Blog

internacional

Vendo Artigos etiquetados em: internacional

Azerbaijão será sede de 1º Campeonato Mundial de Capoeira

 

O Campeonato Mundial de Capoeira foi aguardado ansiosamente por um longo tempo. Finalmente, entre os dias 30 de maio – 01 de junho de 2013 o campeonato será realizado pela Federação Mundial de Capoeira (WCF), em Baku, capital do Azerbaijão. O evento será diferente de todas as outras competições organizadas anteriormente. Os campeonatos mundiais de capoeira realizados anteriormente eram, principalmente, realizados por um determinado grupo internacional de capoeira.

Os exemplos disso, foram os campeonatos mundiais organizados pelos grupos internacionais “Muzenza” e “Maculele”. Mas, no campeonato que será organizado pela Federação Mundial de Capoeira (WCF), equipes de todos os grupos internacionais de capoeira poderão participar. Estarão presentes equipes de mais de 80 países, e cerca de 20 grupos internacionais de capoeira foram convidados para o torneio.

A característica principal deste campeonato é que atletas receberão gratuitamente hospedagem, alimentação e transporte durante a estadia deles em Baku (para maiores informações visite o site da e os requisitos para a participação). O resultado disso é que as federações e escolas de capoeira que tem dificuldades financeiras terão condições de participar do campeonato (sem nenhum custo).

Os árbitros foram selecionados dentre mestres e professores com extensa experiência na capoeira e membros de diferentes grupos de capoeira, o que contribuirá para uma avaliação objetiva e justa dos atletas durante o campeonato.

Após a inscrição online, os membros das equipes – atletas, treinadores, torcedores, etc – receberão uma carta de confirmação em seu e-mail que os capacitará a participar do evento.

 

Ler tambémhttp://www.ebc.com.br/noticias/internacional/galeria/videos/2013/04/azerbaijao-sera-sede-de-1o-campeonato-mundial-de

 

Ver:

 

{youtube}y4lFlHApdds{/youtube}

 

* Nota do Editor: Estarão presentes diversos mestres de relevância internacional

Salvador: 25 Anos do Grupo Topázio

Encontro Internacional de Capoeira acontece em Salvador

O Grupo Capoeira Topázio comemora seu 25º aniversário homenageando o Mestre Dinho

O grupo de capoeira baiano, Topázio, que participou do show Q’Viva the chosen, de Jannifer López, Marc Anthony e Jamie King, apresentado este ano em Las Vegas, promove em Salvador, entre os dias 13 e 16 de dezembro, a 28ª edição do Encontro Internacional Capoeira Topázio.

Na ocasião, o Grupo Capoeira Topázio comemora seu 25º aniversário homenageando o Mestre Dinho, fundador do grupo e o seu filho, o contramestre Rudson, tanto pela luta e perseverança no incentivo à prática da capoeira, pela divulgação da atividade pelo mundo e pelos trabalhos sociais que realiza em Salvador.

Com a proposta de levar golpes de outras artes marciais, a exemplo do boxe e jiu-jitsu à capoeira em nome do aprimoramento técnico e do refinamento da luta, tornando-a mais eficiente, o mestre Dinho criou um estilo único para o grupo. O Tapázio possui filiais na Alemanha, Argentina, Bélgica, Dinamarca, Espanha, Estados Unidos, Holanda, Itália, México, Rússia, Turquia e Emirados Árabes e mais 12 países, além do Brasil, com mais de 17 mil alunos.

Programação completa:
13 de dezembro, das 15h às 20h
Campeonato de Capoeira de Angola e Campeonato de Bateria
Local – Academia Topázio (Ladeira de Santana, em frente ao Shopping Baixa dos Sapateiros)

14 de dezembro, das 12h às 19h
Tour do Mestre Dinho às origens do grupo Capoeira Topázio (das Palafitas à Las Vegas) e a tradicional Roda de Capoeira do Terreiro de Jesus.
Local – O roteiro inclui diversos pontos da cidade, encerrando no Terreiro de Jesus, Pelourinho.

15 de dezembro, das 13h às 18h
TFT – Topázio Fight Team Championship
Local – Colégio Severino Vieira (Nazaré)

16 de dezembro, das 17h às 21h
Batizado, formatura e show folclórico
Local – Teatro do ISBA (Av. Oceânica, 2717, Ondina).

 

Curiosidade: O grupo de capoeira baiano, Topázio, participou do show Q’Viva the chosen, de Jannifer López, Marc Anthony e Jamie King, apresentado este ano (2012) em Las Vegas.

 

Matéria original iBahia
Encontro Internacional de Capoeira acontece em Salvador

Mestre de Guarapuava produz filme sobre história da capoeira

Autor de vários projetos sociais no município, Ceará aparece entre capoeiristas do mundo todo contando a trajetória do esporte. Lançamento do festival cinematográfico acontece no Cine XV, neste domingo, mas a mostra será levada a vários Estados do país

O capoeirista Francisco Aloísio Teixeira Filho, conhecido como Mestre Ceará, deve colocar o município de Guarapuava, mais uma vez, no cenário internacional do esporte. Líder da Companhia Volta ao Mundo, ele ajudou a produzir um filme que vai contar a história da arte brasileira, além de relatar a trajetória dos nomes que atravessaram fronteiras para espalhar a modalidade a vários países.

O filme “Capoeira: a Arte que Encantou o Mundo” será exibido em primeira mão na cidade de Guarapuava, às 8h30 deste domingo, 9, no Cine XV. O festival cinematográfico, no entanto, será lançado já na sexta, 7, com batizados, troca de cordas e cursos na Escola Estadual Newton Felipe Albach, a partir das 15h. A organização é dos capoeiristas “Banin”, “Trilips”, Hait, Eddy e Bombom.

Durante o longa, são mostrados shows de capoeira em países como Canadá, Estados Unidos, Alemanha e Japão, além de projetos desenvolvidos no mesmo local por mestres brasileiros. Como já ministrou aulas e cursos em várias partes da Europa (Polônia, Bielorrússia, Bélgica, França e Suíça, entre outras), Ceará também aparece mostrando a expansão do esporte e da arte.

Ceará é fundador da companhia Volta ao Mundo e vem ajudando crianças e adolescentes da região com projetos sociais. No ano passado, foi reconhecido por uma instituição nacional pelo trabalho realizado com pessoas com deficiências físicas e mentais. O mestre realiza aulas em escolas públicas e na Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), entre outras instituições.

Em Guarapuava há quase uma década, Ceará já promoveu grandes eventos no município. O último deles, o Circuito Internacional e Jogos Abertos de Capoeira, aconteceu em junho.

O capoeirista iniciou a carreira aos nove anos de idade, em Fortaleza (CE) e, apesar dos problemas de saúde que teve na infância, se tornou um dos grandes nomes da arte no país. Ele cita como seus “formadores” os mestres Jair Correia (Grupo Marabaiano- Fortaleza), Antonio Carlos de Menezes (Muzenza-Curitiba) e Jamil Raimundo (Museu-Belo Horizonte).

 

Diário de Guarapuava

http://www.diariodeguarapuava.com.br

Federação (FICA) quer colocar capoeira nas Olimpíadas

O sonho é da Federação Internacional de Capoeira, a Fica. A entidade contratou um grupo de empresas de marketing, composto pela a Brunoro Sport Business, SPV e R2 e a GTEC Digital, para difundir a luta como identidade cultural brasileira e ampliar o número de praticantes ao redor do globo.

As agências terão a missão de elaborar torneios nacionais e internacionais, mapear o potencial publicitário do esporte, criar comerciais de TV, reformular o calendário de eventos e provas oficiais e obter patrocinadores. A capoeira, como esporte, está inserida no Comitê Olímpico Brasileiro (COB). Já a Fica está vinculada à SportAccord, entidade vinculada ao Comitê Olímpico Internacional, e à União Mundial de Artes Marciais (WOMAU).

O sonho da Fica é colocar a capoeira entre os esportes olímpicos. Quem sabe ela chega lá. Segundo dados da entidade, a modalidade está presente em mais de 150 países com cerca de oito milhões de praticantes ao redor do mundo. A maior parte deles, seis milhões, está no Brasil.

 

O que diz Sérgio Vieira:

A Capoeira é uma paixão nacional no Brasil na mesma proporção em que é o Futebol. Sendo assim, muitos se posicionam em defesa de seus cuidados, cada um ao seu modo. Em relação à inserção da Capoeira no Movimento Olímpico, não é diferente, e resulta em polêmicas. O entendimento que leva a Federação Internacional de Capoeira – FICA a manter este esforço e o de estabelecer este consórcio é o de que se faz absolutamente necessária a criação de um mecanismo de preservação do acervo cultural da Capoeira Angola, da Capoeira Regional e da Capoeira Contemporânea, que possa ser também difundido por meio da estrutura desportiva internacional. Tal entendimento se dá no fato de que os procedimentos técnicos e tradições da Capoeira estão sendo alterados em função da informalidade com que a mesma está difundida em âmbito mundial. Deste modo considera-se sob risco a reprodução deste patrimônio cultural por múltipla diversificação de suas práticas. Há nesta postura o entendimento de que precisamos capacitar mestres, docentes e técnicos com os mesmos conteúdos programáticos em todos os países, uniformizando assim, competências, saberes e habilidades de seus agentes de reprodução. Salienta-se que se trata de novos tempos e que a FICA deseja neste momento sentar com todos os segmentos da Capoeira para seja possível a construção deste objetivo por meio do consenso, com base em nossas igualdades e não em nossas diferenças. Sejam, portanto, todos muito bem vindos à esta nova fase da Capoeira.

 

Fonte: http://colunas.revistaepoca.globo.com/

SP: Seminário Internacional de Desenvolvimento Econômico para Afrodecendentes

Seminário Internacional de Desenvolvimento Econômico para Afrodecendentes no Município de São Paulo

Vimos convidá-lo para participar deste Seminário, que traz ilustres palestrantes, como Mr Tony Regusters, Produtor de Comunicação, Consultor Internacional, Secretário e Cineasta, e Ms Alison Moses, Consultora/Perita em Desenvolvimento Internacional, Consultora do Banco Mundial, Projetos, Programas e Avaliações na América Latina e outros países, ambos de Washington/DC, além de especialistas do cenário nacional.

Informamos que, serão fornecidos Certificados de participação.

Na certeza de considerar a relevância do evento, o público envolvido e os temas em debate, agradecemos sua atenção.

Gratos

 

Aconteceu: “Festival Internacional Palmas para Capoeira”

De 29 de junho a 01 de julho, aconteceu o “Festival Internacional Palmas para Capoeira”, edição 2012, em Palmas capital do Tocantins, evento este promovido pelo grupo Terreiro Capoeira, pioneiro no estado do Tocantins, no qual vem realizando eventos desde 1990.

O “Festival Internacional Palmas para Capoeira” busca promover a formação de educadores de capoeira convivendo sob a condução de mestres especialistas no processo de tradição da capoeira, visando o crescimento e a difusão da cultura popular brasileira em seus desdobramentos sócio-educativo, artístico e cultural. Estima-se a participação de 800 pessoas entre capoeiristas (tocantinenses e de outras U.F. e países), empresariado, representantes do poder público e sociedade em geral.

Serão realizadas oficinas, palestras, papoeira e também uma atividade em especial, fixando uma parceria com a Universidade da Maturidade – UMA/UFT, a programação trará a realização de vivência da Capoterapia com os alunos da referida instituição, proporcionando uma experiência de uma nova proposta de estilo de vida, através de uma vertente exclusiva para a prática de pessoas que se encontram na “melhor idade” impulsionada pelos fundamentos basilares da Capoeira.

Livro conta, em 4 idiomas, história da capoeira no Brasil

Em setembro o jornalista Mano Lima, lança na Europa, a 3ª. edição do seu livro “Eu, você e a capoeira”, publicada pela Conhecimento Editora. Além da edição em português, a obra ganhou as suas versões em inglês, francês e espanhol.

A primeira sessão de autógrafos acontecerá de 13 a 16 de setembro, em Évora (Portugal), no evento internacional de capoeira “Nosso Reencontro”, realizado pela Associação União Portugal, fundada e dirigida pelo Mestre Umói.

Para o anfitrião, a publicação de uma obra sobre capoeira em vários idiomas é uma oportunidade para os capoeiristas europeus e de outros continentes aprofundarem os seus conhecimentos sobre a arte-luta brasileira. “A participação do Mano Lima em nosso evento será importante para estimular os praticantes da capoeira a conciliarem a prática com o estudo da capoeira”, afirma Umói.

Em seguida, o escritor visita as cidades de Valência, Alicante e Madri, a convite de Mestrando Cinzento. Assim, no período de 17 a 23 de setembro, divulgará o livro em programação desenvolvida pelo grupo Aluá Capoeira, que atua na Espanha. “Essa é a segunda vez que o camarada Mano Lima participa de nossos encontros e essa obra editada em espanhol e em outros idiomas falados na União Européia é uma das boas novidades para a agenda da capoeira em 2012”, declara Cinzento que, juntamente com Mestre Umói, serão responsáveis pela distribuição do livro no “Velho Mundo”.

Durante os eventos, o jornalista fará reportagens especiais para a TV Portal Capoeira, a serem exibidas no Portal Capoeira, coordenado por Luciano Milani. O escritor está à disposição de outros grupos de capoeira para dar palestras e fazer o lançamento do seu livro no período de 5 a 16 de setembro, quando cumpre agenda de divulgação na Europa, acompanhado de Flávio Albuquerque, Editor da Conhecimento Editora. “Vamos aproveitar a viagem de intercâmbio para fazer contato com editoras européias, propondo parcerias para a distribuição de nossas publicações no mercado internacional”, informa Flávio.

 

Serviço: para receber o livro, via correio, ou convidar o escritor para eventos de capoeira, no Brasil, ou exterior, os interessados podem fazer contato direto com o mesmo, nos telefones (61) 3042 9332, (61) 8101 0915 e (61) 9190 4256, ou no e-mail [email protected].

Aconteceu: Evento internacional de Capoeira em Matosinhos e Porto

Matosinhos e o Porto foram palco de 8 a 10 de Junho do 6º Evento Internacional de Capoeira, que contou com a participação de convidados e professores de países como Portugal, Espanha, França e Brasil.

O encontro iniciou na sexta-feira (8 de Junho), pelas 18 horas, com uma “Roda de Abertura”, que decorrerá em frente à Câmara Municipal de Matosinhos.

O Pavilhão da Escola Augusto Gomes, em Matosinhos, será palco, no dia seguinte, de um “Aulão”, que decorrerá das 9,30 horas às 14 horas. A partir das 16 horas, terá lugar na Praça D. João I, no Porto, uma exibição de capoeira. Depois das 18 horas e até escurecer, terá lugar no “Calçadão” de Matosinhos, em frente à Praia do Titã, uma roda e muita diversão. No domingo, terá lugar o Evento Internacional propriamente dito, a partir das 11 horas, no Mar Shopping, que incluiu o “batismo e graduação”, estando o encerramento marcado para as 15,00 horas.

Entre os convidados, contam-se o Mestre Macaco (Brasil), o Mestre Pernalonga (Porto), o Mestre Barão (Porto), o Mestre Neguinho (Lisboa) e o Contra-Mestre Fantasma (Porto). Participam também os Professores Lesma e Papilon (Lisboa), o Professor Stress (Porto), o Professor Oriazambi (Espanha), o Professor Tijolo (Porto), o Professor Zezinho (Lisboa), o Formado Gavião e o Instrutor Gerbinho (França), o Graduado Jamanta (França), entre outros.

Capoeira é uma verdadeira Arte Marcial Mista com múltiplos aspetos: desportivos, educacionais, lúdicos, terapêuticos, artísticos, culturais, místicos, filosóficos e folclóricos. Distingue-se de outras artes marciais pelo processo de formação e estruturação que abrange características de um sistema de defesa e ataque. É uma Arte que pode ser utilizada como luta, jogo ou dança.

É a única modalidade de luta marcial que se faz acompanhada por instrumentos musicais. O ritmo a flexibilidade, agilidade e destreza que estão sempre presentes nesta arte desportiva proporcionam a quem a pratica um alegre prazer e a quem assiste, um verdadeiro espetáculo.

O grupo Zumbi Portugal, que organiza este evento internacional, tem sede em Matosinhos e tem vindo a fazer um trabalho de divulgação da Capoeira organizando diversas apresentações por todo o país, promovendo a interação com outros grupos desportivos e dando a conhecer a todos uma “nova” forma de estar no desporto e na vida.

http://grupozumbi.com/

FCP coordenará programa de cooperação internacional Conexão Brasil-África

A Fundação Cultural Palmares (FCP) é o órgão do governo federal que coordenará a construção de uma proposta de Programa de Cooperação Internacional voltada para a cultura africana denominada Conexão Brasil-África.

A proposta contemplará ações do Plano Plurianual como capacitação, pesquisa e educação, ciência e tecnologia, difusão cultural e formação profissional de agentes culturais.

O Plano Plurianual – previsto no artigo 165 da Constituição Federal estabelece as medidas, gastos e objetivos a serem seguidos pelo Governo Federal, Estadual ou Municipal ao longo de um período de quatro anos.

Para Daniel Brasil, da Assessoria Internacional da FCP, a iniciativa servirá para fomentar o potencial estratégico de base africana e afrodescendente como forma de apoiar processos de desenvolvimento nos países africanos, latino-americanos e Brasil por meio da cooperação internacional. “A ação certamente apoiará a capacitação de agentes culturais a partir do intercâmbio com base na experiência brasileira e sua diversidade.”

A iniciativa faz parte de uma ação prioritária do Ministério da Cultura. A previsão é que até o final de 2012 o trabalho final seja apresentado à presidenta Dilma Rousseff e as atividades iniciadas em 2013.

 

Criada em 1988, a Fundação Cultural Palmares é uma instituição pública vinculada ao Ministério da Cultura que tem a finalidade de promover e preservar a cultura afro-brasileira. Preocupada com a igualdade racial e com a valorização das manifestações de matriz africana, a Palmares formula e implanta políticas públicas que potencializam a participação da população negra brasileira nos processos de desenvolvimento do País.

Fruto do movimento negro brasileiro, a Fundação Cultural Palmares foi o primeiro órgão federal criado para promover a preservação, a proteção e a disseminação da cultura negra. Em seu planejamento estratégico, a instituição reconhece como valores fundamentais:

COMPROMETIMENTO com o combate ao racismo, a promoção da igualdade, a valorização, difusão e preservação da cultura negra;
CIDADANIA no exercício dos direitos e garantias individuais e coletivas da população negra em suas manifestações culturais;
DIVERSIDADE, no reconhecimento e respeito às identidades culturais do povo brasileiro.

 

http://www.palmares.gov.br