Blog

verão

Vendo Artigos etiquetados em: verão

Aconteceu: Festival de capoeira em Peruíbe

Festival de capoeira marca programação esportiva em Peruíbe, neste final de semana

Evento terá presença de mestres e grupos de capoeira da região

Uma das modalidades esportivas mais praticadas no país, a capoeira terá destaque na programação do Verão Total Peruíbe 2014. Neste final de semana, será realizado o “Capoeirando à Beira-Mar”, com a participação de mestres e grupos de capoeira da região.

Com diversas apresentações gratuitas, o evento mostrará os aspectos culturais que marcaram a história da modalidade, com as técnicas, a dança e o ritmo que influenciaram na formação do esporte que é genuinamente brasileiro. Além das rodas de capoeira, o público poderá conferir apresentações de samba e maculelê.

O “Capoeirando à Beira-Mar” terá início neste sábado (18), às 9h, com uma roda de capoeira no Espaço Cultural Chico Latim (Avenida São João, s/n°). O mesmo local receberá às 19h um Festival de Capoeira, com a presença de vários grupos regionais. Já no domingo (19), às 9 horas, o público vai conferir uma aula aberta de capoeira na Praia do Centro. Todas as atividades são gratuitas.

O Verão Total 2014 é uma iniciativa da Prefeitura de Peruíbe, que promoverá diversas atrações culturais e esportivas até o final de fevereiro.

Mestre Nininho: Acampamento e Treinamento de Capoeira em Tondela

Acampamento e Treinamento de Capoeira: Dias 05, 06 e 07 de Julho de 2013 em Tondela

A nossa ideia do Acampamento e Treinamento de Capoeira no verão é fazer com que os alunos tenham além do treinamento, momentos de lazer num ambiente saudável e agradável. O acampamento Também servirá de intercâmbio entre os alunos do grupo AGBARA e outros grupos que venham participar, onde a experiência vivida no acampamento ficará guardado na mente de todos os participantes.

 

LOCAL DO ACAMPAMENTO: PARQUE URBANO DA CIDADE DE TONDELA

Tondela é uma cidade no Distrito de Viseu, região Centro

A programação terá uma relação direta com a temática escolhida: AULAS DE CAPOEIRA, NUTRIÇÃO, como fazer o BERIMBAU, aulas de MÚSICAS de CAPOEIRA, CORRIDA NA PARTE DA MANHÃ, GINÁSTICA e para aproveitar faremos o LANÇAMENTO do LIVRO do MESTRANDO CINZENTO, QUE VEM DESENVOLVENDO UM GRANDE TRABALHO NO BRASIL E ESPANHA. Também aproveitaremos para fazer a entrega de graduações dos alunos do grupo AGBARA. As atividades serão desenvolvidas de acordo com as regras internas do GRUPO AGBARA. O Acampamento e Treinamento de Capoeira de Verão estarão abertas a todos os alunos, mestres, contra/mestres e professores. Alunos de outros grupos pagarão 30 euros, que poderá ser pago na hora.

Os alunos terão que respeitar as regras estabelecidas e os mais graduados.

Todos têm que trazer suas tenda.

 

Todos deveram ir com vontade e a mente aberta para jogar, cantar, tocar e participar na temática do acampamento as vaidades pessoais de cada um terá que ficar fora do acampamento. Todas as rodas de capoeira serão descontraídas para que todos participem. Nas rodas sempre vai haver jogo de angola e regional para que todos fiquem satisfeitos.

Coordenação do Acampamento

 

MESTRE NININHO

 

CONCTATOS: BANDAS 969794151 – TINTIN: 913307534

Email: [email protected]

Rodrigo Simas conta como a capoeira o ajuda a dançar

Rodrigo Simas no Fashion Rio Verão 2013

Com samba no pé e sua experiência com a capoeira, Rodrigo Simas supera um pequeno ferimento dos treinos para a Dança dos Famosos e se prepara para mostrar que é pé de valsa neste domingo, 27

Filho de capoeirista e em contato com a luta desde muito pequeno, o ator Rodrigo Simas (20) tem utilizado suas habilidades marciais para aprender melhor os passos de suas apresentações da Dança dos Famosos, quadro do programa Domingão do Faustão do qual participa – e o que não falta é animação para dançar bem em seus números.

Estou ansioso para amanhã. Gosto de dança, mas não tinha experiência. O que tenho é samba no pé, adoro carnaval. E a capoeira dá flexibilidade, noção corporal”, afirmou durante passagem pelo Fashion Rio / Verão 2013 na noite deste sábado, 26, na cidade maravilhosa.

Depois de um pequeno acidente durante os treinamentos para sua apresentação na Dança dos Famosos, Rodrigo Simas se considera preparado. “Machuquei o joelho esquerdo, mas foi só uma raladinha, faz parte ficar roxo. Não desistiria da competição por causa disso. Todo mundo entra pra ganhar, mas os outros também são bons e ainda estou ensaiando, então não quero falar muito”, fez mistério.

Fonte: http://caras.uol.com.br

Margareth Menezes Especial 25 anos de carreira

Margareth lança clipe da música Bonapá no AfroPop Especial 25 anos de carreira

Margareth Menezes lançará o clipe da música Bonapá, composição de Carlinhos Brown e aposta musical da cantora para o verão baiano, neste domingo que antecede o Carnaval, dia 12 de fevereiro, na Concha Acústica do Teatro Castro Alves, durante o AfroPop Especial 25 Anos de Carreira.
As filmagens contaram com as participações do ator e apresentador Jackson Costa, do DJ Ruy Santana, além das sambadeiras de São Brás. Já o set de gravação teve detalhes bastante especiais, como o espelho d’água e as esculturas do artista plástico Bel Borba. “Explorei as sensações que o som me causou. Foram elas que me deram o ponto de partida para criação do clipe. Estou sempre perseguindo desafios estéticos no meu trabalho e essa música foi mais que inspiradora”, contou Pico Garcez, diretor do clipe.
Através de telões instalados na Concha Acústica, o público irá assistir em primeira mão ao clipe. O lançamento na web ocorre na mesma noite, através das redes sociais e site da artista.
AfroPop Especial 25 Anos de Carreira encerra a temporada dos ensaios de verão e comemora as bodas de prata da trajetória profissional de Margareth.
Na ocasião, ela recebe as participações musicais de Gilberto Gil, Elba Ramalho, Daniela Mercury, Paula Lima e dos principais blocos afros baianos.

Registro sedia o 1º Jogos de Verão de Capoeira

A tarde do último sábado foi marcada pela edição dos Jogos de Verão de Capoeira. Mais de 100 crianças, entre elas muitas meninas,participaram do evento voltado para a capoeira de Angola e que contou com a presença de Dierrin e a esposa Cláudia Hengler, considerados mestres da capoeira de Angola.

A prefeita Sandra Kennedy foi prestigiar o evento e destacou a importância da Inclusão social pelo esporte, principalmente com a Integração das equipes de Esporte, Assistência Social e Cultura da Prefeitura de Registro que deram todo o apoio ao evento.

Organizado pelo professor de capoeira do CRAS do Bloco B, Ednei da Silva Cruz, o Pezão, a atividade contou também com a presença de voluntários, colaboradores e com o Projeto Segundo Tempo. Na oportunidade, outros professores de capoeira também da região ressaltaram a importância do esporte e contaram um pouco da história da capoeira como as diferenças entre a capoeira de angola e a regional. Estiveram presentes os professores Judiação, da Vila Nova, Rogério, Roni e Robinho.

A Prefeitura também disponibiliza aulas de capoeira no CRAS da Vila Nova, do Jardim Paulistano, Arapongal com professores capacitados. Os interessados em participar podem entrar em contato no CRAS que atende a região da comunidade onde moram.

 

Fonte: http://diariodeiguape.com

Portugal: Acampamento Pedagógico, Intercâmbio e Treinamento de Capoeira

PEDAGÓGICO INTERCÂMBIO E TREINAMENTO DE CAPOEIRA: 17,18 E 19 Junho 2011

A nossa ideia do Acampamento Pedagógico e Intercâmbio e Treinamento de Capoeira no verão é fazer com que os alunos tenham contacto com outros mestres, alunos e professores num ambiente saudável para aprimorar suas técnicas de capoeira e aproveitar para aprender técnicas de outras modalidades. Onde a experiência vivida e a convivência em grupo são valorizadas através de regras e superação, alcançando a espiritualidade como forma de viver e estar bem consigo, com os outros e com o meio ambiente que fazemos parte.

Será um acampamento de capoeirista e não de grupo, onde todos participam e que no final do acampamento todos se sintam felizes. Não poderá ter qualquer atitude imprópria, todos mostrarão suas habilidades, técnicas e destrezas sem precisar se confrontar um com o outro, o jogo terá que ser livre e solto, tanto na ANGOLA COMO NA REGIONAL, dando oportunidade para todos os estilos de jogo e capoeirista.

Os participantes do Acampamento Pedagógico e Intercâmbio e Treinamento de Capoeira de Verão serão os alunos da capoeira e outras modalidades.

A programação terá uma relação directa com a temática escolhida: aulas de capoeira, berimbau, músicas de capoeira, corridas, ginástica. Também aproveitaremos para fazer entrega de graduações dos alunos de capoeira do grupo AGBARA e actividades recreativas. As actividades serão desenvolvidas de acordo com os grupos e faixa etária dos alunos.

O Acampamento Pedagógico e Intercâmbio e Treinamento de Capoeira de Verão estarão abertos a todos os grupos de capoeira. Os participantes deverão fazer as suas inscrições e efectuar o pagamento através do NIB: 0035 0686 00005675430 44 apresentando o comprovativo junto com a inscrição. Poderão ainda inscrever-se na hora de chegada.

 

A INSCRIÇÃO SERÁ DE 60€ COM O COMPROVATIVO BANCÁRI0 E 65€ NA HORA DE CHEGADA.

O EVENTO SERÁ NO PARQUE URBANO DE TONDELA.

 

CONCTATOS: MESTRE 917738469 /926759198 – TINTIN 913307534/968738803

BANDAS 969794151 – CONTRA-MESTRE BETÃO 961049912 – PEDRO 968097486

Coordenação do Evento

MESTRE NININHO

Araxá: Capoeira e roda de samba encerram atividades do Sesc/Verão 2010

Criançada também contou com rua de lazer durante o encerramento do evento.

Foram encerradas com sucesso as atividades do Projeto Sesc/Verão, promovidas pelo Serviço Social do Comércio (Sesc) de Araxá.

Na tarde do último sábado (6), aconteceu a Oficina de Capoeira, ministrada pelo Mestre Petróleo, da Associação Cultural Esportiva de Capoeira Zumbahia. Além do aquecimento e alongamento com os movimentos básicos da capoeira, houve aulas de acrobacia, saltos e instrumentação com berimbau, pandeiro, atabaque e canto.

No domingo (7) pela manhã, aconteceu o Encontro de Capoeiristas de Araxá, Santa Juliana e São Gotardo, encerrada com uma belíssima roda de capoeira. Os jovens praticantes mostraram suas habilidades e respeito à cultura, tanto nos movimentos quanto nos cantos.

A criançada que esteve presente no domingo também pôde participar da rua de lazer, contando com totó, pingue-pongue, piscina de bolinhas e pula-pula.

A tarde de lazer, esporte e diversão foi encerrada com uma roda de samba na piscina com a Banda Beja, que tocou repertório variado da música popular brasileira, samba e pagode, num clima de entusiasmo e alegria, encerrando de forma marcante o Sesc/Verão 2010, que deixa saudades. Ano que vem tem mais!  Janeiro e fevereiro de 2011 prometem…

Informe Sesc/Araxá – http://diariodearaxa.com.br

Paraná: Crianças se encantam com capoeira no Viva o Verão

Entre as diversas atividades artísticas, culturais e esportivas da programação da Paraná Esporte no Viva o Verão, a aula de capoeira, todas às terças, quintas-feiras e aos sábados, na arena em Caiobá, tem chamado a atenção do público, principalmente o infantil.

Alguns participantes estão presentes nas aulas de capoeira desde o início de janeiro e já pensam freqüentar uma academia, ao retornar das férias. Este é o plano de Patrícia Beatriz, de 7 anos e que se diz muito feliz por ter conhecido a capoeira. “Nunca imaginei que era fácil e que exige da gente concentração e persistência para gingar o corpo conforme o ritmo da música”, disse.

O professor de educação física e capoeirista Adegmar José da Silva, conhecido como Candieiro, participa do Viva o Verão pela primeira vez e afirma estar satisfeito com os resultados obtidos das aulas de capoeira, implantadas este ano nas ações do Viva o Verão.

“A capoeira é mais que uma luta marcial, é uma arte que engloba várias artes como a música, a dança, o canto, construção de instrumentos musicais, história, cultura etc.”, destaca o Candieiro.

“A Paraná Esporte, através do seu diretor-presidente, Ricardo Gomyde e toda a equipe, está de parabéns pela implantação da capoeira na programação do Viva o Verão, pois tem sido um sucesso junto ao público e uma forma de quebrar o preconceito que existe por parte de algumas pessoas”, enfatiza Candieiro.

MEIO AMBIENTE – “Não jogue lixo nas praias, jogue capoeira”, este é o slogan da campanha de conscientização ambiental do Centro Cultural Humaitá, em parceria com o IAP (Instituto Ambiental do Paraná), no projeto Viva o Verão.

A ação tem o objetivo conscientizar as pessoas da necessidade em preservar e cuidar do meio ambiente. Dia 3 de fevereiro, a partir das 9 horas da manhã, na frente do palco em Caiobá, haverá uma conversa sobre conscientização ambiental e um aulão de capoeira com grupos do litoral, Curitiba e região metropolitana. Após isso, sairá um mutirão para recolher lixo em toda a orla, de Matinhos a Caiobá”.

“A idéia é repetir esse aulão e mutirão todos os anos, no mês de fevereiro. Queremos que isso tenha um efeito multiplicador e se estenda para as outras praias”, espera o professor Candieiro.

O evento estima reunir aproximadamente 300 pessoas e contará também com a presença de mestres da velha-guarda da capoeira paranaense como Sergipe, Kuntakinté da Bahia, Bacicco, Kuinkas e Pitón.

Fonte: Agência Estadual de Notícias – Curitiba – BR
http://www.aenoticias.pr.gov.br

Turismo: Capoeira integra programação de lazer nos Hotéis de Salvador

Mais uma possibilidade para a nossa "arte multifacetada"!!!
 
A capoeira pode e deve ser vista como uma grande fonte "VIVA" de possibilidades sócio-culturais.
Não é a toa que grandes redes de hotelaria começam a virar os olhos para o encanto e a beleza da capoeira.
 
Há alguns dias atrás recebi de uma colaboradora do Portal Capoeira, uma chamada que abordava o tema: IMPACTO ECONÔMICO: o quanto a CAPOEIRA gera no PIB? em um texto da Comunicação Social do MinC (Programa de Desenvolvimento da Economia da Cultura)
 
(ver textos em anexo)
 
 
Pois bem… vamos observar a capoeiragem por este prisma! 
  
Não vou desenvolver nenhuma explanação ou crítica para o tema mais sim irei tentar instigar e fomentar uma ampla e natural reflexão sobre o assunto proposto, de forma a que cada um de nós faça uma busca interior sobre o quanto a capoeira gera e movimenta a economia Formal e Informal… o quanto possibilita inclusão e cidadania… o quanto se ginga pelos quatro cantos do globo e pelos sete mares… e de que forma esta ginga representa a cultura brasileira…
As abordagens são imensas… as possibilidades infinitas… cabe a cada um de nós zelar para que este crescimento seja sustentável, positivo e representativo, de forma a preservar as raízes e tradições desta arte genuinamente brasileira, criando possibilidades e realizando sonhos…
 
Seguem os textos que chegaram até nossa redação:
 
1- IMPACTO ECONÔMICO: o quanto a CAPOEIRA gera no PIB? (Programa de Desenvolvimento da Economia da Cultura)
 
 
Construção de indicadores e estatísticas, diagnósticos, capacitação, promoção de negócios, divulgação de produtos e serviços culturais
 
Uma atividade econômica que não depende de recursos esgotáveis, não polui o meio ambiente e utiliza como insumo básico a criação e a inovação.
 
Uma atividade econômica que desenvolve produtos com alto valor agregado, altamente concentradora de mão-de-obra, gerando ocupação em todos os níveis profissionais, com salários acima da média dos demais setores.
Uma atividade que vincula o desenvolvimento econômico ao desenvolvimento social, seja pelo potencial inclusivo que abarca, como pelo aprimoramento humano inerente à produção e à fruição cultural.
 
Estas são as principais características da Economia da Cultura, atividade reconhecida em vários países, como um setor estratégico e vetor de desenvolvimento sustentável. As atividades de criação, produção, difusão e consumo de bens e serviços culturais representam hoje o setor mais dinâmico da economia mundial e tem registrado crescimento médio de 6,3% ao ano, enquanto o conjunto da economia cresce 5,7%. Estimativas do Banco Mundial apontam a cadeia produtiva da cultura como responsável por 7% do PIB (Produto Interno Bruto) do planeta.
 
*No Brasil*
 
O Ministério da Cultura vem trabalhando para construir uma agenda de desenvolvimento à Economia da Cultura e já iniciou uma série de ações com parceiros fundamentais como o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a Agência de Promoção e Exportações e Investimentos (APEX), o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).
 
Em junho de 2006, o MinC conseguiu aprovar o Programa de Desenvolvimento da Economia da Cultura (PRODEC) no Plano Plurianual do Governo Federal. Com isso, a construção de indicadores e estatísticas, diagnósticos, capacitação, promoção de negócios, divulgação de produtos e serviços culturais passam a ter orçamento próprio a partir de 2007.
 
"A Economia da Cultura tem potencial para ser um vetor de desenvolvimento do país e precisa ser entendida como setor estratégico", comentou a assessora especial do ministro Gilberto Gil e coordenadora do PRODEC, Paula Porta. A assessora citou a música brasileira como exemplo da força e extensão do mercado interno da cultura, pois 75% da música executada nas rádios e locais públicos é nacional.
 
*Sistema de Informações e Indicadores Culturais (SIIC)*
 
O IBGE divulgou, no dia 29 de novembro, o Sistema de Informações e Indicadores Culturais (SIIG), primeira sistematização das informações sobre a Economia da Cultura, realizada com base em pesquisas pré-existentes.
 
Os dados são referentes ao ano de 2003 e lançam as primeiras luzes sobre este universo até então desconhecido da economia brasileira.
 
O documento traz informações relevantes como o número de trabalhadores registrados na área da cultura – 1,055 milhão de pessoas, correspondendo a 5,7% dos empregos formais do país -, os gastos da população brasileira com cultura (ocupa o 4º lugar das despesas das famílias, atrás apenas da alimentação, habitação e transporte) e o peso da cultura na oferta de empregos por setor econômico (55,3% em serviços, 25,6% na indústria e 19% no comércio), entre outras.
 
Estes dados vão servir de subsídios para o MinC na elaboração das políticas públicas e na tomada de decisões e também devem servir de referência para empresas e realizadores da área cultural, que desejarem trabalhar com planejamento estratégico. A análise dos indicadores permitirá a identificação de oportunidades e de nichos de mercado.
 
*Conta Satélite para a Cultura*
 
O secretário de Políticas Culturais do Ministério da Cultura, Alfredo Manevy, deseja utilizar as informações da publicação para a elaboração de uma plataforma de ação conjunta com o IBGE, o Ministério do Planejamento e Banco Central, com objetivo de agregar ao Sistema de Contas do País, uma Conta Satélite da Cultura. Através deste mecanismo, que segue padrões internacionais, será possível mensurar com precisão e periodicidade, o impacto das atividades culturais na economia do país.
 
(Comunicação Social/MinC)
 

 
2- Verão 2007 no Sofitel Salvador 
  
A melhor estação do ano chegou: o Verão!
Salvador, a primeira capital do Brasil com todos os seus encantos, fascínios e magnetismo foi sempre um dos destinos mais procurados nesta estação. Muitos vão para lá em busca do sol, fonte de alegria e alto astral.
Neste momento de descansar e aproveitar as férias, fica a dúvida: aonde ir com sua família?
O Hotel Sofitel Salvador, uma ótima opção, neste ano de 2007 está trazendo uma série de novidades.
 
O hotel, sempre em constante modernização está de cara nova. São muitas as mudanças já percebidas e elogiadas por seus freqüentadores. Os famosos restaurantes Les Saveurs d’ Itapuã e Oxum receberam novos elementos decorativos que deixaram seus ambientes ainda mais agradáveis, valorizando seu requinte e sua baianidade. O restaurante Les Saveurs d’ Itapuã, onde é servido o rico café da manhã do hotel tem agora 40 lugares em sua varanda, local cativo daqueles que preferem a brisa do mar e o contato com os jardins, ao espaço original climatizado. Já o restaurante Oxum traz uma novidade para os casais: um menu especialmente criado refeições a dois. “Elle et Lui” foi elaborado pelo premiado Chef Sebastião Torres, com direito a champagne, luz de velas, música ao vivo e toda atmosfera á beira do lago, tudo para compor uma noite romântica e inesquecível.
 
O hotel também recebeu investimentos nas áreas externas, que valorizaram ainda mais a beleza de seus jardins, agora com begônias, petúnias e portulacas, espécies florais que deram mais colorido exuberância, num convite à contemplação. À noite, pode se apreciar a nova iluminação cenográfica, que a partir da utilização da técnica de luz indireta destaca fícus, cicas, arecas e coqueiros, em meio ao gramado e à piscina, agora com um tom azul, obtido por um sistema de lâmpadas tipo led, a mais moderna e ecológica tecnologia existente em iluminação. O resultado é uma atmosfera agradável e tranqüilizante, que favorece o intimismo.
 
As dunas do Abaeté, onde se localiza a propriedade do hotel, são o viveiro natural de várias espécies de pássaros, muitas vindas de longe em busca das invejáveis condições daquele ecossistema, durante a estação do verão. Espécies locais como Canários e Cardeais, raras em outras regiões do país, são comumente apreciadas enquanto se alimentam tranquilamente pelo gramado. Lindas Garças Brancas e Martins Pescadores vivem em equilíbrio com as Carpas e Tilápias do lago de Oxum, situado ao lado do restaurante de mesmo nome, cercado por frondosas árvores, onde vive um bando de Micos.
 
A baianidade está presente mais uma vez na simpatia das garçonetes, que trajadas de baianas, não se cansam de explicar aos hóspedes porque seu colar muda de cor diariamente, numa representação dos Orixás do Candomblé. Aos Sábados, ao som de muita MPB, Samba e Bossa Nova acontece uma animada e saborosa Feijoada, e aos Domingos, os berimbaus e atabaques dão o ritmo para a roda de Capoeira e Maculelê, que acontece em meio ao almoço que apresenta o melhor da culinária baiana: Moquecas, Xinxins, Vatapás e Carurus. A mesma capoeira, é ensinada aos hóspedes, em uma das atividades mais freqüentadas da programação de lazer do Verão 2007, que tem ainda como destaque as aulas de Hidro Axé, conduzidas pelos animados monitores da equipe de lazer.
 
Todas estas atrações fazem parte de dois novos produtos que o hotel está lançando: o So Fun, uma versão de 7 diárias ao preço de 6, e o So Relaxing, com check in sempre às Sextas e late check out aos Domingos.
 
Que me desculpe o nosso poeta, mas agora você vai descobrir que vale a pena passar muito mais do que uma tarde em Itapuã.
Sofitel Salvador – Bahia
www.sofitel.com.br 
Fonte Diário do Turismo: http://www.diariodoturismo.com.br/

Aracaju: Cortejo folclórico na abertura do Projeto Verão 2006

Uma tradição na abertura do Projeto Verão, o cortejo folclórico este ano tem novidades. Na edição de 2006 do evento, os grupos folclóricos não estarão se apresentando no Centro da Cidade como em anos anteriores, mas na Passarela do Caranguejo, na Atalaia. A outra inovação é que a festa terá uma efetiva mistura de ritmos da cultura popular com a participação de grupos de Hip Hop, capoeira e quadrilha junina.
 
O cortejo folclórico que acontece hoje, dia 6, a partir das 19 horas, abre oficialmente o Projeto Verão 2006. Para este ano, com a mudança para a Passarela do Caranguejo, a Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Esportes (Funcaju), coordenadora do projeto, visou identificar o cortejo com o ambiente onde ocorre o evento: a praia de Atalaia. O local também é o principal ponto de encontro da população de Aracaju nos finais de semana, o que servirá como oportunidade para conhecer e ter um contato mais próximo com parte da cultura sergipana.
 
Estarão participando do cortejo: o grupo parafolclórico Peneirou Xerém (Aracaju), Reisado de Anúzia (Santo Amaro), Samba de Pareia da Mussuca (Laranjeiras), Samba de Coco (Barra dos Coqueiros), Grupo Muzenza Capoeira (Aracaju), Quadrilha Junina Abusados da Roça (Aracaju) e os grupos de Hip Hop: Ato Ofensor, Vozes do Belo, Resistência Negra e Familiativista.