Blog

modalidades

Vendo Artigos etiquetados em: modalidades

Cidade de Deus promove cidadania e inclusão de jovens com evento esportivo

A manhã deste sábado foi marcada pela abertura dos I Jogos Abertos da Cidade de Deus, organizado pela equipe de Territórios da Secretaria de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos (SEASDH). Cerca de 400 jovens, com idades entre 09 a 15 anos, participarão do torneio, que vai até 11 de dezembro.O objetivo dos jogos é promover a cidadania e a inclusão destes jovens, que disputam dez modalidades esportivas: futebol, futsal, quatro modalidades de atletismo e três de artes marciais. Estão competindo os alunos dos projetos: Acomunicom, Aliança Ariri Capoeira, Bem Viver, CEACC, Águia de Charlote, CDD em Forma, Fanáticos por Futebol, Monte Sião e Ginga Brasil, além do SESI e do Centro de Referência da Juventude (CRJ).As modalidades esportivas acontecem em toda Cidade de Deus promovendo um entrosamento entre as três UPPs presentes no local – Quadras, Karatê e Apartamentos. Na abertura do evento foi feita a execução do Hino Nacional, pelos soldados Torres, Lemuel, Jaderson e Daniel, da UPP, que há três meses trabalham no projeto Educarte, que leva a música para 40 jovens. Alguns deles se apresentaram junto com os soldados.

O Major Romeu, comandante da UPP das Quadras, trouxe estes soldados de várias unidades para a comunidade, mas afirmou que o trabalho social da PM não para por aí. Os policiais treinam Jiu-jitsu, futebol, capoeira e karatê, além de ajudarem no reforço escolar. As atividades contam com o apoio do CRJ e de uma igreja, que cederam seus espaços.

– Hoje as equipes de Jiu-jitsu e a de futebol, que têm ao todo 400 alunos, estão competindo a convite no aniversário da UPP do Morro dos Macacos”, concluiu.

Na abertura, o Mestre Darli da Silva Costa, do grupo Aliança Ariri Capoeira, fez um solo de berimbau e foi seguido pelo juramento olímpico, feito pelo aluno Mateus de Lima Costa.

Para Daniel Misse, superintendente de Territórios, o evento da SEASDH cumpre seu objetivo de aliar o esporte à saúde, à cidadania e à inclusão. – Ver quase 400 alunos inscritos é muito gratificante. E o mais legal é que cada um que participa é parte igual deste processo – afirmou.

O gestor social da Cidade de Deus, Bruno Machado, e a professora de capoeira Darlene Costa concordam.- Esse momento é histórico para a CDD, porque esse é um evento que não veio de fora, mas foi pensado com a comunidade – disse.

Lucas da Silva Andrade, de 12 anos, estava acompanhado da mãe, Maria Helena Carlos da Silva, e do professor de Jiu-jitsu no CRJ, Darci de Almeida.O professor se disse feliz em ver que a referência dos meninos mudou. – Antes eles se espelhavam nos traficantes, que tinham grana e poder. Hoje é interessante ver que conhecem todos os lutadores de MMA e sonham ser professores – diz.

Lucas fazia futebol, mas insistiu com a mãe para fazer jiu-jitsu também. – Eu disse a ele que teria que ir muito bem na escola. Ele já passou de ano sem recuperação e o comportamento melhorou na escola e em casa. Agora ele faz o futebol e o jiu-jitsu e eu sempre acompanho para apoiar – diz Maria Helena, orgulhosa.

Além dos jogos, a SEASDH levou ao evento uma tenda da Superintendência de Segurança Alimentar (SSA), com o objetivo de ajudar as crianças a escolher uma alimentação saudável, através de jogos lúdicos.

– Após uma pesquisa feita na Cidade de Deus, queremos aproveitar a oportunidade para aliar a prática de esportes ao consumo de alimentos saudáveis. Há muitos jovens com sobrepeso e obesos, consumindo muitos doces e produtos industrializados – disse Mirani Barros, da SSA.

 

A competição

Neste sábado, foram realizadas duas corridas de um quilômetro, para 12 e 13 anos e para 14 e 15 anos. Na primeira, os vencedores foram Luan Martins, Nicolas Santos e Marco Antonio Barbosa. Na segunda, venceram Eric de Oliveira, Pablo Gonçalves e Matheus dos Santos Pereira.No domingo haverá competições de Jiu-jitsu, no CIEP João Batista, e futebol, no campo do CSU. Os eventos começam às 9h. O encerramento dos jogos será no dia 11 de dezembro com a final do futebol.

 

Fonte: http://www.jb.com.br/

Capoeira é reconhecida como desporto de criação Nacional

Com a aprovação do Estatuto da Igualdade Racial, na noite de ontem, que Estabelece o combate a discriminação racial e as desigualdades estruturais e de gênero que atingem os afro-brasileiros, incluindo a dimensão racial nas políticas públicas e outras ações desenvolvidas pelo estado. 

DA CULTURA
ART. 21 O poder público garantirá o registro e proteção da capoeira, em todas as suas modalidades, como bem de natureza imaterial e de formação da identidade cultural brasileira. 
Parágrafo único. O poder público buscará garantir, por meio dos atos normativos necessários, a preservação dos elementos formadores tradicionais da capoeira nas suas relações internacionais. 

Do Esporte e Lazer
ART. 23 O poder público fomentará o pleno acesso da população negra ä prática desportiva, consolidando o esporte e o lazer como direitos sociais. 

ART. 24 “A capoeira é reconhecida como desporto de criação nacional nos termos do art. 217 da CF.” 
Parágrafo 1 A atividade de capoeira será reconhecida em todas as modalidades em que a capoeira se manifesta, seja como esporte, luta, dança ou música, sendo livre o exercício em todo o território nacional. 
Parágrafo 2 Ë facultado o ensino da capoeira nas instituições públicas e privadas pelos mestres tradicionais, pública e formalmente reconhecidos.

ES: CAPOEIRA NO INTERIOR

Os Projetos “Brother’s Day” de Streetball e “Ginga Brasil” de capoeira movimentaram toda a manhã e início da tarde de sábado no município de Jerônimo Monteiro, no sul do Espírito Santo. Duas turmas de esportistas da ‘Capital Secreta’, capitaneados pelo juiz da Vara dos Feitos da Fazenda de Cachoeiro de Itapemirim, Robson Louzada, que há alguns anos abraçou a causa e anda divulgando as modalidades em todo sul do estado do ES foram até o município.

A Praça da Bíblia, mais conhecida como Praça do Banestes foi o palco para os atletas. Para o “Basquete de Rua” (definição em português para o Streetball) foi montada uma quadra móvel medindo 12 por 24 metros com dois tablados onde as feras do esporte realizaram enterradas e passes radicais, sempre com o objetivo principal de encestar mais bolas e assim vencer o jogo.

O evento foi promovido pela Prefeitura de Jerônimo Monteiro, através da Secretaria de Educação, Esporte e Lazer. De acordo com o Prefeito Francisco Rosseto, a intenção é promover cada dia mais lazer para a população jeromense. “Queremos envolver os jovens nas competições esportivas e incentivá-los a praticar esportes, assim teremos cidadãos mais saudáveis e quem sabe até em pouco tempo estaremos descobrindo talentos, esportistas em nosso município que podem despontar no cenário nacional”, finalizou Francisco.

Estiveram na quadra quatro equipes com quatro jogadores cada, disputando os troféus, sendo que duas equipes foram de Cachoeiro e as outras duas da cidade de Jerônimo Monteiro mesmo. As disputas foram entre duas categorias: adolescentes, com jogadores de até 17 anos e adultos, com idades acima dos 18 anos. Como em toda partida de Streetball, o evento foi animado pelo som do hip hop.

Paralelamente ao basquete, outra turma fez apresentações de capoeira, que é uma expressão cultural afro-brasileira que mistura luta, dança e cultura popular. Um tipo de arte marcial desenvolvida no Brasil por escravos africanos e seus descendentes, caracterizada por golpes e movimentos ágeis e complexos, utilizando os pés, as mãos, a cabeça, os joelhos, cotovelos, elementos ginástico-acrobáticos, sempre acompanhada de música.

As crianças que passaram por lá participaram de oficinas ministradas pelos voluntários dos dois projetos. Uma forma de incentivar o esporte, principalmente nestas duas modalidades, pelo interior do estado, de maneira descontraída.
 
Fonte: http://www.folhaes.com.br/

Santos – SP: Prefeitura abre mais de 800 vagas para modalidades esportivas

Prefeitura de Santos abre mais de 800 vagas para modalidades esportivas
A Prefeitura de Santos vai abrir inscrições para diversas modalidades esportivas no próximo dia 26, nos equipamentos da Secretaria Municipal de Esportes. Só o Complexo Esportivo Rebouças abrirá 800 vagas para basquete, capoeira, ciclismo, dança de salão, dança do ventre, emagreça dançando, futsal, ginástica, ginástica rítmica, handebol, hidroginástica, judô, caratê, musculação, natação e vôlei. As primeiras 200 inscrições são para pessoas acima de 50 anos e serão distribuídas senhas no local (Praça Eng. José Rebouças s/nº, Ponta da Praia).
 
Mais informações: 3261-1980.
 
Já o Centro Esportivo Manoel Nascimento Júnior (Rua João Fracarolli, s/nº, Bom Retiro, Zona Noroeste) terá uma novidade este ano: a Escola de Esporte, destinada a crianças de seis a nove anos, com o objetivo de trabalhar com diversas modalidades esportivas de iniciação. Há vagas abertas também para o basquete, handebol e vôlei, para crianças e jovens de 10 a 16 anos; e futsal, futebol e pólo aquático (sete a 16 anos). Para praticar o pólo aquático é necessário ter noções de natação. Informações: 3203-3802.
 
A Semes Praia terá vagas para as seguintes modalidades: ginástica, tênis de praia, capoeira, tamboréu, tai-chi-chuan e canoagem. A unidade fica no Posto 2 (José Menino). Informações: 3251-9838. Já a quadra esportiva Adalberto Mariani abre inscrições no dia 27 para futsal, basquete e vôlei, para crianças e jovens de sete a 16 anos.  
O endereço é Av. Pedro Lessa, 2.880, no Embaré. Informações: 3271-0652. Os documentos necessários para as inscrições de todas as unidades são: duas fotos 3×4, cópia do RG, ou certidão de nascimento, comprovante de residência e atestado médico. As inscrições serão realizadas até o preenchimento de todas as vagas.

Nordeste: Aulas de Capoeira no SESC e Prefeitura

Cresce a cada dia as ofertas e oportunidades para os profissionais da capoeira. Esta demanda é de fundamental importância pois leva a arte da capoeiragem a diversos locais e tipos de público.
Leia a notícia publicada esta semana no Jornal o Noroeste.
Cresce em Sobral oferta de atividades físicas e esporte para todas as idades
 
Redação O Noroeste
 
 
As aulas são permanentes e têm horários variados. 
  
Cuidar da saúde e curtir o prazer de exercitar o corpo e a mente faz parte da receita adotada por educadores físicos da cidade. Na oferta de atividades físicas, pessoas de todas as idades podem contar com aulas das modalidades ginástica localizada, alongamento, dança para jovens, dança para terceira idade, avaliação física e recreação. As aulas, ministradas por educadores físicos do município, são permanentes e têm horários variados, para atrair um maior número de alunos. As aulas são realizadas no Ginásio Poliesportivo da cidade, sede da Secretaria de Esporte e Juventude, na Lagoa da Fazenda.
 
Os adeptos de caminhadas orientadas também contam com acompanhamento de profissionais de educação física, com atividades nas áreas de lazer na margem esquerda do rio Acaraú, Praça do Patrocínio, Centro de Convenções, Parque da Cidade e Lagoa da Fazenda. Através do programa Segundo Tempo, crianças e jovens de 7 a 17 anos, que estudam na escola pública, contam com livre acesso às aulas de futebol, futsal, vôlei, basquete, skate, bike, capoeira, karatê e, recentemente, xadrez. Já nas chamadas escolinhas de esporte, o Município garante mais um ano de aulas de futsal, futebol de campo, handebol, voleibol e basquete, com vagas abertas para crianças e jovens.
 
O prazer de praticar uma atividade física também é encontrado nas modalidades oferecidas pelo programa Lazer do SESC. Na oferta de início de ano, conveniados e usuários jovens, adultos e idosos já contam com as modalidades de musculação, ginástica, alongamento, yoga, natação, hidroginástica e capoeira. Para o público infantil estão ofertadas aulas de capoeira, karatê, dança e natação. Para todas as atividades é feita previamente uma avaliação física por profissionais de educação física.
 
No projeto SESC Ativo, que promove atividades nos bairros, o público pode contar com a prática orientada por profissionais das modalidades de capoeira (Paraíso das Flores e Vila União), ginástica localizada (Cohab 1) e caminhada (Parque da Cidade). A oferta se estende também ao SESC Junco, com o Sábado Recreativo, das 8h às 12h (agendamento aberto com a secretaria do SESC) e o Domingo SESC Diversão e Arte, das 10h às 16h (piscina livre e atividades esportivas). Para os meses de fevereiro e março, as inscrições já estão abertas para forró, balé, caminhada na Praça São Francisco e ciclismo.
 
COMO PARTICIPAR
Inscrições para atividades físicas e esporte oferecidas pelo município: 3614.7288
(Secretaria de Esporte e Juventude)
Inscrições para atividades do programa Lazer do SESC: 3611.0954
(SAC SESC – Praça Dep. Francisco Monte, 902, Centro, Sobral-CE)
Horário: 8h às 20h 
 
http://www.onoroeste.com.br/materia.php?mat_codigo=2622
 

Bauru: Escolinhas de esportes de Bocaina oferecerá capoeira a partir deste ano

Bocaina – A Diretoria de Juventude, Esporte e Lazer de Bocaina (69 quilômetros de Bauru) inicia hoje as inscrições para 11 modalidades esportivas oferecidas pelas escolinhas de esportes do município.
Existem vagas para natação, vôlei, futsal feminino, futsal masculino, futebol de campo, atletismo, basquete, handball, hidroginástica e bocha. A novidade este ano são as aulas de introdução à capoeira. Os interessados precisam ter entre 7 e 18 anos.
As inscrições são gratuitas. A expectativa da diretoria é receber cerca de 1.300 inscrições. Em 2005, no primeiro ano das escolinhas, foram 1.197 participantes.
Cada aluno receberá gratuitamente uniformes de verão e inverno e ainda receberão uma carteirinha de identificação, com foto. Serão realizados exames médicos nas crianças e adolescentes e os pais têm que assinar uma autorização para seus filhos serem aceitos nas escolinhas.
O diretor municipal de Juventude, Esporte e Lazer, Marco Antonio Giro, o Pipoca, diz que existem planos para implantar ainda este ano mais duas modalidades esportivas nas escolinhas: jogo de dama e judô. As aulas de capoeira, que começam este ano, serão às terças e quintas-feiras, das 19h às 21h, no Espaço Amigo, no bairro José Tonon.
Read More