Blog

visita

Vendo Artigos etiquetados em: visita

Ministra da Cultura do Brasil visita EUA para pesquisar implantação de museu de memória afro em Brasília

 

Em terreno cuja pedra fundamental foi colocada por Nelson Mandela, nos anos 90, surgirá um equipamento inovador, com intensa utilização de recursos multimídia

A ministra da Cultura do Brasil, Marta Suplicy, visitará oficialmente os Estados Unidos entre 14 e 19 de março. Passará por Washington e Nova York. Sexta-feira (15), às 12h30, atenderá jornalistas em coletiva de imprensa na embaixada brasileira (3006 Massachusetts Avenue NW, Washington, DC 20008).

O principal interesse da ministra, que na comitiva viaja com o novo presidente da Fundação Cultural Palmares, Hilton Cobra, é estudar experiências norte-americanas bem-sucedidas na instalação de museus para criar em Brasília um Museu Nacional Afro-brasileiro de Cultura e Memória.

O terreno já existe; é cedido pelo Governo do Distrito Federal (GDF) – área cuja pedra fundamental foi colocada por Nelson Mandela em sua visita ao Brasil, ainda nos anos 90. No final do ano passado, a ministra Marta Suplicy e o governador do DF, Agnelo Queiroz, assinaram termo que efetiva a doação do terreno, às margens do Lago Paranoá, à Fundação Cultural Palmares.

Inovador – O museu brasileiro contará com recursos tecnológicos que possibilitarão aos visitantes uma experiência diferenciada; intensa utilização de elementos de multimídia e ferramentas para uso de conteúdo virtual.
Dos encontros previstos nas duas cidades norte-americanas, surgirão propostas de colaboração e cooperação institucional.

Agenda – Logo na chegada ao país, dia 14, às 14h30, Marta Suplicy visitará o Museu do Holocausto.
Na sexta (15), tem entrevista com Cathy Trost, vice-presidente do Newseum. Ainda na pauta: conversar com Lonnie Bunch e a equipe criadora do Museu Nacional de História e Cultura Afroamericana. Mais tarde, a ministra participará da assinatura de acordo de cidades irmãs, entre Distrito Federal e Washington.
Sábado, de manhã, a ministra visita o Smithsonian Institute/National Museum of African Arts, onde tem compromisso com Francine Berkowitz, diretora do Office of International Relations.

Nova York – No início da semana que vem, entre os compromissos agendados, a ministra visitará o MoMA (The Museum of Modern Art), que se notabilizou por ser um espaço onde brota a criatividade. A ministra tem reunião com o curador de arte latino-americana do museu e da Bienal de São Paulo, Luis Henrique Pérez-Oramas, e com Jay Levenson, diretor de Programas Internacionais do museu . Também está no programa visitar o Schomburg Center, centro de pesquisa de cultura negra.

 noticias@palmares.gov.br

Jogadores do Palmeiras saem fortalecidos da AACD

O sorriso do atacante Luan, ao se deparar com uma roda de capoeira formada por crianças com deficiências físicas, nesta quinta-feira, na AACD (Associação de Assistência à Criança Deficiente), teve uma espontaneidade comovente. A julgar pela temporada complicada do time, não é difícil imaginar que, neste ano, foram poucas as vezes em que os jogadores do Palmeiras se sentiram tão queridos.

Algumas das crianças não têm braços ou pernas. Mas todas têm o sorriso que comoveu Marcos Assunção, Maurício Ramos, o gerente César Sampaio, o vice-presidente Roberto Frizzo e os garotos Bruno Dybal e Lucas Taylor, campeões paulistas sub-17 pelo clube.

Na semana  em que jogam um importante clássico contra o seu maior rival, o Corinthians, no Pacaembu, os jogadores do Palmeiras que participaram da ação promovida pelo clube certamente ganharam um motivo extra para se dedicarem. Solicitações de fotos se misturavam a agradecimentos e pedidos de gol na partida de domingo. E os jogadores, sempre solícitos, faziam questão de atender a todas as crianças.

Marcos Assunção, entusiasta assumido de ações sociais, era o mais procurado. Foi um hábito adquirido na Europa. Em mais de um momento, foi possível notar a alegria do camisa 20. Neste ano, o jogador já havia dado uma palestra na Fundação Casa. Às vésperas do  Dérbi do primeiro turno, Assunção também já havia doado uma camisa autografada, a ser leiloada pela AACD, a pedido do DIÁRIO (veja abaixo).

“O contato com essas crianças faz com que a gente valorize mais as nossas vidas”, disse. “Eu, que sou pai, imagino como deve ser a dor de alguém que vê seu filho deficiente, impossibilitado de fazer o que quer. É nossa obrigação, como jogadores, fazer esse tipo de visita”, disse, com olhos marejados.   Além de dar atenção aos pacientes, os jogadores, em nome do Palmeiras, fizeram a doação de oito próteses para a AACD.

Houve, claro, espaço para provocações e brincadeiras. Alguns gritos de “Corinthians” foram ouvidos. E até o presidente da entidade, João Octaviano, com alguma incoveniência, fez brincadeiras com os jogadores. Mas tudo em tom amistoso e com bom humor. Como tudo que envolve o futebol deveria ser, sempre.

“Volto para casa mais feliz hoje”, diz Assunção

O capitão Marcos Assunção aproveitou sua visita à AACD para entregar pessoalmente a camisa que doou à entidade para leilão, antes do primeiro Palmeiras X Corinthians  do Brasileirão, em 28 de agosto, a pedido do DIÁRIO. A camisa do Corinthians na foto ao lado foi doada por Chicão para promover o jogo como o “Clássico do Bem” (veja reprodução da capa do caderno de esporte desta data ao lado).

Angelo Franzão, superintendente da AACD, grato pela ação, enalteceu a importância da visista dos palmeirenses. “ A gente sempre  incentiva este tipo de ação porque situações como essas permitem que mostremos os  avanços da AACD e a maneira ciomo trabalhamos em prol da inclusão social do deficiente físico”, disse ele. “O esporte é uma válvula de mobilização muito importante. Ter atletas aqui mexe com as crianças. ”

Se depender da vontade de Marcos Assunção, Franzão e a AACD vão sempre contar com o auxílio de atletas. “Faço com o maior prazer e incentivo os demais. É bom para as crianças, mas também é  bom para mim”, afirmou. “As crianças estão mais felizes, sem dúvidas, mas eu também volto para casa mais feliz hoje. ”

Fonte: http://www.diariosp.com.br

De vento em Popa 2012

Mestre Jaime de Mar Grande e família Paraguassu convidam para o De vento em Popa 2012, entre os dias 4 e 8 de janeiro, quando será comemorado o sétimo aniversário da Associação Cultural de Capuêra Angola Paraguassu. Com o tema “O Centro da Roda é o Centro da Vida”, o De Vento em Popa, que é realizado anualmente na ilha de Itaparica, Mar Grande – Bahia é uma oportunidade de viver um universo cultural diferenciado, integrado com a comunidade local, de fazer novas amizades, além de desfrutar das belezas locais, conscientizando-se dos trabalhos de preservação e conservação ambiental na Ilha.

Em 2011, cerca de 300 pessoas de São Paulo, Rio Claro, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Maranhão, Salvador, nativos da Ilha e alguns estrangeiros visitantes passaram pelo evento. Para o ano de 2012, a ACCAAP oferecerá alojamento e área de camping aos amigos inscritos no evento.

Nos encontramos lá!

 

Forte abraço.

Mestre Jaime de Mar Grande

 

De Vento em Popa 2012 – O Centro da Roda é o Centro da Vida

 

Programação

 

Quarta 04/01/2012

18:00 – (Re)abertura: o Centro da Roda é o Centro da Vida

19:00 – O Paraguassú em Cena – retrospectiva 2011

20:00 – Roda de Abertura

23:00 – O Samba de Paraguassú na Linha do Mar

 

Quinta 05/01/2012

15:00 – Ritmo com Mestre Jaime.

16:30 – Ensaio com Nenete e o Terno de Rosas (Grupo tradicional da Festa de Reis)

19:00 – Cortejo de Berimbaus – saída da ACCAAP até a Praça de Mar Grande

20:00 – Roda na Praça de Mar Grande

22:00 – Samba de Paraguassú na Linha do Mar na Praça de Mar Grande

 

Sexta 06/01/2012

06:00 – Alvorada e Bateria do Paraguassú

08:00 – Café da manhã coletivo (gastronomia da Ilha)

10:00 – Visita a Associação Sócio-ambientalista Pró-Mar:

– Um trabalho de preservação e conservação local

(histórico, trabalho e visita às praias do entorno)

17:00 – Roda de Aniversário na sede da ACCAAP

20:00 – Saída do Terno de Rosas (cortejo local)

22:30 – Confraternização de Aniversário

 

Sábado 07/01/2012

10:00 – Visita a comunidade do Baiacú

(histórico local e roda de capuêra)

13:00 – Almoço

14:30 – Samba com a comunidade

20:00 – Apresentação do teatro das crianças

21:00 – Samba de partido Alto

22:00 – Palco Livre

 

Domingo 08/01/2012

14:00 – Mesa de frutas

15:00 – Roda de encerramento: só não pode é desequilibrar!

18:00 – Samba de Roda

20:00 – Palco Livre

 

Informações pelos telefones:

 

Mestre Jaime <jaimedemargrande@hotmail.com>

(71) 87204812 Oi

(71) 93046749 Tim

 

Budião

(71) 92529075 Tim

 

site: www.angolaparaguassu.com.br

email: accaparaguassu@gmail.com

Salvador: “Pra Contar Certo, Tem de Ver de Perto!”

O quê:
2ª Edição do evento “PRA CONTAR CERTO, TEM DE VER DE PERTO!” Circuito de Oficinas, Palestras e visitaçoes a Capoeira Angola de Salvador,

Quando:
de 16 a 31 de Julho de 2010

Onde:
Salvador, Ilha de Maré, Ilha de Itaparica, Santo Amaro – BA – Brasil

Realização:
ACANNE – Associação de Capoeira Angola Navio Negreiro
Áfricanamente Escola de Capoeira Angola

Objetivo:
Conhecer de perto e vivenciar de forma presente a arte da capoeira angola e seus protagonistas, através de um circuito de oficinas, palestras e visitações aos locais históricos e aos Mestres e Grupos que preservam esta cultura nas cidades de Salvador, Ilha de Maré, Ilha de Itaparica e Santo Amaro da Purificação. 

Justificativa:
É cada vez mais maior o número de pessoas que praticam a arte da capoeira angola em várias partes do mundo, que cantam e que ouvem histórias sobre os mestres e lugares importantes no desenvolvimento desta arte, mas que, no entanto, só conhecem estes locais através de fotos, videos ou através de relatos de capoeiristas mais velhos. 
Este evento propõe-se a oportunizar o acesso a este conhecimento, ou seja, vivenciar in loco a Capoeira Angola de Salvador, ir as rodas de grandes Mestres, passear pelos locais históricos da capoeiragem e ainda apreciar as belezas naturais da cidade, ao lado de um grupo de pessoas de alto astral.

Oficinas e Vivências com:
Mestre Boca Rica (Salvador/BA)
Mestre Renê (Salvador/BA)
Mestre Jaime de Mar Grande (Salvador/BA)
Mestre Felipe (Santo Amaro/BA)
Mestre Hugo (Santo Amaro/BA)
Mestre Adó (Santo Amaro/BA)
Contra Mestre Gaguinho (Salvador/BA)
Contra Mestre Gutinho (Salvador/BA)
Prof. Guto (Porto Alegre/RS)
Prof. Guaxini (Salvador/BA)
Prof. Budião (Salvador/BA)
Trenel Cris (Salvador/BA)
Trenel Veó (Salvador/BA)
Kong (Poços de Caldas/MG)
Eric ( Arizona/EUA)

Visitações e Palestras::
Forte da Capoeira
Pelourinho
Instituto N’Zinga
Atelier de Mestre Lua
Frede Abreu
Mercado Modelo
Igreja do Bom Fim
Ladeira da Barroquinha
Espaço Mandinga
Instituto Jair Moura
Casa Jorge Amado
Museu Afrobrasileiro
Ilê Axé Opô Afonjá

Rodas de Capoeira Angola:
ABCA – Associação Brasileira de Capoeira Angola
ACANNE – Associação de Capoeira Angola Navio Negreiro
Associação Paraguassú de Kapuêra Angola
Grupo de Capoeira Angola Angoleiros do Mar
FICA – Fundação Internacional de Capoeira Angola
Academia de Mestre João Pequeno de Pastinha
Academia de Mestre Boca Rica
Roda do Terreiro com Mestre Lua Rasta
Roda no Rio Vermelho (responsável Sapoti)
Ilha de Maré
Feira de Santo Amaro

PROGRAMAÇÃO OFICIAL

Dia 16 – Sexta feira
18:00h
– Credenciamento
19:00h – Abertura e boas vindas ao evento
19:30h – Roda de Capoeira Angola na ACANNE – Associação de Capoeira Angola Navio Negreiro

21:30h – Samba de Roda
22:00h – Confraternização

Dia 17 – Sábado
08:00h
– Saída para Mar Grande
10:00h – Aula de Capoeira Angola na Associação Paraguassu de Kapuêra Angola
(Mestre Jaime de Mar Grande e Prof. Budião)
14:30h – Aula de Capoeira Angola na Associação Paraguassu de Kapuêra Angola
(Mestre Jaime de Mar Grande e Prof. Budião)
16:00h – Praia
18:00h – Roda de Capoeira Angola
21:00h – Samba de Roda, Confraternização e Pousada na Associação Paraguassu de Kapuêra Angola

Dia 18 – Domingo
08:00h
– Saída para Barra Grande
10:00h – Roda de Capoeira Angola no Grupo Angoleiros do Mar
13:00h – Almoço
15:00h – Praia
17:00h – Retorno para Salvador
19:00h – Roda de Capoeira angola no Rio Vermelho (Sapoti – Bando Tupinambás de Capoeira Angola)
Dia 19 – Segunda Feira
10:00h
– Praia do Porto da Barra
14:00h – Visitações a Praça da Sé, Terreiro de Jesus, Memorial das Baianas e Museu de Arte Negra
18:00h – Mostra de Vídeo
19:00h – Aula de Capoeira Angola (Mestre Renê)
20:30h – Roda de Capoeira Angola

Dia 20 – Terça feira
08:00h –
Aula de capoeira angola (Prof. Guto)
10:00h – Praia da Barra
14:00h – Visitações a Casa Jorge Amado, Atelier de Mestre Lua Rasta, Pelourinho e Forte da Capoeira
18:00h – Aula de Capoeira Angola na Academia de Mestre Boca Rica
21:00h – Festa da Bênção no Terreiro de Jesus

Dia 21 – Quarta feira
08:00h –
Aula de berimbau Viola (Trenel Veó)
10:00h – Praia da Ribeira, Praia da Boa Viagem
14:00h – Visitações a Igreja do Bonfim e Feira de São Joaquim
18:00h – Mostra de Vídeos
19:00h – Aula de Capoeira Angola (Mestre Renê)
20:30h – Roda de Capoeira Angola

Dia 22 – Quinta feira
08:00h
– Aula de capoeira angola (Eric)
10:00h – Praia Jardim de Alá
14:00h – Visita a Escola Social do Ylê Aiyê
19:00h – Visita ao Cine Clube do Instituto Nzinga de Capoeira Angola

Dia 23 – Sexta feira
08:00h –
Café cultural na Dona Euza
09:30h – Caminhada com Mestre Renê nos pontos históricos do bairro 02 de Julho
12:00h – Almoço com Mestre Renê
14:00h – Praia da Ondina
18:00h – Berimbalada até o Pelourinho
19:00h – Roda de Capoeira Angola na ABCA – Associação Brasileira de Capoeira Angola
21:00h – Roda de Capoeira Angola no Terreiro de Jesus (Mestre Lua Rasta)

Dia 24 – Sábado
09:00h
– Roda de Capoeira Angola na FICA – Fundação Internacional de Capoeira Angola12:00h – Saída para Ilha de Maré
16:00h – Aula de Capoeira Angola a Beira Mar (Contra-mestre Gaguinho; Contra-mestre Gutinho e trenel Cris)
18:00h – Roda de Capoeira Angola na Beira Mar ao Pôr do Sol
21:00h – Jantar no quilombo Okê Arô (moqueca feita por Mestre Renê )
23:00h – Samba de Roda e Festa no quilombo Okê Arô

Dia 25 – Domingo
10:00h
– Roda de Capoeira Angola na comunidade de Ilha de Maré
12:00h – Samba de roda
14:00h – Almoço, praia e atividades esportivas (frescobol, futebol, voleibol)
17:00h – Retorno a Salvador com roda dentro do barco

Dia 26 – Segunda Feira
10:00h
– Praia da Preguiça
14:00h – Visitações ao Mercado Modelo, Baixa dos Sapateiros e Ladeira da Barroquinha
18:00h – Mostra de Vídeo
19:00h – Aula de Capoeira Angola (Mestre Renê)
20:30h – Roda de Capoeira Angola

Dia 27 – Terça feira
08:00h – Aula de Capoeira Angola (Kong)
10:00h – Praia de Amaralina
14:00h – Visita a Fundação Jair Moura e Espaço Mandinga (Frede Abreu)
18:00h – Roda na Academia de Mestre João Pequeno de Pastinha
21:00h – Festa da Bênção no Terreiro de Jesus

Dia 28 – Quarta feira
08:00h –
Aula de Capoeira Angola (Prof. Guto)
10:00h – Visita a Praia de Piatã, Itapuã e Lagoa do Abaeté
18:00h – Mostra de vídeos
19:00h – Aula de Capoeira Angola (Mestre Renê)
20:30h – Roda de Capoeira Angola

Dia 29 – Quinta feira
08:00h –
Aula de Capoeira Angola (Ludmila)
10:00h – Praia de Aleluia
14:00h – Visita ao Ylê Axé Opô Afonjá
19:00h – Aula de Capoeira Angola na Fazenda Grande do Retiro (Contra mestre Gutinho)20:30h – Roda de Capoeira Angola

Dia 30 – Sexta feira
08:00h –
Aula de Capoeira Angola (Mestre Renê)
10:00h – Atividade livre
19:00h – Roda de Capoeira Angola na ACANNE – Associação de Capoeira Angola Navio Negreiro21:00h – Samba de Roda e Confraternização

Dia 31 – Sábado
06:00h
– Saída para Santo Amaro
09:00h – Berimbalada e Visitações a cidade de Besouro
10:00h – Aula de Capoeira Angola com Mestre Felipe, Mestre Hugo e Mestre Adó
12:00h – Roda de Capoeira Angola no centro histórico
14:00h – Almoço16:00h – Vivência de Samba de Roda18:00h – Retorno a Salvador
21:00h – Jantar e Festa de Encerramento do Evento

acesse:

www.pracontarcertotemdeverdeperto.blogspot.com

e veja as fotos e os vídeos do evento passado.

 

Maiores informações:
mestrerene@yahoo.com

acannezion@hotmail.com

africanamente.poa@hotmail.com

 

VAGAS LIMITADAS!

San Juan: Ricky Martin visita crianças em acampamento de capoeira

O cantor porto-riquenho Ricky Martin fez uma visita-surpresa às 54 crianças que participam do acampamento de capoeira da fundação que leva o nome do artista, que está acontecendo em San Juan.

Vestindo uma camiseta preta da Fundação Ricky Martin, o intérprete de "María" e "La copa de la vida" chegou ao acampamento no Parque Central da capital, onde os menores, com entre 10 e 13 anos e de família de baixa renda, diziam: "Não acredito" e "Olha, olha".

"Obrigado por esta energia, quero que continuem praticando capoeira e desfrutem de todas as atividades do acampamento. Estou orgulhoso de vocês, porque são parte do bem-estar da minha ilha. São guerreiros de paz", expressou Martin, informa um comunicado de imprensa de sua fundação.

O cantor também concedeu às crianças camisetas com o emblema da fundação. O acampamento, que começou em 30 de junho, vai até 19 de julho.

Fonte: Folha Online – São Paulo

Entrevista Mestre Gato

Mestre Gato em entrevista exclusiva ao Portal Capoeira realizada em Lisboa durante o 10º Festival Internacional de Capoeira do Grupo Alto Astral (Contra-mestre Marco Antonio).

Mestre Gato

Fernando Campelo Cavalcanti de Albuquerque, Mestre Gato, nasceu em 14/06/47, Recife, Pernambuco, Brasil. Em 1952 mudou-se com sua família para o Rio de Janeiro, onde começou a se envolver com capoeira em 1963. Seu aprendizado iniciou-se com Paulo Flores Viana, um jovem baiano que morava no Rio, começara a interessar-se por capoeira, realizara algum treinamento no Rio e havia passado as férias escolares em Salvador, treinando na academia de Mestre Bimba, o criador da capoeira Regional. Paulo e seu irmão Rafael organizavam treinos informais de capoeira com um pequeno grupo de adolescentes, no terraço de seu prédio, em Laranjeiras, na zona sul do Rio de Janeiro, desde 1963.

Em 1964, representa, junto com Paulo Flores, a academia Santana, dirigida por Valdo Santana, no Berimbau de Prata, no Rio de Janeiro, conseguindo o terceiro lugar. Em 1965 participa de algumas das rodas dominicais da academia do Mestre Artur Emídio, em Bonsucesso. Realiza treinamentos com Mestre Acordeon, aluno formado de Mestre Bimba, quando de suas visitas ao Rio de Janeiro.

Após participar da formação do Grupo Senzala em 1966, Fernando, que havia adquirido o apelido de Gato, representou o Grupo Senzala no torneio Berimbau de Ouro em 1967 e 1968, ajudando o Grupo a conquistar o troféu Berimbau de Ouro em 1969. Juntamente com os demais participantes do grupo Senzala, desenvolve metodologias de treinamento e didática, utilizando o método da Regional, o jogo de chão da Angola, o estilo apresentado pela Capoeira de Sinhô e pela capoeira baiana existente no Rio de Janeiro da década de 60, adaptando sequências de movimentos de capoeira e ginástica baseada nas posições e passos de capoeira. Participa de demonstrações, shows e palestras culturais de Capoeira, em colégios, teatros associações comunitárias e universidades do Rio de Janeiro, ajudando a divulgar o trabalho do Grupo Senzala que vem a se tornar uma referência como qualidade técnica, método de ensino e de organização.

Visita a academia de Mestre Bimba, em Salvador, em 1968, e aulas e rodas dos mestres Eziquiel, Saci e Mestre Popó de Santo Amaro da Purificação. Em 1968, visita em São Paulo, a academia do Mestre Suassuna., estabelecendo relações com os capoeiristas daquela cidade. Em 1969, participou do Seminário de Capoeira em Campos dos Afonsos, Rio de Janeiro, com a presença da velha guarda da Capoeira, como os mestres Bimba, Canjiquinha, Caiçaras, Artur Emídio, Gato Preto, Leopoldina e os então mais jovens, Acordeon, Airton, Suassuna, Joel, Itapoan, Bom Cabrito, Paulo Gomes, além dos principais capoeiristas do Rio de Janeiro e de São Paulo. Começou a ensinar capoeira em 1967, nas duas principais universidades daquela época, a UFRJ, onde era aluno da Engenharia Civil, e a PUC, tornando-se um dos mestres do Grupo Senzala.

Em 1972, participou das discussões da regulamentação da capoeira. Nos anos de 87 a 89, participou como árbitro de Capoeira e palestrante nos Jogos Estudantis Brasileiros – JEBS, discutindo seu regulamento e o Projeto Capoeira – MEC. Atuou como mediador e relator no Encontro Nacional de Arte Capoeira, Circo Voador, Rio de Janeiro, 1984. Foi palestrante no Encontro Nacional de Capoeira em Ouro Preto, 1988. Em 1991, organiza o festival 25 Anos do Grupo Senzala com participação dos cordas-vermelhas do grupo e capoeiristas de todo o Brasil, no campus da UERJ.
Em 1990, após morar um ano na Inglaterra como estudante de pós-graduação de engenharia de Recursos Hídricos, criou o Group Senzala of Great Britain – GSGB. Participou do festival de artes marciais Budosai, em Durham, Inglaterra, em 1991, ao lado de alguns dos melhores mestres de Karate e Aikido do mundo. Visita anualmente o Reino Unido para realização de seminários práticos e teóricos sobre a capoeira e organização de batizados de capoeira. A partir de 2000, essas viagens tornam-se semestrais, participando de eventos de capoeira na Inglaterra, Escócia, Espanha, Portugal, Holanda, Alemanha França, Dinamarca, Hungria, Itália e Estados Unidos.

Em 2000, seu filho Pedro se muda para Edimburgo, na Escócia, onde passa a ensinar capoeira naquele país e apoiar o trabalho do Grupo Senzala no Reino Unido. Mestre Gato prossegue a coordenação do ensino de capoeira de instrutores e professores formados por ele nas cidades britânicas de Harlow, Cambridge, Norwich, Leicester, Londres, Newcastle upon Tyne, Peterlee, Edimburgo e Glasgow. Promove o intercâmbio de alunos britânicos no Brasil, organizando programas de cursos e atividades de capoeira no Brasil. Em 2005 e 2006 participa dos batizados do Grupo Senzala Seattle, que seu aluno Marcos Risco organiza, após dois anos de ensino naquela cidade. Ensina capoeira regularmente no Rio de Janeiro, organiza anualmente seminários de capoeira nesta cidade e ministra cursos e palestras de capoeira em diversos estados do Brasil, tendo organizado em 1994, o Capoeirando em Ubatuba, juntamente com Mestre Suassuna.

Em 1999 até 2002, também com Mestre Suassuna, organiza o Capoeirando no Sul da Bahia, em Ilhéus, sempre em Janeiro, Esses eventos têm a participação de capoeiristas de todo o Brasil e estrangeiros. A partir de 2004, o Capoeirando de Janeiro passa a ocorrer em Ilhéus e Arraial do Cabo, em semanas subseqüentes e com organizações independentes, o de Arraial do Cabo sob a organização dos mestres Gato e Peixinho. A partir de 2003, organiza, juntamente com os demais cordas-vermelhas do Grupo Senzala, o encontro Vadiação Senzala, onde os mestres do Grupo Senzala coordenam seminários de capoeira para alunos iniciantes, intermediários e avançados/instrutores/professores do Grupo Senzala e de outras associações e grupos de capoeira.

 

Mestre Gato e Pimpa – Lisboa 10º Festival Internacional de Capoeira Grupo Alto Astral

Seu endereço para correspondência é:
Rua Ocidental, 215 Santa Teresa Rio de Janeiro, RJ, 20240-100, Brasil. Tel/Fax 55 21 507 5935

gatosenzala@hotmail.com

Fonte da Biografia: http://www.gruposenzala.com

* Agradecimento especial ao Mestre Gato e sua Esposa (alma gemea) que durante o Festival de Capoeira em Lisboa, nos mostraram a beleza e a harmonia de um verdadeiro Casal de Capoeiras apaixonados.

Obrigado mestre Gato pela disponibilidade, atenção e prontidão.

Luciano Milani

Terra Roxa: Capoeira, Cidadania e Comunidade…

Capoeira e cidadania… é quase que uma palavra só… é uma forma simbiótica natural (Capoeira é Cidadania) que dia a dia… vem crescendo e tomando forma… É a capoeira com fim em algo diferente que não a própria capoeira… Assim aconteceu em Terra Roxa, Paraná (ler texto anexado) e assim esta acontecendo no mundo todo…
Mestre Decanio, um dos mais ativos e forte patamar da Capaoeira Cidadã, faz uma brilhante analogia à jesus, vigotisky, capoeira e cidadania… leiam e reflitam:
 
jesus, vigotisky, capoeira e cidadania
 
Jesus pregou a Cidadania como Lei Divina
Somos todos Irmãos!
 
Vigotisky concebeu a cidadania como decorrência lógica da vida em sociedade e cooperação inter-pares
A vida em sociedade ou grupo baseia-se na cooperação entre seus membros ou pares!1
Nenhum homem se constrói HOMEM sem a cooperação de OUTRO HOMEM!2
 
A Capoeira materializa a Cidadania pela indispensabilidade de respeito e confiança mútua entre os seus praticantes
A Capoeira parece um embate de corpos, mas é um encontro de corações em clima de harmonia, felicidade e amor!3
 
1 Peer em inglês
2 Vigotisky
3 AADF.
 

Comunidade doa equipamentos para grupo de capoeira de Terra Roxa
 

A Associação de Capoeira Cordão de Contas de Terra Roxa foi contemplada com a doação de vários equipamentos que serão utilizados nas atividades realizadas com a comunidade no dia a dia. Os equipamentos foram adquiridos com doações feitas pela comitiva alemã que visitou o município em outubro do ano passado.
O grupo atende crianças e adolescentes em situação de risco e está ganhando destaque especial nas ações de promoção social. Com o objetivo de retirar os adolescentes e as crianças das ruas e ofertar a eles uma atividade saudável, o grupo conquistou o carinho da comunidade local.
Além do carinho da comunidade, o grupo também conquistou um grande público nos municípios paranaenses por onde já se apresentaram, bem como, no Mato Grosso do Sul. Segundo o presidente da associação e coordenador do grupo Gilmar Santana, através das apresentações é possível promover a integração dos alunos com jovens de outras localidades.
 
A secretária municipal de Educação e Cultura, Cleonilda Maria Tonin Farcas, afirma que a cooperação e as parcerias são indispensáveis para a construção de uma sociedade com melhores oportunidades para todos.

TERRA ROXA RECEBE VISITA DE COMITIVA ALEMÃ
29/11/2005
No sábado, 29 de outubro, Terra Roxa recebeu a visita de uma comitiva formada por 142 alemães. A maioria dos visitantes faz parte de um grande coral, que além das apresentações musicais auxilia projetos sociais.
A recepção aconteceu no Maracaju Clube de Campo onde foi servido o almoço e na parte da tarde um café colonial. O grupo de capoeira de Terra Roxa recepcionou os visitantes com uma apresentação que emocionou a todos.
Como parte da visita a Terra Roxa a comitiva conheceu um sítio onde são cultivadas uvas, café e o bicho-da-seda.
No aspecto social o grupo conheceu de perto o trabalho do Provopar, da APAE,da ong Adatav e vários outros projetos desenvolvidos em Terra Roxa. Todas estas entidades apresentaram seus trabalhos numa exposição que foi realizada no Ginásio Municipal de Esportes. Além das entidades, o APL local, as Escolas Municipais e os Colégios Estaduais também mostraram o potencial de Terra Roxa aos visitantes.
A noite, foi realizada uma programação cultural na Casa da Cultura Ademir Antonelli que reuniu diversos setores da sociedade e teve como ponto alto a apresentação do coral com mais de cem vozes vindo da Alemanha.
Para o Prefeito Donaldo este foi um momento que entrará para a história de Terra Roxa. Donaldo acompanhou todo o roteiro e disse que estava satisfeito ao ver a participação da comunidade que auxiliou com doações para o almoço, na realização do café colonial e no trabalho voluntário ao longo de todo o dia. Destacou a importância da visita para os programas sociais que vem sendo realizados no município e para uma possível expansão dos produtos terra-roxenses.
O líder do grupo Jurgen Kaschubowski, agradeceu a hospitalidade do povo de Terra Roxa e disse estar muito feliz em ajudar os projetos sociais e trazer um pouco de alegria a quem tanto precisa.
 

DF: CRONOGRAMA IDEÁRIO 2006

Prezados Capoeiristas,
Estamos enviando o Cronograma de Atividades do Centro Ideário de Capoeira.
Um abraço quebra-costelas do amigo Zulu

  

PROJETO PRESENCIAL IDEÁRIO

 

  

CRONOGRAMA   IDEÁRIO   2006

 

As atividades Ideário, de Capoeira e Maculelê, serão desenvolvidas pelo Mestre Zulu, na Quadra Coberta da Igreja Cristã Evangélica, sito à  Q. 10  A.E. 01 – Sobradinho – DF.

Os Treinamentos Fundamentais (TF) serão ministrados, às segundas, quartas e sextas-feiras, assim distribuídos:    Turma A, das 15:00h às 16:15h    Turma B, das 16:15h às 17:30h    Turma 1, das 17:30h às  18:45h    Turma 2, das 18:45h às 20:00h.

Os Treinamentos Diversificados (TD) serão ministrados das 17:30h às 18:45h e das 18:45h às 20:00h, nas datas prescritas neste cronograma.

As Rodas Abertas de Capoeira serão realizadas aos sábados das 10:00h às 12:00h, nas datas previstas neste Cronograma.

As matrículas de alunos, estarão abertas às quartas-feiras durante todo o período letivo. A iniciação de novos alunos será às segundas-feiras subseqüentes às matrículas.

 

 


Janeiro

01 – Dia Mundial da Paz – Feriado

01 a 31 – Recesso Letivo

 

 

Fevereiro

01 a 12 – Recesso Letivo

13 – Roda Interna / Papoeira (TD)

15 – Acrobáticos (TD)

17 – Maculelê (TD)

20 – Formas de Jogos (TD)

22 – Jogos Emulativos (TD)

24 – Roda Anivers / Papoeira (TD)

27 – Recesso Letivo

28 – Carnaval – Feriado

 

 

Março

01 – Recesso Letivo

03 – Recesso Ideário

05 – Intercâmbio – Roda de Rua

18 – Roda Aberta de Capoeira (10 às 12h)

20 – Acrobáticos (TD)

22 – Roda Interna / Papoeira (TD)

24 – Recesso Ideário

  

Contatos: (61) 9652-8842  e  (61) 9978-4030

 

 

Abril

01 – Visita de Intercâmbio

08 – Roda Aberta de Capoeira (10 às 12h)

10 – Acrobáticos (TD)

12 – Formas de Jogos (TD)

13 – Recesso Letivo

14 – Paixão – Feriado

16 – Domingo de Páscoa

17 – Jogos Emulativos (TD)

19 – Roda Interna / Papoeira (TD)

21 – Tiradentes – Feriado

24 – Acrobáticos (TD)

26 – Roda Anivers. / Papoeira (TD)

28 – Recesso Ideário

 

 

Maio

01 – Dia do Trabalhador – Feriado

03 – Maculelê (TD)

05 – Formas de Jogos (TD)

07 – Intercâmbio – Roda de Rua

20 – Roda Aberta de Capoeira (10 às 12h)

22 – Acrobáticos (TD)

24 – Roda Interna / Papoeira (TD)

26 – Recesso Ideário

 

 

Junho

03 – Visita de Intercâmbio

15 – Corpus Christi – Feriado

16 – Recesso Letivo

24 – Roda Aberta de Capoeira (10 às 12h)

26 – Acrobáticos (TD)

28 – Roda Anivers./ Papoeira (TD)

30 – Recesso Ideário

 

 

Julho

03 – Acrobáticos (TD)

05 – Maculelê (TD)

07 – Formas de Jogos (TD)

09 – Intercâmbio – Roda de Rua

10 – Jogos Emulativos (TD)

12 – Roda Interna / Papoeira (TD)

14 – Roda das Rosas (TD)

15 – Roda Aberta de Capoeira (10 às 12h)

17 – Maculelê (TD)

19 – Jogos Emulativos (TD)

20 a 30 – Recesso Letivo

28 a 30 – Colônia  de Férias – ICES / Ideário

31 – Roda Interna / Papoeira (TD)

 

 

Agosto

02 – Acrobáticos (TD)

04 – Maculelê (TD)

05 – Visita de Intercâmbio

11 – Aniversário do Ideário – Ano 34

14 – Ultimação do Festival Ideário (TD) 

16 – Ultimação do Festival Ideário (TD) 

18 – Festival Ideário – Ano 34

19 – Festival Ideário – Ano 34

20 – Festival Ideário    Batigrado Ideário

21 – Roda Sabão (TD)

23 – Roda Anivers. / Papoeira (TD)

25 – Recesso Ideário

 

 

Setembro

02 e 03 – Comemoração do Aniversário da ICES

03 – Intercâmbio – Roda de Rua

07 – Independência do Brasil – Feriado

08 – Recesso Ideário

16 – Roda Aberta de Capoeira (10 às 12h)

18 – Acrobáticos (TD)

20 – Roda Interna / Papoeira (TD)

22 – Recesso Ideário

 

 

 

** Festival Ideário    Festival Comemorativo do Aniversário do Ideário de Capoeira Arte-Luta.

 

 

Outubro

07 – Visita de Intercâmbio

12 – N. Sra  Aparecida – Feriado

13 – Recesso Ideário

15 – Dia do Professor

20 a 22 – Acampamento Infantil – ICES / Ideário

21 – Roda Aberta de Capoeira (10 às 12h)

23 – Acrobáticos (TD)

25 – Roda Anivers. / Papoeira (TD)

27 – Recesso Ideário

 

 

Novembro

02 – Finados – Feriado

03 – Recesso Ideário

12 – Intercâmbio – Roda de Rua

15 – Proclamação da República – Feriado

18 – Roda Aberta de Capoeira (10 às 12h)

20 – Acrobáticos (TD)

22 – Roda Interna / Papoeira (TD)

24 – Recesso Ideário

30 – Dia do Evangélico – Feriado

 

 

Dezembro

02 – Visita de Intercâmbio

04 – Acrobáticos (TD)

06 – Maculelê (TD)

08 – Formas de Jogos (TD)

11 – Jogos Emulativos (TD)

13 – Roda Anivers. / Papoeira (TD)

15 – Roda das Rosas (TD)

16 – Roda de Confraternização (10 às 12h)

17 a 31- Recesso Letivo