação e formação de novos professores e alunos de vários grupos de capoeira do Estado.

O encontro, ainda propõe a interação de capoeiristas entre diversos alunos de diferentes cursos acadêmicos, promovendo assim, um conhecimento mais aprofundado da capoeira no Brasil.

A comunidade em geral poderá se inscrever até o dia 04 de setembro. A taxa de inscrição é de R$ 20,00. Os participantes das palestras e cursos receberão certificado de 40h.

Didimo de Castro
didimodecastro@cidadeverde.com

http://www.cidadeverde.com

Acre: Capoeira da Gente todos os sábados na Difusora

Programa valoriza a modalidade esportiva, cada vez mais praticada no Acre

Com o objetivo de levar a cultura da capoeira a todos os 22 municípios do Estado, suas aldeias e seringais, a Liga Acreana de Capoeira, em parceria com a Rádio Difusora Acreana, realiza todos os sábados, a partir das 10 horas da manhã, o programa Capoeira da Gente, com apresentação de Ithamar da Silva, o presidente da Liga Acreana de Capoeira e convidados.

O programa Capoeira da Gente leva até as pessoas informações sobre a capoeira, sua cultura, dança, estilos de luta e as principais características desse esporte, que já está presente em todos os municípios do Acre e possui adeptos no mundo inteiro. Cada edição também traz uma entrevista especial sobre essa modalidade. A capoeira faz parte da identidade cultural brasileira, tornando-se patrimônio cultural.

“A programação musical do Capoeira da Gente será composta exclusivamente por canções que contagiam e animam as rodas e brincadeiras dos capoeiristas acreanos”, explica Ithamar. Tudo isso com intenção de levar o gingado e o encanto da capoeira para todas as localidades do Acre. A capoeira é uma expressão cultural brasileira que mistura luta, dança, cultura popular, música, esporte, artes marcais e brincadeira, desenvolvida no país por escravos africanos e seus descendentes.

A Liga

Fundada no dia 28 de março de 2001, a Liga Acreana de Capoeira contava com a participação de cinco grupos na sua fundação – atualmente a Liga possui 11 grupos filiados dos 12 existentes no Estado: Senzala, Candeias, Acrebrasil, Aruanda, Axé Capoeira, No Toque da Banguela, Mameluco, Acre Capoeira, Guanabara, ABADÁ e Cordão de Ouro.

A Liga Acreana de Capoeira é uma entidade de direito privado, voltada à prática cultural e desportiva da capoeira, que propõe congregar academias, associações e grupos de capoeira, além de outras entidades, bem como os capoeiristas, promovendo torneios, festivais, simpósios, seminários, cursos, oficinas, copas e campeonatos de capoeira. Propõe ainda preservar as tradições e valores culturais da capoeira, promover e fomentar estudos e pesquisa referente a esse mundo.

Fonte. http://www.agencia.ac.gov.br

Senador propõe que prática de capoeira, recomendada por médico, seja deduzida do Imposto de Renda

Brasil: Papaléo propõe que prática de exercício físico recomendado por médico seja deduzida do Imposto de Renda
Despesas com aulas de natação, dança, capoeira, ioga e artes marciais poderão ser deduzidas do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) caso sejam recomendadas por médico como tratamento de saúde. Essa é a proposta de projeto de lei (PLS 340/07) de autoria do senador Papaléo Paes (PSDB-AP) que está pronto para ser votado em decisão terminativa na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE). O relator é o senador Neuto de Conto (PMDB-SC), que já entregou minuta de relatório favorável ao projeto.

A proposta inclui nas deduções do Imposto de Renda os pagamentos efetuados para professores de educação física, academias de atividade físicas, desportivas, ou de natação, escolas de esportes, academias de dança, de capoeira, de ioga ou de artes marciais, mas apenas quando a atividade for indicada em laudo médico, após diagnóstico.

Na justificativa do projeto, Papaléo afirma que tais atividades físicas, ao lado da fisioterapia, vêm sendo usadas como complemento de tratamentos médicos. O senador ressalta que o objeto da proposta é "o exercício físico ministrado sobre orientação profissional por expressa recomendação médica, como terapia integrante de um tratamento claramente definido em laudo".

Atualmente, despesas com médicos, dentistas, psicólogos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais, hospitais, exames laboratoriais, serviços radiológicos e próteses e aparelhos ortopédicos e dentários podem ser deduzidas, bem como a maioria das despesas com educação.

Fonte: Augusto Castro / Agência Senado – http://www.senado.gov.br