Blog

vargas

Vendo Artigos etiquetados em: vargas

Aconteceu: Projeto Cultura e Comunidade reuniu quase 2 mil pessoas em Nilópolis

No último domingo (25), a Prefeitura Municipal de Nilópolis, através da Secretaria Municipal de Cultura deu início ao projeto “Cultura & Comunidade” em evento que reuniu artistas locais de vários setores da cultura como dança, teatro, música, capoeira e exposição de fotos da cidade, do início a meados do século passado.

O evento, realizado na Praça Manoel Gonçalves dos Santos, no bairro Paiol, estava programado para as 16h. Porém, a partir das 11h já havia moradores no local observando a exposição. Segundo o secretário de Cultura, Augusto Vargas, cerca de duas mil pessoas marcaram presença no evento.

Após a passagem de som das bandas, foi dado o início para as apresentações. O grupo de capoeira Fundação, liderada pelo Mestre Serpente foi o primeiro a se apresentar, seguido pela professora de dança Valéria Brito e seus alunos. Na seqüência, a peça “O Casal”, dirigida pelo professor de teatro Luiz Valentim, o grupo musical Viola de Cocho, seguido pela apresentação teatral “Doce Ilusão”, o grupo de reggae Raízes que Tocam; após a cantora Ana Paula, em seguida, o grupo de rock Mimesis e, encerrando a bateria de atrações, o grupo de forró Nó Cego.

“Os moradores sentiram-se prestigiados pela escolha do bairro para a abertura do Cultura & Comunidade e mostraram satisfação com o evento como um todo”, declarou Augusto Vargas, aproveitando para anunciar que a próxima edição será realizada no Bairro Cabral no próximo dia 08/08 na Praça do CEM.

 

Site da Baixada – http://noticias.sitedabaixada.com.br

Mestre Toni Vargas, Quadras & Corridos

Quadras & Corridos

Um dos maiores compositores da nossa capoeiragem, o Mestre e Poeta Toni Vargas, nos escreve um relato exclusivo sobre o processo de criação e elaboração de seu novo trabalho intitulado “Quadras & Corridos”, o projeto tem como objetivo fundamental homenagear o grande Manoel dos Reis Machado e sua criação e enorme contribuição para a história da Capoeira: “A Luta Regional Baiana”. Quadras & Corridos pretende mostrar aos jovens capoeiristas de forma sensível e bem fundamentada um pouco da “energia” de Seu Bimba – O GIGANTE NEGRO DA CAPOEIRA REGIONAL.

Luciano Milani

Mestre Toni Vargas, Quadras & Corridos

Luciano,

Antes de mais nada parabéns pelo trabalho que você vem realizando através do Portal da Capoeira, é muito bom que as pessoas percebam que  instrumentos tão sofisticados quanto a internet e outros recursos virtuais podem e devem ser utilizados com o propósito de construir e edificar, ajudar a capoeira e os capoeiristas para que juntos possamos evoluir em busca de um futuro melhor.

Tenho trabalhado muito em diversos projetos e no ultimo dia 12/09/2009 tive o prazer de lançar no Rio de Janeiro o CD “Quadras & Corridos” este trabalho é a culminância de um projeto que começou a aproximadamente 5 anos atrás, quando o Mestre Nenel fez o que eu costumo chamar de “provocação positiva” me perguntando por que  nunca tinha composto nada com os ritmos do pai dele .

A pergunta motivou uma “pesquisa”, as músicas foram aparecendo se organizando e finalmente fechamos o CD que foi apresentado no Rio de Janeiro com a participação do Mestre Nenel ministrando uma oficina de Capoeira Regional e uma festa que reuniu amigos e capoeiristas de diversos grupos.

Mestre Bimba na Mídia - ArquivoA “pesquisa” a que me refiro, foi nada mais que um mergulho na sonoridade e no AXÉ de “Seu Bimba” e o resultado é uma leitura humilde e bem intencionada dos ritmos de Banguela e São Bento Grande. Fazer Quadras ao invés de Ladainhas foi para mim um grande desafio. Em relação as minhas letras anteriores (geralmente grandes), as quadras são haicais, e não foi muito fácil conseguir me expressar a partir desse modelo. Devo ainda registrar que esse recurso me fez amadurecer bastante e reafirmar ainda mais (para mim mesmo), a genialidade de Manoel dos Reis Machado – Mestre Bimba

Devo ainda agradecer a meus alunos que fizeram tudo comigo, ao meu Mestre que generosamente me apoiou e a Eduardo Teixeira (Editora D+T), que acreditou e me apoiou na realização desse projeto.

AXÉ e muito obrigado

Mestre Toni Vargas


* O Lançamento do CD QUADRAS E CORRIDOS,  é a culminância de cinco anos de pesquisa sobre os ritmos de MESTRE BIMBA , com participação de MESTRE NENEL ministrando um encontro pratico/teórico sobre os Fundamentos da CAPOEIRA REGIONAL, e um bate papo com MESTRE PEIXINHO sobre a influência da Capoeira de MESTRE BIMBA na formação do GRUPO SENZALA e na Capoeira de nossos dias

http://www.mestretonivargas.com/

Evento Cultural: VII BATIZADO E 1º ENCONTRO DE CAPOEIRA DO CENTRO OESTE MINEIRO

Evento Cultural: VII BATIZADO E 1º ENCONTRO DE CAPOEIRA DO CENTRO OESTE MINEIRO, que se realizará na Cidade de Itaúna nos dias 12, 13, 14 e 15 de junho, próximo fim de semana, onde terá a presença de Mestres muito importantes da Capoeira Mundial Tais como:

Mestre Toni Vargas, recém chegado da Europa e Especialista em Capoeira para Crianças e Grande Compositor e Cantor das “rodas de capoeira”, vindo do Grupo Senzala Rio de Janeiro que tem muitos CDs e LPs gravados. Teremos um Ônibus-Museu Ambulante de Capoeira Comando pelos Mestres 90, Gaio, Mineiro e o Grão Mestre Cavalieri, o primeiro mestre de Capoeira de Belo Horizonte, de onde veio a maior parte dos Capoeiristas e grupos existentes hoje. Ainda Teremos o Mestre Negoativo, Fundador do Berimbrown dando aula de percussão, Instrutora Folgadinha do CDO-BH dando aula de Capoeira Feminina. Tudo isso supervisionado pelo Professor Cebolinha que dará aula de CAPOEIRA ESPECIAL, com presença de alunos Especiais de Teófilo Otoni e Pelo Mestre Paulão da Ginga. Presença de vários convidados de todo Centro Oeste, como Formiga, Pains, Pará de Minas, Carmo do Cajuru, Cláudio, Divinópolis, Bom Despacho, Luz entre outras cidades.

Apesar da história da capoeira se confundir com a própria história do Brasil, O DESCONHECIMENTO DA CAPOEIRA COMO MANIFESTAÇÃO DA CULTURA BRASILEIRA E INSTRUMENTO DE INTEGRAÇÃO SOCIAL ainda são muito intensos no meio do povo brasileiro.

Para solucionar ou amenizar este problema é que estamos propondo este curso, mobilizando crianças, jovens, adultos, pais, escolas, clubes, universidades, que já impressiona pessoas em diversos países, mas ainda timidamente.

É necessário fortalecermos esta idéia e incluí-la em nossos currículos escolares como já feito em algumas poucas escolas do nosso país.

Gostaríamos de Convidar a equipe do Portal Capoeira para ir até o Evento e se possível fazer uma reportagem com os Mestres Participantes.

Obs: em anexo estão mais algum material para divulgação e uma foto do INST. Cantador entre os Mestres Touro (E) e Toni Vargas (D) Rio de Janeiro.

A disposição para qualquer duvida.

Marcos Vinícius Ferreira Leal ( Cantador)

33-88014913
37-88032084

[email protected]
[email protected]

Rio Grande/RS: Projeto “Jogando Capoeira”

Projeto "Jogando Capoeira" contempla jovens no BGV

Os jovens de 5 a 17 anos do bairro Getúlio Vargas (BGV) estão aprendendo a arte da capoeira levando os estudos a sério. Trata-se do projeto "Jogando Capoeira", que é executado no bairro pelo mestre Saci e o monitor Setenta. O projeto é gratuito e conta com 25 alunos.

O mestre Saci comentou que o projeto dá oportunidade dos jovens se integrarem com a comunidade através do esporte, além do conhecimento de uma nova cultura.

Este é o primeiro ano do projeto no BGV, em anos anteriores, o projeto foi executado em outros bairros da cidade. Para 2008, o projeto deve ser executado no bairro Dom Bosquinho. Atualmente, no bairro Getúlio Vargas, o projeto conta com 25 alunos, devido ao espaço que foi cedido pelo presidente da Associação dos Moradores e Amigos do Bairro Getúlio Vargas, José Assis da Luz.

As aulas acontecem às terças e quintas-feiras e junto com elas são oferecidas oficinas de berimbau e atabaque – instrumentos tocados quando o esporte é praticado. Como forma de incentivo aos estudos, os coordenadores prometeram um berimbau aos jovens que apresentassem nota dez em todas as matérias da escola.

"A capoeira é uma maneira de ajudar as crianças a praticarem um esporte, resgatando-as de algumas coisas negativas que jovens nessa idade podem se envolver", disse o mestre Saci, que tem 21 anos de capoeira e é mestre há dois anos. O mestre completou dizendo que não é cobrado nada para os jovens interessados, mas a presença dos pais é solicitada. "Cobramos apenas a presença dos pais, que é o maior incentivo que esses jovens podem ter", encerrou Saci.

Atualmente, o projeto "Jogando Capoeira" tem suas aulas ministradas na rua Mariano Espíndola (antiga rua 6), 196, no BGV.
Os telefones de contato do projeto são (53) 9959-5091 e 8406-1377.

Fonte: Jornal Agora – José Finkler – http://www.jornalagora.com.br

Mestre Toni Vargas

Mestre Toni Vargas

Antonio César de Vargas, nasceu em 5 de abril de 1958, começou capoeira em 1968 com o Mestre Rony (do Grupo Palmares de Capoeira). Depois foi aluno do Mestre Touro, do grupo corda Bamba, na qual teve a honra de ser Cordel Azul. Em 1977 ingressou no grupo senzala para ser aluno do Mestre Peixinho que o formou com a corda vermelha em 1985.

É formado em ed. física e pós-graduado em dança. Participou de diversos discos e tem músicas gravadas em vários CD´S, tem um cd gravado, e desenvolve um trabalho com crianças e coordena uma instituição de educação infantil. Mestre Tony Vargas é um dos maiores poetas da capoeira – foi homenageado pela Superliga Brasileira de Capoeira como um dos melhores do século em Curitiba – PR pelo Mestre Burguês em 09/09/2000.

Músicas do Mestre Toni Vargas

Mestre e Poeta Toni Vargas

Berimbal tocou sereno
na ladeira da lapinha
e o pandeiro sussurrando
me pediu uma ladainha
foi se embora um grande mestre
angoleiro de valor
trocou esse mundo triste
pelos campos do Senhor
foi buscar paz da inquietude
que a vida lhe roubou
Bahia chora e reclama
Bahia chora e Reclama
por esse Mestre que era nosso
hoje se chora de tristeza
quase que por um remorso
mas a morte é uma glória
e não é o fim da linha
a medalha da história
foi no peito de Pastinha
Ê, viva pastinha

A saudade
No coração do capoeira
é igual a uma rasteira
faz o berimbau parar
oi então vai
tocar o toque de angola
onde o capoeira chora
mesmo sem querer chorar
ai se vê
o lamento do guerreiro
sem rumo sem paradeiro
o poeta que aparece
ele se esquece
que é forte e perigoso
tira o lenço do pescoço
e joga um verso no ar
e diz amor espere um pouco
não vá me trocar por outro
eu vim aqui já volto já.

Antigamente,
Tudo era diferente,
No Rio a gente era gente,
Que beleza de lugar,
Ali na Lapa ,
Tinha toda a malandragem,
Do Samba e da capoeira,
Vale a pena recordar,
A malandragem,
Não era como hoje em dia,
Havia mais poesia,
No jeito de malandrar,
O bom malandro,
De branco era boa praça,
Cantava e fazia graça,
Era um tipo popular,
Mas respeitado,
Porque bom da capoeira,
Derrubava de rasteira,
Sem nem mesmo se sujar,
E de noitinha,
Embaixo dos lampiões,
Lindas moças ruquiões
Olhavam onde passar,
Lá pelos arcos,
Desenhando de beleza,
O céu que a mãe natureza
Reservou pra esse lugar,
O céu que a mãe natureza
Reservou pra esse lugar,
O céu que a mãe natureza
Reservou pra esse lugar,
O céu que a mãe natureza
Reservou pra esse lugar,
Ê viva meu Deus
Iê viva meu Deus camará
Iê que me ajudou
Iê quem me ajudou camará
Iê viva meu Mestre
Iê viva meu Mestre camará