Blog

campinas

Vendo Artigos etiquetados em: campinas

Campinas: Multidão acompanha Lavagem da Escadaria da Catedral

Campinas: Multidão acompanha Lavagem da Escadaria da Catedral

A lavagem celebra a resistência do povo negro e o legado cultural e religioso trazido por eles de várias partes do mundo

Muita gente foi conferir na manhã deste Sábado de Aleluia (20) a tradicional lavagem das escadarias da Catedral Metropolitana de Campinas. Nesse ano o ato, que é uma mistura de fé, religião, tradição e cultura, chegou a sua 34º edição.

A lavagem celebra a resistência do povo negro e o legado cultural e religioso trazido por eles de várias partes do mundo.

Antes da Lavagem, os participantes fizeram um cortejo que saiu da Estação Cultura, desceu pela Rua 13 de Maio até chegar à Catedral. Durante o trajeto os participantes entoaram cânticos, e entregaram flores com muita água de cheiro. A mesma água também foi usada para lavar as escadarias da igreja.

Depois da celebração uma extensa programação com várias atividades culturais e sociais tiveram início com apresentações de jongo, congada, folia de reis, catira, dança afro, capoeira e samba. A festa termina às 17h.

 

A MANIFESTAÇÃO

Conforme estudo de Marcela Bonetti, especialista cultural da Secretaria de Cultura de Campinas, no decorrer dos anos a cerimônia da Lavagem das Escadarias foi recebendo outras manifestações culturais afro-brasileiras presentes no município, como a capoeira, o jongo e o samba de bumbo. “Em função desses movimentos estarem relacionados à população afrodescendente, o racismo atribuído a essa população se estende aos elementos de sua cultura. Deste modo, analisar a cerimônia da Lavagem da escadaria é também tratar das relações sociais envolvidas e a intolerância presente”, afirma.

“A história da Lavagem da Escadaria em Campinas é relevante também no sentido de compreender como se construiu uma relação de aproximação com a Igreja, na representação do Bispo, ao sugerir que a data ocorresse no Sábado de Aleluia, único momento que a Igreja Católica se encontra fechada. A cerimônia no adro da Catedral, com as portas fechadas da Igreja, transformam também o espaço como um ato de festa”, complementa.

c5fafe5e-a074-499a-8cfa-01adc50443ee

A partir de 1998, a manifestação cultural da cerimônia da Lavagem da Escadaria da Catedral de Campinas foi incorporada ao Calendário Oficial do Município de Campinas, pela Lei Municipal nº 9515/97 e a partir de 2005, incluída no Calendário Turístico do Estado de São Paulo, pela Lei Estadual nº 12.097/05.

 

Fonte: https://www.acidadeon.com

Da Redação | ACidadeON Campinas

Aulas de capoeira na Fundação Síndrome de Down

Aulas de capoeira na Fundação Síndrome de Down, no distrito de Barão Geraldo

A Fundação Síndrome de Down, oferece a partir do mês de julho Capoeira para iniciantes. As aulas, com início no dia 07, serão realizadas às segundas e quartas-feiras, das 19h às 20h, na sede da entidade, localizada à Rua José Antônio Marinho, 430, distrito de Barão Geraldo, Campinas/SP.

Para participar, os interessados devem fazer a matrícula na sede da entidade e pagar taxa de mensalidade no valor de R$50,00. As aulas são aberta a qualquer pessoa interessada e visam utilizar a arte da capoeira para trabalhar e estimular ritmos, musicalidade e autoconfiança.

Informações com Jaqueline, pelo telefone: (19) 3289-2818.

Fundação Síndrome de Down

A Fundação Síndrome de Down, que atua em Campinas desde 1985, tem como missão promover o desenvolvimento integral da pessoa com síndrome de Down nos aspectos físico, intelectual, afetivo e ético. Sua equipe técnica interdisciplinar é formada por profissionais de assistência social, psicologia, fonoaudiologia, fisioterapia, pedagogia, terapia ocupacional e neuropediatria. A Fundação conta ainda com a consultoria de profissionais especializados nas áreas da psiquiatria, além de manter permanente contato com referências nas áreas de organização de serviços para pessoas com síndrome de Down e inclusão no mercado de trabalho.

Serviço:

Aulas de Capoeira

Datas: Às segundas e quartas-feiras – a partir do dia 07 de julho

Horário: 19h

Local: Rua José Antônio Marinho, 430, distrito de Barão Geraldo, Campinas/SP

Informações: (19) 3289-2818, com Jaqueline.

 

Foto: .andréa rêgo barros.

Fonte: http://www.fsdown.org.br/

Escola de Capoeira Angola Resistência comemora os 125 anos de história do Mestre Pastinha

Entre os dias 31 de março e 6 de abril, a Escola de Capoeira Angola Resistência comemora os 125 anos de história do Mestre Pastinha, um dos principais mestres de Capoeira da história, com uma semana de diversas atividades.

Na programação da semana está uma exposição de fotos retratando um pouco da vida do Mestre Pastinha, a exibição do filme “Mestre Pastinha, Uma vida pela capoeira”,  roda de conversa, aula aberta de Capoeira Angola com professores, além de muita roda de capoeira.

As atividades acontecem em diferentes locais da cidade de Campinas e também em Hortolândia. Haverá rodas de capoeira na Praça Rui Barbosa, na Lagoa do Taquaral, na Estação Cultura, onde fica a sede da escola em Campinas, e nos núcleos de Hortolândia, Pirassununga e Barão Geraldo.

Mais informações em nosso site: www.escolaresistencia.com.br

Grupo Coquinho Baiano lança CD

Foi lançado nesta quinta-feira o CD Produção de Saberes – Cantigas de Capoeira, do Grupo de Capoeira Coquinho Baiano.

O grupo de Campinas, interior paulista, produziu o CD com apoio do Fundo de Investimentos Culturais da cidade e da Prefeitura de Municipal.

A partir da segunda-feira, dia 12 os interessados poderão adquiri o CD por R$ 7 pelos telefones (19) 9227-2948, 9212-4824 e 3521-7147, pelos e-mails macacocoquinho@gmail.com, stu@stu.org.br ou pessoalmente no STU.

Fonte: http://capoeiradevenus.blogspot.com

 

Grupo de Capoeira Coquinho Baiano – Historia

Ao longo da década de 60 vieram para São Paulo muitos capoeiristas baianos, que chegando aqui, na dura batalha pela sobrevivência estabeleceram-se nos mais diversos ofícios. Por volta de 1967, os mestres Suassuna e Brasília abriram juntos uma academia de capoeira, a Cordão de Ouro. Na medida em que foram conseguindo alguma estabilidade, os migrantes baianos incentivaram parentes e amigos a fazerem o mesmo.
Suassuna, baiano de Itabuna, pretendendo, no início dos anos 70, abrir uma frente de expansão do ensino da capoeira em Campinas, enviou para essa cidade o capoeirista Tarzan que tinha acabado de migrar da Bahia para São Paulo.

Era 1974 quando os mestres Godoy e Maya iniciaram o aprendizado de capoeira. Ambos treinaram durante um tempo relativamente curto com o mestre Tarzan, pois este se desentendeu com a proprietária da academia e resolveu desenvolver trabalho autônomo com o nome de “Academia Beira-Mar”. O Jurema, que era professor formado pelo mestre Suassuna, ficou no lugar, com o nome de “Academia Senhor do Bonfim”. Quando o Professor Jurema parou com a prática de capoeira, em 1975, Godoy, Maya e Wilton assumiram a função de professores no mesmo espaço físico, ainda sob o nome de “Academia Senhor do Bonfim”. O trabalho cresceu e, em 1976, Godoy e Maya decidiram fundar a “Academia de Capoeira Coquinho Baiano”.

Desde então, passaram inúmeros capoeiristas, dentre os quais muitos se formaram a mestres, contramestre e instrutores. A Academia de Capoeira Coquinho Baiano tornou-se referência de capoeira e palco para encontros e discussões das mais variadas manifestações culturais brasileiras.
Desde 2005, o Grupo de Capoeira Coquinho Baiano passou a ser representado pelos Mestres Paulão, Tozinho e os contramestres Dito, Tuim, Macaco, Marcelo, preservando sua própria história como uma das poucas Associações formadas na década de 70 que resistiram ao tempo.

Atualmente a Coquinho Baiano mantém vários núcleos principalmente no Estado de São Paulo e em alguns paises da Europa, contribuindo para a valorização e o reconhecimento social, cultural e educacional da Capoeira, cultivando a relação Mestre-discípulo, vivenciando a complexidade da Capoeira luta, jogo, dança, música, esporte, expressão corporal, filosofia de vida.


“Não diga o que a Coquinho Baiano pode fazer por você e sim o que você pode fazer por ela”

Sucesso
Mestre Carlos Macaco
Fone: 19 92124824 – 92272948

http://www.coquinhobaiano.org.br/

Orquestra de Berimbaus do Morro do Querosene – Direção e Regência: Dinho Nascimento

Os berimbaus são cuidadosamente afinados e agrupados em naipes: berimbau gunga ou berra-boi (som grave), de centro (som médio) e o viola ou violinha (som mais agudo). O “Berimbum”, com som super-grave, é tocado com arco de violoncelo. E o “Berimbau de lata” também tocado com arco, mais parece uma rabeca.

Vozes entoam os versos das ladainhas, corridos, chulas, samba e samba-de-roda. Alguns instrumentos como o guimbarde ou trump (berimbau de boca), agogô, pandeiro, reco-reco, ganzá, triângulo, atabaque, matraca, efeitos diversos e palmas completam a sonoridade.

A Orquestra mostra a versatilidade do berimbau interpretando toques da capoeira e ritmos da música brasileira, com arranjos e regência do mestre Dinho Nascimento.

Histórico da Orquestra de Berimbaus do Morro do Querosene

A idéia de uma Orquestra de Berimbaus surgiu nos encontros informais que aconteciam na pracinha do morro, ao cair das tardes de domingo, quando Dinho Nascimento e alguns amigos se reuniam para tocar, jogar capoeira e passar seus ensinamentos aos mais jovens e outros recém-chegados.

Em 2000, Dinho Nascimento dirigiu a Orquestra de Berimbaus do Espetáculo Étnico apresentado aos presidentes dos países participantes da XIX Reunião do Conselho do Mercado Comum do Mercosul, realizado em Florianópolis (SC).

No 452º aniversário de São Paulo (em 2006), a Orquestra de Berimbaus foi regida por Aluá Nascimento, músico percussionista popular e erudito que também fez os arranjos e a escolha do repertório das apresentações no Parque D. Pedro e na Praça do Patriarca, centro da cidade.

Em 2007 a idéia ressurgiu nos cursos oferecidos pelo Projeto Treme Terra (Morro do Querosene) e a Orquestra de Berimbaus tocou nas Oficinas de Percussão do PercPan 2007, festival internacional de percussão.

Em fins de 2007 consolidou-se a formação atual. A Orquestra de Berimbaus do Morro do Querosene foi convidada a participar de um evento da Prefeitura de Santo André (SP). Pouco antes desta apresentação, em 01/11/2007, estreou no CEU Butantã, teatro da Prefeitura de São Paulo. Deste momento em diante, as apresentações se sucederam: SESC-SP (Ipiranga, Campinas, Bauru, Vila Mariana, Interlagos e Taubaté); Festival da Juventude (no Memorial da América Latina); Off-FLIP (Paralela à Feira de Literatura Internacional de Paraty – RJ) quando tocou na histórica Igreja de N.S. Rosário e de S. Benedito; na Virada Cultural 2008,  tocando no Largo do Paissandu; na marquise do MAM (Rio de Janeiro-RJ)  e no Pepsi-on-Stage (Porto Alegre-RS), participando do evento C&A Pop Music; na Casa de Cultura do Butantã (na Semana da Consciência Negra); pelo Pro-Art, em vários CEUs (Centro de Educação Unificado do Município de São Paulo); na Virada Cultural Paulista 2009, apresentando-se na cidade de São José do Rio Preto; na Casa de Cultura Tainã, Ponto de Cultura em Campinas; em Academias de Capoeira e nas festividades do Bumba Meu Boi, no Morro do Querosene.

Em dezembro de 2009, a Orquestra de Berimbaus do Morro do Querosene foi contemplada com o título “Ponto de Cultura” do Programa Mais Cultura, uma iniciativa do Ministério da Cultura em parceira com a Secretaria Estadual da Cultura.

Quase que simultaneamente, a Orquestra foi selecionada pelo Programa de Ação Cultural da Secretaria Estadual da Cultura, ProAC nº18, incentivo para gravação de disco inédito. A Orquestra já iniciou as gravações e em meados de agosto, ou mais tardar setembro, deverá estar lançando no mercado seu primeiro CD denominado “Sinfonia de Arame”.

Em janeiro/2010, a Orquestra apresentou-se no Centro Cultural da Marinha, participando de um evento de intercâmbio cultural com estudantes vindos de Dubai (Emirados Árabes). E em março, esteve em Fortaleza onde se apresentou no Centro Cultural Dragão do Mar, por ocasião da TEIA Brasil 2010.

 

Dica Portal Capoeira:

Orquestra de Berimbaus do Morro do Querosene - Direção e Regência: Dinho Nascimento

 

Existem alguns vídeos gravados ao vivo que dão uma idéia da apresentação e podem ser apreciados em:

 

{youtube}2sFkoXyNEY8{/youtube}

Berimbau Blues no PERCPAN

{youtube}p6mowQeoGPM{/youtube}

Orquestra no SESC Campinas

{youtube}ysG0zzqpLws{/youtube}

Oficina na Casa Tainá

Oficina de Capoeira Angola Mestre Jogo de Dentro

Encontro de camarados, organizado por alunos responsáveis por núcleos do Grupo de Capoeira Semente do Jogo de Angola, em Campinas e Piracicaba.
Serão realizados treinos com o mestre, em Campinas, Limeira e Piracicaba, além de oficinas com convidados e de rodas abertas a todos os interessados.

informações: www.sementedojogodeangola.org.br

 

Oficina de Capoeira Angola Mestre Jogo de Dentro
11 a 14 de Dezembro — 2008

Programação

5 f- dia 11/12
E.C. Semente – Campinas
16h -18h: treino com M. Jogo de Dentro
19h: roda
Av. Santa Isabel, 2070 – Barão Geraldo F. 19-3289-8011

6 f- dia 12/12
CESET(Unicamp) – Limeira:
10h-12h – treino com M. Jogo de Dentro
R. Paschoal Marmo, 1888, Jd. Nova Itália,
F. 19-21133492, 2113-3368

C.C. Monte Alegre – Piracicaba:
16h-18h: treino para crianças/iniciantes
18h-19h: apresentação de resenhas
19h-21h: roda aberta
Av. Com. Pedro Morganti, sn- Monte Alegre

sáb.- dia 13/12
CDHU- Campinas
9h -11h: treino com M. Jogo de Dentro
11h -12h: rítmo
14h -16h: oficina de afinação de atabaque e
encouramento de pandeiro (Toshiro)
16h -18h: treino para crianças/iniciantes
19h: roda

dom.- dia 14/12
CDHU- Campinas
9h -11h: treino com M. Jogo de Dentro
11h -12h: oficina de maculele (G.
Cordão de Ouro)
14h -16h: oficina de danças regionais
16h: roda aberta / samba de roda
R. José Mendonça, 341 – CDHU

Contribuição
R$20/dia de atividade; ou
R$60 todos os dias + camiseta
Inscrições Limitadas

Contatos:
Danny – 19-91170194
Cristiano – 19-96421397
Guga – 19-81622492

Campinas sedia Encontro Regional de Cultura Popular

 
Quem mora em São Paulo e aprecia a beleza do jongo, do maracatu e da capoeira, não pode deixar de prestigiar o Encontro Regional de Cultura Popular Coquinho Baiano, que acontece na cidade de Campinas, no dia 9 de dezembro.
Promovido pela Associação de Capoeira Coquinho Baiano, o evento acontece na Plataforma da Estação Cultura Praça Floriano Peixoto, s/n, no centro da cidade.
Entre os destaques da programação estão várias oficinas gratuitas e um grande Batizado/Troca de Graduações. Na ocasião, estarei autografando a 2a. edição do Dicionário de Capoeira e o recém-lançado livro infantil “Eu, você e a capoeira”.

O encontro termina a noite, com uma deliciosa feijoada, animada por apresentações de samba de roda e dos oficineiros Jongo Dito Ribeiro, Savuru, Nação Congo e Urucungos
Confira a programação:
9:30 – Alongamento, Oficinas de Puxada de Rede e Maculelê
11:00 – Oficina de Jongo com o grupo de Dito Ribeiro
12:00 – Intervalo
13:10 – Oficina com o grupo Urucungos
14:10 – Oficina de Maracatu
15:00 – Apresentação dos Mestres e convidados
– Roda de Capoeira
– Batizado e Troca de Graduações

Informações: Contramestre Tuim (Capoeira Coquinho Baiano)
(19) 3208-4281 ou 8145-7603, tuim.capoeira@ig.com.br ou tuim_capoeira@hotmail.com


(*) O autor é colunista do nosso site, editor da revista Capoeira em Evidência, e autor dos livros “Dicionário de Capoeira” e “Eu, você e a capoeira”

Mano Lima – (61) 8407 7960
www.manolima.portalcapoeira.com
manolima@portalcapoeira.com

II Encontro Internacional de Capoeira Angola de Salvador Mestre Jogo de Dentro

O Grupo de Capoeira Semente do Jogo de Angola convida
todos os amantes da Capoeira Angola, independentemente do
estilo ou nacionalidade para que, juntos, possamos crescer e nos aprofundar nesta arte centenária da Cultura Afro-brasileira.
Com a presença de renomados mestres da Velha Guarda
pretendemos através das aulas, oficinas, rodas e palestras trocar experiências, informações e, principalmente, ampliar nossos conhecimentos.
 
A Capoeira Angola já conquistou o mundo, mas não podemos
deixar que as tradições e fundamentos sejam esquecidos.
Esse era o sonho do Mestre Pastinha.
  
O I Encontro Internacional de Capoeira Angola de Salvador
aconteceu em janeiro de 2005 e contou com a presença de
Grandes Mestres, muita energia positiva e principalmente
grande troca de informações. Temos a certeza de que este
segundo encontro será ainda melhor. Contamos com sua
grandiosa presença.
 
PROGRAMAÇÃO
Dia 04 (15h)
Roda em frente a Igreja da Lapinha
Dia 05
10h – Aula de movimentos- Mestre Jogo de Dentro
12h – Intervalo
14h – Aula de movimentos- mestre convidado
16h30min – Roda para os participantes
Dia 06
10h – Aula de movimentos – mestre convidado
12h – Intervalo
14h – Aula de movimentos- Mestre Jogo de Dentro
17h- Palestra com Prof. Jorge Conceição(Capoeira Angola e o
resgate da ancestralidade ecológica)
Dia 07
9h – Oficina de fabricação de Berimbau e Caxixi
OBS: Trazer a cabaça (o instrumento fica com o participante)
16h – Aula de ritmos e toques de Berimbau – mestre convidado
17h – Roda aberta
19h30min – Coquetel, exposição de fotos e lançamento do Livro
“Capoeiristas na cidade Bahia” de autoria do Contra-Mestre Bel
Dia 08
10h- Encerramento do Encontro com Roda na Praça de
        Cachoeira de São Félix
 
Obs.: Não temos alojamento
 
Planos para pagamento
1º- Toda programação        = R$ 350,00
2º- Toda programação, exceto oficina de
      Berimbau e Caxixi  = R$ 300,00 
3º- Qualquer atividade avulsa         = R$ 25,00
4º- Somente oficina de Berimbau e Caxixi     = R$ 50,00
Inscrições até 28 de dezembro de 2005
 
Depósito bancário em nome de:
Jorge Egidio dos Santos
Banco do Brasil. Agência 1515-6.
Conta corrente 33.601-7
Obs.: Indispensável apresentação do comprovante
de depósito no momento da inscrição
 
Vagas limitadas
 
Haverá ônibus para Salvador com saída e retorno para Campinas.
Saída de Campinas dia 27/12/2005 as 08:00horas da manhã
Retorno para Campinas dia 10/01/2006
Informações com Mestre Jogo de Dentro
(19) 3289.0018 ou (19) 9715.3254
e-mail:
jogodedentro@bol.com.br
www.sementedojogodeangola.org.br
 
Local do Evento: Centro Cultural Quilombo Cecília
Rua do Passo, 37- Santo Antônio – Salvador – Bahia – Brasil
CEP: 40301-408 / e-mail:
quilombocecilia@ig.com.br
 
 
Peça teatral em homenagem ao Mestre Pastinha
”Quando as pernas fazem miserê”
Direção e concepção: Luis Carlos Nem
 
 
INGLES
 
It comes the 2nd Capoeira Angola International Meeting  from Salvador, Mestre Jogo de Dentro
                           
 
2nd CAPOEIRA ANGOLA INTERNATIONAL MEETING
2006, from January 4th  to 8th
SALVADOR/BAHIA
 
"Centro Cultural Quilombo Cecília"
37, Passo Street – Saint Antonio – Salvador – Bahia – Brasil
CEP: 40301-408 / e-mail:
quilombocecilia@ig.com.br
 
 
It comes the 2nd Capoeira Angola International Meeting  from Salvador, Mestre Jogo de Dentro
 
The Capoeira Group “Semente do Jogo de Angola” invites all the
people who loves Capoeira Angola,  it does not matter the style or
nationality, in order to grow up together and go deeply in this
centennial Afro-Brazilian Culture art.
With the presence of former famous masters we intend exchange
experiences, informations and mainly to enlarge our knowledgment
through out classes, workshops, “rodas” and conversations. The
“Capoeira Angola” had already conquered the world, but we cannot
let that traditions and foundations could been forgotten. This was the
Mestre Pastinha’s  dream.
The First “Capoeira Angola” International Meeting, from Salvador,
took place on January, 2005, and could count on the presence of
Famous Masters, a hard positive energy and, mainly, an enormous
exchange of information. Now, we are sure that this 2nd Meeting
will be better yet. We are counting on your estimated presence.
 
JANUARY
The 4th (3:00 p.m.)
“Roda” in front of the “Lapinha” Church
The 5th
10:00 – Movements class  Master “Jogo de Dentro”
12:00 – Break
2:00 p.m. – Movements class – master invited
4:30 p.m. – “Roda” for the participants
The 6th
10:00 – Movements Class – master invited
12:00 – Break
2:00 p.m. – Movements Class  Master “Jogo de Dentro”
5:00 p.m. – – Speech with the Professor Jorge conceição (‘Capoeira
Angola’ and the ransom of echologic ancestral)
The 7th
 9:00 – Berimbau and Caxixi Manufacturing Class
Note: Please, take with you the calabash (the instrument is going to
stay with you)
 4:00 p.m. – Berimbau Rhythms and Touch Class – master invited
 5:00 p.m. – Open “Roda”
 7:30 p.m. –  Cocktail, Photos exposition and the issue of the book
"Capoeiristas na cidade da Bahia", autorship: ‘Contra-Mestre Bel’
The 8th
10:00 – Meeting Closing with “Roda” in the “Cachoeira de
           São Félix” Square
Note: We do not have accommodation.
 
FEES
1st  – The whole program  = R$ 350,00
2nd – The whole program, except Berimbau
 and –  Caxixi Class = R$ 300,00
3rd  – Single classes = R$ 25,00
4th  – Only Berimbau and Caxixi Class = R$ 50,00
 
Inscriptions up to 2005, December 28th
 
Banking deposit in the name of :
Jorge Egídio dos Santos
Banco do Brasil  Agency: 1515-6, Current account nº 33.601-7
It will be indispensable the presentation of the banking deposit at the
time of the inscription
 
Limited number of inscriptions.
 
There will be a bus with departure from and returning to Campinas.
Departure from Campinas: Dec. 27th, 2005 – at 8’oclock in the morning
Returning to Campinas: Jan. 10th, 2006
Informations: Master Jogo de Dentro
00 55 (19) 3289.0018 ou (19) 9715.3254
e-mail:
jogodedentro@bol.com.br
www.sementedojogodeangola.org.br
 
Play in honour to "Mestre Pastinha"
"When the legas dance and play"
Direction and conceiving: Luís Carlos Nem
Produced by the Group
“Capoeira Semente do Jogo de Angola”

Programação do II Encontro de Capoeira Angola

Grupo João Pequeno de Pastinha em Campinas-SP
07/07 a 10/07 de 2005
07/07 (quinta)
18:00h – 21:00h: Coquetel e confraternização com os Mestres participantes – Roda
 
08/07 (sexta)
10:00h – 12:00h: Workshop com M. Roxinho
12:30h – 13:30h: Pausa
14:00h – 15.00h: Aula de instrumento
15:00h – 17.00h: Workshop com M. Francisco 45
17:00h – 20:00h: Roda
 
09/07 (sábado)
10:00h – 12:00h: Workshop com M. Pé de Chumbo
12:30h – 13:30h: Pausa
14:00h – 15:00h: Aula de Instrumento
15:00h – 17:00h: Workshop com M. Zequinha
17:00h – 20:00h: Roda
 
10/07 (domingo)
09:00h – 11:00h: Workshop com M. Bahia
11:00h – 14:00h: Roda de finalização
14:00h: Almoço

Investimento: R$ 60,00 (inclui todos os workshops)
Alojamento: O alojamento será gratuito, mas é necessário levar colchonete.
Para saber mais clique: Campinas-SP – Capoeira Angola em Campinas-SP
 

INSCRIÇÃO
II Encontro de Capoeira Angola em Campinas
Academia de Capoeira Angola João Pequeno de Pastinha
 
Nome (name): ________________________________
Apelido (nick-name):___________________________
E-mail: _____________________________________
Grupo (group):_______________________________
Cidade (city):________________________________
Estado (state):_______________________________
País (country):_______________________________
 
Preços:
R$ 60,00 – para participar de todo o evento
R$ 20,00 – cada workshop
 


Depósito:
Bradesco – poupança
Agência: 0217-8
Conta: 9876076-8
Em nome de: Gidalto Pereira Dias
 
OBS: Enviar comprovante de depósito para encontrocapoeira@bol.com.br

II Encontro de Capoeira Angola em Campinas

 
Capoeira Angola em Campinas-SP
 
A Academia de João Pequeno de Pastinha promove o II Encontro de Capoeira Angola em Campinas, nos dias 7 à 10 de Julho de 2005.
Na ocasião serão realizados "Workshops" com os mestres:
Pé de Chumbo, Bahia, Francisco 45, Zequinha e Roxinho.
 


 
Mais informações pelo e-mail: topetecapoeira@hormail.com,
ou pelo telefone (19) 9139 2618, com Trenel Topete
 
 Fredy Alencar Peres Colombini:  fredyapc@gmail.com