Blog

sexta

Vendo Artigos etiquetados em: sexta

Salvador: PROJETO “CINEMA, CAPOEIRA E SAMBA”

PROJETO “CINEMA, CAPOEIRA E SAMBA”

TODA ÚLTIMA SEXTA DO MÊS – ACADEMIA DO MESTRE JOÃO PEQUENO DE PASTINHA

 

 

Próxima Sexta (dia 29) – às 19 horas na ACADEMIA DO MESTRE JOÃO PEQUENO DE PASTINHA, localizada no Forte da Capoeira: 

 

Os filmes (curtas) que serão exibidos:

“Vadiação”

 

Em seguida uma RODA DE SAMBA TRADICIONAL comandada pelo GRUPO BOTEQUIM no bar do Geovani – em frente ao Forte

 

COMPAREÇAM !!!

 

 

Serviço:

Projeto “CINEMA, CAPOEIRA E SAMBA”

Local: Forte da Capoeira (Largo Santo Antonio Além Carmo – proximo ao Pelourinho)

Data: 29/05/09

Horário: 19 horas

Gratuito

 

Informações: 

3285-3292 (Enio ) / 8115-9235 (Zoinho)

PROJETO “CINEMA, CAPOEIRA E SAMBA”

TODA ÚLTIMA SEXTA DO MÊS – ACADEMIA DO MESTRE JOÃO PEQUENO

Próxima Sexta (27/02) – às 19 horas na ACADEMIA DO MESTRE JOÃO PEQUENO DE PASTINHA, localizada no Forte da Capoeira – Largo de Santo Antonio Além Carmo:

O filme que será exibido é “BARRAVENTO” (1962) de Glauber Rocha –  um marco do Cinema Novo, com a participação de muitos capoeiristas famosos
Em seguida uma RODA DE SAMBA TRADICIONAL comandada pelo GRUPO BOTEQUIM no bar do Geovani – em frente ao Forte

COMPAREÇAM !!!

I Festival Internacional de Capoeira do Grupo Ginga Camará 2008

PROGRAMAÇÃO

Dia 11 de Julho (sexta-feira)

10h-12h – Aulão na Praia da Nazaré (Prof. Marcha Lenta)
Tarde – Convivio na Praia da Nazaré
19h – Animação de Rua (Praça Principal da Nazaré)

Dia 12 de Julho (sábado)

10h – Workshop de capoeira com Mestre Robson Bocão e com Mestre Marcelo
13h – Almoço
15h – Workshop de Capoeira com Mestre Robson Bocão e com Mestre Marcelo
18h – Roda Aberta
20h – Jantar

Dia 13 de Julho (Domingo)

15h – Abertura
15:30 – Exibição do vídeo-documentário Memórias do Recôncavo: Besouro e outros Capoeiras, (Pedro Abib)
16h30 – Roda de Professores e Mestres convidados
17h – Formatura dos graduados
17h30 – Cerimonia de entrega de graduações
19h – Roda de encerramento

NOTAS:

Os cursos no Sábado vão ser divididos em iniciantes e avançados, ficando uma turma com cada Mestre de manhã e à tarde as turmas trocam de Mestre.

Os workshops serão Sexta e Sábado e terão um custo de 20 €.
Temos alojamento para alunos, mas é necessário trazer saco cama.

 

Urb. Quinta do Amparo, Edifício Bela-Vista R/c Esq. – 2415-583 Leiria

TLM: 91 4435862 / 91 3970930

www.ginga-camara.com – papagaiocamara@hotmail.com

Vila Velha – ES: 1º Fórum de Capoeira

 

1º Fórum de Capoeira começa nesta sexta-feira em Vila Velha

Três dias com aulões, rodas de capoeira e palestras. A programação faz parte do 1º Fórum de Capoeira de Vila Velha, que será realizado a partir desta sexta-feira (15), com a presença de mestres de capoeira de dentro e fora do Espírito Santo. As atividades vão acontecer na Tenda da Cultura e no Colégio Ateneu, em Coqueiral de Itaparica.

De acordo com o presidente da Associação de Capoeira Quilombo do Queimado, Cleber Vieira do Nascimento, o mestre Bininha, dentro das palestras serão abordados e discutidos temas como “A Capoeira do Espírito Santo” e “Ações das Secretarias de Cultura e do Ministério da Cultura”.

Confira a programação:

15/02 (sexta-feira) – 18h. Aulão de capoeira, com o mestre Buléia, de Belo Horizonte. Roda de capoeira com todos os grupos de capoeira que se apresentaram na Tenda da Cultura, nos meses de janeiro e fevereiro. Local: Tenda da Cultura (final da Orla de Itaparica, próximo à rotatória).

16/02 (sábado) – 19h. Aulão de capoeira, com o mestre Capixaba. Local: Colégio Ateneu (bairro Coqueiral de Itaparica, rua Professor Annor Silva 106 , que é a rua da UVV).

17/02 (domingo) – 10h. Encontro do Fórum de Capoeira com palestras do mestre Capixaba, de alguns secretários de cultura, parlamentares, mestre Merrinho de Caio, professor Pituca, professor Anderson.

 

 

Fonte: http://gazetaonline.globo.com/

História Teatral da Capoeira em evento inédito em Taubaté

Imagine os "Montéquio" disputando com os "Capuleto" em uma roda de capoeira… Romeu e Julieta ao som de berimbaus… Rei Lear… ou Hamlet questionando a existência…uma cabaça nas mãos – "Ser ou não ser capoeirista…".

Surgida entre os escravos como um grito de liberdade, a Capoeira serviu durante muito tempo como um instrumento de luta para este povo. O berimbau ditava o ritmo do jogo e anunciava a hora de transformar a luta em dança.

A verdadeira e fascinante história da Capoeira, desde os primórdios até os dias atuais, será contada através do teatro no evento "Ginga Brasil Show", que ocorrerá às 19h desta sexta-feira, dia 21 de dezembro, no Teatro Metrópole em Taubaté.

O evento será promovido em comemoração aos 30 anos da Ginga Brasil em Taubaté. Alunos e instrutores mostrarão através da arte do Teatro, uma verdadeira aula de Capoeira. Os ingressos antecipados podem ser adquiridos com os profissionais na própria academia ou na Academia Corpore Sosa.

A Ginga Brasil fica na rua Professor Cesídio Ambrogi, 121, Independência.
Mais informações podem ser obtidas pelo telefone: 3023-2200 ou no site – http://www.agingabrasil.com

Fonte: Diário de Taubaté – http://www.diariotaubate.com.br

Nota de Falecimento: Mestre Pernambuco

Nação Capoeira,

Repassando mensagem consternada de mestre Mintirinha, com pesar, informamos o falecimento do mestre Pernambuco, Marco Antônio Domingues Galvão, acometido de um aneurisma cerebral.

Conforme notícia veiculada em 20 de setembro de 2007, no Capoeira Jogo Atletico e no Portal Capoeira, mestre Pernambuco estava internado no Hospital Geral de Bonsucesso, no Rio de Janeiro/RJ, Brasil – leito 01, quarto 414.

O corpo de mestre Pernambuco será inumado hoje, sexta-feira, 12 de outubro de 2007, às 15:00h, no Cemitério de Inhaúma, no Rio de Janeiro/RJ, Brasil .

Tristes saudações pela perda,

Iê capoeira!!!

Grupo Capoeira Raça: Quarenta anos de ensino do Mestre Medicina

Grupo Raça avalia fim de semana de capoeira:

Os organizadores comentaram o evento 40 anos de ensino do mestre Medicina, que aconteceu no último fim de semana, no GTC

O mestre Luís Medicina, a personalidade homenageada no evento, mora em Muritiba, mas é natural de Itabuna, já Mestre Suassuna, natural de Itabuna, mora em São Paulo mas também veio prestigiar a cidade
 
Quarenta anos de ensino do Mestre Medicina. Esse foi o nome do evento, organizado pelo Grupo Capoeira Raça, no último fim de semana (sexta e sábado), no Grapiúna Tênis Clube, em Itabuna, para homenagear Luís Rocha, mais conhecido como mestre Medicina, fundador do Grupo Raça. Ele, juntamente com outros nomes conhecidos internacionalmente, participou do evento, avaliado como excelente pelos organizadores.
 
Com 45 anos na prática da capoeira, o mestre Medicina é natural de Itabuna e hoje vive em Muritiba, no Recôncavo baiano. Reinaldo Ramos, mais conhecido como mestre Suassuna, também itabunense e que hoje mora em São Paulo, foi outro a marcar presença no evento. Entre os principais nomes da capoeira da cidade, foi sentida a ausência de Valdecir Alcântara, o mestre Magrelo, que mora na Itália e não pôde vir para a cidade.
 
O que ocorreu
 
Mestre Luís MedicinaOs contra mestres Ninja, Risadinha, Arrepiado e Vovô, coordenadores do grupo na região, ficaram à frente na organização do evento. Os dois últimos comentaram. "Na sexta-feira (21), foram batizadas 110 crianças. No sábado (22), não tenho certeza. Acho que umas 140. Sei que, no total, quase 300 crianças foram batizadas", diz o mestre Arrepiado. "Contra mestres também foram formados", salienta Vovô.
 
Ambos frisaram ainda que crianças da periferia também participaram do encontro. "Crianças dos bairros São Pedro, Califórnia, Ferradas e Urbis 4 estiveram presentes lá. Faz parte de nosso trabalho social", lembra Arrepiado, que prossegue. "Crianças com síndrome de down também participaram. Foi muito bom". 
 
Superou as expectativas
 
A empolgação dos dois organizadores que comentaram o evento passa pela parte social, de acordo com eles. "A socialização no evento foi muito forte, e muito importante para o sucesso do mesmo", afirma Arrepiado. Trabalham com núcleos, com trabalhos sociais, e é gratificante quando somos reconhecidos". Por fim, o próprio Arrepiado resumiu. "Foi muito bom, superou as expectativas".
 
Fonte: Agora – Itabuna,BA – http://www.agora-online.com.br

Agenda – Goiás: “Vive Capoeira” começa hoje

A 10ª edição do Goiás Vive Capoeira tem início hoje, às 18 horas, no Clube Jaó. A previsão é de que cerca de 350 capoeiristas de Goiás, Distrito Federal, Bahia, Mato Grosso e São Paulo participem do evento, que tem apoio da Agência Goiana de Esporte e Lazer (Agel) e da Federação de Capoeira do Estado de Goiás. 
A organização é do contra-mestre Santiago Pereira Gomes, o contra-mestre Lacraia.
 
A programação do encontro, a partir das 18 horas todos os dias, prevê para hoje  torneio infantil, até 12 anos; sexta-feira, apresentação do Colégio Ciem (antigo Porto Seguro), as duas atividades com entrada franca. Sábado haverá abertura oficial do Torneio Olinverno, do Clube Jaó, com apresentação da entidade Terra Fértil, entrega de cordas.
 
O ingresso corresponde a um quilo de alimento não perecível.

Ludicidade, Pedagogia, Cidadania & Capoeira

SEE leva discussão étnico-racial a jovens de favela
 
Utilizar o lúdico como proposta pedagógica, a fim de levantar a auto-estima, promover a cidadania e o intercâmbio entre crianças e professores da Favela Sururu de Capote. É com este objetivo que a Secretaria Executiva de Educação, através do Núcleo Temático Identidade Negra na Escola, em parceria com a Editora Paulinas, realiza nesta terça-feira, das 9h às 11h e das 14h às 16h; e na sexta-feira, das 9h às 11h, uma série de oficinas temáticas na sede da Editora Paulinas, localizada no Centro de Maceió.
 
A iniciativa faz parte do Projeto Vim para que Todos Tenham Vida, por meio da oficina temática “Outubro é Mês de Xirê”. Xirê, na língua iorubá, quer dizer festa, brincadeira e propõe, por meio da brincadeira entre professores e alunos, transmitir os valores da tradição e cultura negras.
 
No mês em que se comemora o dia das crianças e o dia do professor, nada mais propício do que promover o intercâmbio entre a comunidade acerca dos valores da diversidade, com a utilização da capoeira e jogos no aprendizado e respeito às diferenças.
 
“A proposta de realizar essa experiência brincante de aula passeio é uma estratégia pedagógica dinâmica e divertida de envolver crianças no aprendizado e respeito do outro e das diferenças étnico-raciais, contribuindo para a promoção dos valores sociais, étnicos e culturais”, explica Arísia Barros, coordenadora do Núcleo Temático.
 
Oficinas – A primeira oficina temática “Jogando o Jogo da Capoeira” será voltada para 40 crianças entre sete e 11 anos da favela Sururu de Capote, das 9h às 11h e será coordenada pelo mestre em Capoeira e presidente do Centro de Capoeira Quilombo dos Palmares e professor de educação física da rede, Cláudio Figueiredo.
 
À tarde, a partir das 14h, acontece a segunda oficina, “Dançando a Dança Afro”, ministrada por Nane Moreno, coordenadora do Grupo de Dança Afro Oju Omin Omorewá. Será trabalhada com os 40 alunos, também entre sete e 11 anos, a dança africana, uma das tradições mais antigas das sociedades africanas.
 
Na sexta-feira, a partir das 9h, será realizada a oficina “Omowalê” – a filha que volta para casa. A palestrante Ana Márcia Ferreira de Farias, pedagoga, coordenadora do Projeto Laboratório Pedagógico da SEE e mestranda em Educação, fará uma reflexão sobre educação e diversidade étnico-racial para 80 professores da rede estadual de ensino.
 
“A oficina de encerramento fornecerá um elemento de manutenção da identidade étnica de meninos e meninas negras, através da Lei 10.639/03 e da temática afro-brasileira”, comenta Arísia. O encerramento das atividades está previsto para as 11h. Todo o transporte e alimentação dos participantes estão sendo providenciados pela SEE e pela Editora Paulinas.
 
(Agência Alagoas)  
 
 
Fonte: WWW.GAZETAWEB.COM  – Maceió, AL, Brasil

Mestre Zambi: Primeira Roda do Ano na ACM SP

Mestre Zambi convida a todos para participar da Primeira Roda do Ano, a ser realizada na hoje 27/jan, sexta-feira, a partir das 19h00 na ACM, Rua Nestor Pestana, 147, ao lado da Praça Roosevelt, próximo ao metrô República. Informações podem ser obtidas pelos telefones (11) 6992-1536 e (11) 9219-8308 ou então pelo email mestrezambi@ig.com.br.