Blog

jamaica

Vendo Artigos etiquetados em: jamaica

Competição: Rio-pedrense é vice-brasileiro de capoeira

Com capoeiristas de diversas regiões do país, competição foi de alto nível

O capoeirista Vanderlei de Souza França, conhecido como Jamaica, retornou da cidade de Jales (interior de São Paulo) com o troféu de vice-campeão brasileiro de capoeira, um feito e tanto para o atleta que começou a praticar o esporte com 17 anos. Jamaica disputou a competição em 9 e 10 de dezembro, na categoria Amadora. Enfrentando capoeiristas de diversas regiões do país, disse que a competição é de alto nível. “Enfrentei adversários do Ceará, Alagoas, Paraná. Empenhei-me ao máximo para trazer o ouro, porém, não foi dessa vez”, disse o jovem de 22 anos.

O professor de capoeira e mestre de Jamaica, Joaldo Gonçalves de Oliveira, acredita que o resultado foi bastante positivo e destacou as qualidades técnicas do aluno. “Durante a competição ele demonstrou um profundo conhecimento técnico e tático do jogo de capoeira. O bom desempenho dele se deve ao trabalho sério que desenvolvemos em nossas aulas, além da dedicação do Jamaica nos treinos”.

Dedicação essa que fez com que Jamaica de aluno se tornasse monitor do projeto “Joba Capoeira”, ministrando aulas de capoeira. “Comecei como aluno dentro do projeto e hoje com a orientação do mestre dou aulas”. E sobre a importância da capoeira na vida, o garoto conta que o esporte foi “divisor de águas”. “Antes eu era simplesmente um estudante, um trabalhador rural. Depois que tive contato com a capoeira, me tornei um bom marido, um cidadão, um ótimo funcionário”.

Desta forma, o projeto “Joba Capoeira” vai cumprindo o seu objetivo social. “A nossa meta é que o aluno aplique no dia a dia os conhecimentos adquiridos na capoeira. Autoconhecimento, respeito pelo próximo, solidariedade são esses os nossos valores”, comentou Joba.

 

Fonte: http://www.tribunatp.com.br

MS – Campo Grande: Capoeira, Solidariedade e Ação Social

Mais de 1,5 tonelada de alimentos é doada para a população carente do Jardim Noroeste: A iniciativa dessa ação social partiu do grupo de Capoeira Filhos de Jamaica.

Os capoeiristas pediram o apoio do Portal Educação, empresa referência em Educação a Distância no país, que prontamente se dispôs a ajudar. Os colaboradores se empenharam e foram em busca das doações com a comunidade, empresas, políticos, entidades de classe, entre outros.
Após quase um mês de arrecadações, conseguiu um montante equivalente a mais de 1,5 toneladas de alimentos. O resultado surpreendeu a todos da empresa, aos que colaboraram e, principalmente, ao grupo de capoeira.

Compromisso

“O Portal Educação sempre procura desenvolver ações sociais com os seus colaboradores e também com a comunidade campo-grandense. As nossas arrecadações podem servir de exemplo às outras empresas e entidades para voltarem os olhares para o próximo”, ressalta o presidente do Portal Educação, Ricardo Nantes.
A organização da campanha também teve a colaboração da moradora do bairro, Livrada Fernandes Cáceres, mais conhecida na região como “Tia Dalila”, que visitou as famílias do Noroeste e fez uma espécie de cadastro com as mais carentes.

“Eu sempre procuro ajudar o próximo na medida do possível. O grupo de capoeira Filhos de Jamaica me informou das 50 cestas básicas e prontamente resolvi cadastrar as pessoas que passam mais necessidades”, declara Tia Dalila.

Cláudio Barbosa, o mestre Jamaica, disse que esse é o segundo ano consecutivo em que o grupo realiza a campanha. “Nós, do grupo Filhos de Jamaica, ficamos muito contentes com a colaboração e o apoio que o Portal Educação nos deu. Esperamos que com esta atitude do Portal as portas possam se abrir para outras empresas”, declara mestre Jamaica.

 

Fonte: http://www.acritica.net – A Critica de Campo Grande