Blog

representando

Vendo Artigos etiquetados em: representando

Aconteceu: Encontrão de capoeira em Nova Iguaçu

A prefeitura de Nova Iguaçu realizou o 1º Encontrão de Capoeira pelo Meio ambiente do Programa Escola Aberta, que reuniu centenas de pessoas no sábado, 25 de setembro, na Vila Olímpica de Nova Iguaçu.

Foram 25 grupos de capoeira representando a cultura afro-brasileira, que conquista jovens, crianças e adultos. O evento foi aberto pela secretária de Educação, Dilcéia Quintela. “Estou feliz em abrir o primeiro encontrão de capoeira. Precisamos fazer com que chegue às 125 escolas, pois o esporte é fundamental para o desenvolvimento das crianças”, explicou.

O ginásio de esportes mais parecia um grande terreirão com os gingados e lutas dos capoeiristas. O encontro reuniu mestres, mestrandos e professores de capoeira do Escola Aberta, que formaram três grandes rodas representando as categorias infantil, feminina e adulto num belo espetáculo de dança e luta ao som de berimbaus, tambores e cânticos. Todas as apresentações foram acompanhadas pelo secretário Adjunto Pedagógico, Reginaldo Bastos e coordenadoras do Escola Aberta, Denise Andrade e Luciana Matta.

O presidente da Federação de Capoeira da Baixada Fluminense, Reginaldo Alves de Almeida, parabenizou a iniciativa da Secretaria de Educação em promover o encontro “A capoeira no Escola Aberta está ajudando a tirar muitas crianças da rua. Ela disciplina e ajuda a formar homens íntegros”, disse mestre Almeida.

Emerson de Oliveira, 14 anos e mais três irmãos praticam capoeira na Escola Municipal Nabor Otuki. “Antes da capoeira eu era brigão e passava muito tempo na rua. Agora estou disciplinado e trouxe minhas irmãs para o grupo”, contou o menino.

Quem esteve no local também participou de oficinas de artesanato, todas voltadas para o reaproveitamento. Além disso, a organização do evento inovou com o brinquedo “Vai e Vem” feito de garrafa pet, flores com galhos secos, reaproveitamento de jornal, bijuterias, pintura e pula-pula para a criançada. O encontrão contou com a participação das 55 escolas que desenvolvem o Escola Aberta, que é um programa do governo federal em parceria com as prefeituras e abre as escola aos sábados e domingos para a comunidade.

Fonte: http://noticias.sitedabaixada.com.br/

Lançamento do centenário de Ataulfo Alves – 1909 – 2009

Com muito samba e alegria, a capital mineira lançou ontem, no dia nacional do samba, o centenário do intérprete e compositor, Ataulfo Alves, uma noite a altura deste saudoso sambista.

O lançamento aconteceu no Palácio das Artes com lindas atrações. As 18h30min o projeto Terças Poéticas realizou uma apresentação fundamentada na história do homenageado, seguida de poesias, cantos e interpretações, logo após, no Teatro João Ceschiatti, os convidados participaram de uma solenidade para a apresentação da programação de 2009 e lançamento do site www.ataulfoalves100anos.com.br.

O ponto alto da noite ficou por conta do show de Ataulfo Alves Jr com o grupo Copo lagoinha, o publico presente foi ao delírio com as canções, o coro ecoava durante apresentação, os rostos das pessoas estavam estampados de sorrisos, todos embalados ao som dos sucessos do Mestre, realmente foi emocionante. Em seguida, para fechar a noite, foi oferecido um coquetel nos Jardins.

Estiveram presentes: Paulo Brant, secretário de cultura de Minas, Sergio Resende, Prefeito de Miraí além de 15 pessoas representando a cidade, Paulo Rogério representando a Energisa, Vereador Arnaldo Godoy, Aída Ferrari Chefe da Representação Regional do Ministério da Cultura em MG, José Amaro Guimarães de Siqueira – Gerente de Comunicação da TV Globo Minas, José Emilio Afonso Assessor Político do Vice Governador de Minas, Jorge Carlos Borges de Souza, Diretor da Associação Comercial de Minas, José Dias Coelho Neto, Gerente do Escritório da Anatel em Minas Gerais, Valeria Marques Assessora da Diretoria dos Correios em Minas Gerais, o Radialista Acir Antão, Gervásio Horta, Mirian Lott da Funarte, toda a diretoria da FCS, além dos amigos que foram prestigiar a festa.

Confiram a programação no site do centenário.

www.ataulfoalves100anos.com.br

Berlim, Alemanha: Afoxé Loni comemora 10 anos

Da Alemanha, mais precisamente do Cazuá do meu "irmão" Marcio Araújo, mais conhecido na capoeiragem como contra mestre Perna, nos chegam notícias em que no ano da copa do mundo, o país sede já esta inundado de brasilidade e cultura popular…  Antes mesmo de desembarquarem naquelas bandas os camaradas da "seleção canarinho", (aproveitando a deixa pra gente desejar muito sucesso e axé pra nossa seleção!!!).
Pois na luta do dia a dia… no duro trabalho de resistencia… existem muitos camaradas que dão o sangue e se desdobram para implementar um trabalho de base com responsabilidade e coerencia… construindo uma casa em alicerce seguro…
 
Fica aqui a homenagem do Portal a todos os BRASILEIROS, que assim como: Murah, Perna, Ciquinho, Jeronimo, Umoi, Bigodinho, Dorado, Nestor, Loka, João e tantos outros  que tiveram a oportunidade de dar esta volta ao mundo… Nos representando e nos fazendo sentir orgulho da nossa arte e cultura… Axé meus camaradas!!!
 
Afoxé LoniNo aniversário de 10 anos do AFOXÉ LONI, sob a batuta do Mestre Murah, que tive o prazer de conhecer em 2005 em Bremen, Alemanha, quartel general da Família Cazuá, o Afoxé invadiu as ruas de Berlim no carnaval das bandas de lá… e como convidados de honra, estiveram presentes os Irmãos Guerreiros, representando a nossa capoeira mãe…
 
Um grande axé para o camarada Murah, meu amigo e grande "mestre da dança e embaixador da nossa cultura em Berlim"
 

Site Oficial do Afoxé Loni: http://www.afoxe-loni.de
 
Site do Mestre Murah: http://www.murah-soares-dance.com
 
Site do Cazuá – Contra mestre Perna: www.capoeira-angola-bremen.de

Homenagem aos 50 anos de Mestre Jaime de Mar Grande

24 de Maio é dia de festa… dia de comemorar os 50 anos de Mestre Jaime de mar Grande!!!
 
Tive a oportunidade de conhecer Mestre Jaime pessoalmente em Abril de 2006 na minha visita ao Brasil, dono de uma simpatia natural e de uma tranquilidade que contagia, mestre Jaime cativa e conquista a todos em sua volta pela energia positiva…
 
Um dos momentos que mais marcaram a nossa vivência foi sem dúvida a roda no Barracão de mestre Cavaco, na zona Norte de SP, onde pude ouvir uma lição de sabedoria que mestre Jaime aprendeu com seu mestre e fez questão de retransmitir a todos os presentes… reforçando a boa pratica de que boa informação é aquela que é transmitida… e no final desta roda, num gesto de pura humildade e companheirismo, fez questão de salientar, valorizar e homenagear o trabalho que está sendo feito por toda a equipe e camaradas do Portal Capoeira. Fiquei sem palavras e muito admirado… e naquele momento percebi o tamanho do M com que se escreve Mestre Jaime de Mar Grande.
 
Homenagem aos 50 anos de Mestre Jaime de Mar GrandeMestre Jaime de Mar Grande é um legítimo representante da  Capoeira Angola da Ilha de Itaparica – BA, uma Capoeira Angola de Raiz, de Tradição e de Fundamento, Mestre Jaime aprendeu com Mestre Paulo dos Anjos, que por sua vez foi discípulo de Mestre Canjiquinha.
 
O primeiro contato de Jaime com a Angola de Mestre Paulo foi em Mar Grande, costa leste de Itaparica, no ano de 1965, quando Paulo dos Anjos mudou-se por um tempo de Salvador para a Ilha, e ali passou a ensinar "seus meninos".
 
De lá para cá muita coisa mudou na capoeira como um todo, mas mestre Jaime sempre praticou e preservou o que seu mestre lhe ensinou e confiou.
 
Para o Mestre Jaime existe uma enorme relevancia entre os aspectos naturais e uma simbiose entre os elementos que fazem parte da fabricação do Berimbau, muito antes do artesão começar a fabrica-lo: A forma, o clima, o local de origem da madeira, a preocupação ambiental, a energia de quem colheu a matéria prima, são apenas alguns dos aspectos importantes para que o instrumento possa ecoar… ele também chama a atenção para a presença na capoeira de todos os elementos da natureza: “a madeira e a cabaça (representando a mata), o aço, presente na corda do berimbau, o cobre e/ou pedra no dobrão que encostado de leve, com força, ou não encostando no arame, faz variar as notas musicais (representando os minerais), o couro utilizado no atabaque e nos pandeiros (representando os animais), a própria música (representando o ar) (…)”.
 
Mestre Jaime foi também um dos grandes responsáveis pela reintegração do falecido Mestre Gerson Quadrado a Capoeira, valorizando sempre a tradição e o respeito aos mais sábios e experientes…
 
Homenagem aos 50 anos de Mestre Jaime de Mar Grande
 
Um grande abraço meu AMIGO, que este meio século se repita pois a capoeira só tem a ganhar!!!
Muita paz, saúde e felicidade… Sucesso em sua caminhada!!!
 
Luciano Milani – Portal Capoeira