Blog

audiência

Vendo Artigos etiquetados em: audiência

Bahia: Encontro debate protagonismo da capoeira na educação e cultura

Na próxima terça-feira (18/12), a Ouvidoria da Câmara Municipal de Salvador realiza a audiência O papel dos Mestres de Capoeira na Educação e Cultura. O encontro, a ser realizado das 14h às 18h, acontece no auditório da Biblioteca Pública dos Barris, centro de Salvador. A audiência visa dar continuidade ao debate sobre a importância dos mestres de capoeira no processo de formação educacional e cultural, além de identificar as demandas apresentadas pelos capoeiristas.

Por volta das 18h, após o encerramento da audiência, os participantes poderão conferir uma exposição no Foyer da Biblioteca, com o tema Capoeira. A iniciativa é da Fundação Cultural Palmares.

Coordenado pela ouvidora-geral da Câmara, vereadora Olívia Santana (PCdoB), a mesa do encontro terá as presenças da representante da Fundação Palmares, Verônica Nairobi, do diretor do Departamento de Proteção ao Patrimônio Afro-Brasileiro da Fundação Cultural Palmares, Alexandro Reis, do Mestre Pelé da Bomba, além de representantes da União de Negros pela Igualdade (Unegro).

Para Olívia Santana, o evento é fundamental, pois vai tratar de uma luta histórica dos mestres de capoeira pela sua valorização cultural e profissional. De acordo com a vereadora, os mestres querem espaço no sistema educacional e querem ensinar a capoeira nas escolas, pois acreditam que apenas eles podem fazer isso. “Eles acreditam que essa história de que só professor de Educação Física pode ensinar é um absurdo”, afirma Olívia.

“Os mestres são mestres populares da cultura e a capoeira é uma tradição secular da população negra, além de ser um patrimônio tombado brasileiro. Portanto, nada mais justo do que o sistema educacional reconhecer o mestre como um professor, alguém que pode ter a prerrogativa de ensinar a capoeira nas escolas”, finaliza a vereadora.

 

De Salvador,

Ana Emília Ribeiro

Assembléia Legislativa vai debater o papel da Capoeira na prevenção as drogas e da violência no Ceará

Com o objetivo de debater a capoeira como ferramenta de inclusão social, o Deputado Roberto Mesquita PV/CE, entrou com requerimento junto às comissões de cultura e esporte, presidida pelo Deputado Ferreira Aragão PDT/CE e a de defesa social, que tem na presidência em exercício o Deputado Sergio Aguiar, a solicitação é uma iniciativa do Vereador Iraguassú Teixeira PDT/CE da Câmara Municipal de Fortaleza, que juntos irão promover audiência publica para discutir o papel da capoeira no enfrentamento as drogas e outras violências no Ceará.


“O esporte em geral, em especificidade a capoeira, desempenha um papel importante na prevenção das drogas e da violência. A capoeira é uma manifestação que faz parte do patrimônio cultural brasileiro, sendo importante toda forma de incentivo dos seus praticantes para o fortalecimento das ações sociais por eles desempenhadas. A realização deste debate vai estreitar os laços entre parceiros que atuam diariamente no combate a estes males”; esta foi à justificativa apresentada pelo Deputado Roberto Mesquita.

A audiência Publica faz parte do circuito 41 anos de Capoeira no Ceará, que será realizado de 14 a 18 de Dezembro, e que tem como tema: Sou Craque na Capoeira e nas Drogas dou Rasteira, a organização do evento, é da Associação Terreiro Capoeira do Ceará, que tem como Mestre da entidade e idealizador do projeto, o jornalista Gerson do Valle.

Fazem ainda parte deste trabalho os seguintes grupos com seus respectivos Mestres e Conta Mestres: Terreiro Capoeira, Mestre Gerson do Valle, Cordão de Ouro, Mestra Paulinha, ACAS, Mestre Simpatia, Legião Brasileira, Mestre Zebrinha, Zumbi, Mestre Wlisses, Palmares, Mestre João Baiano, Marabaiano, Mestre Jair, Benção Capoeira, Mestres Bebezão e Prainha, Muzenza, Mestres Adriano e Adrianisio, Viver Capoeira, Mestre Índio, União Capoeira, Mestre Marrom, Capoeira Brasil, Mestre Kim, Nação Capoeira, Mestre Baleia, Berimbau de Prata, Mestre Zé Ivan, Capoeira Luz Viva, Mestre Aramola, Nação Negra, Mestre Humberto, Equipe Capoeira, Contra Mestre Piolho e CCAPbrasil, Dra Célia Leite.

Mestre Gerson do Valle explica que o evento não se resumira apenas nos dias em que o mesmo esta programado, a intenção é dar continuidade neste projeto para anos vindouros, uma vez que, não iremos combater as drogas e criminalidade de uma hora para outra, e não é esta a intenção do projeto. O mesmo ainda lembra que o País foi contemplado com 02 (dois) grandes eventos esportivos, a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016; e que ate a realização destes grandes acontecimentos esportivos mundiais no Brasil, muito teremos que fazer neste sentido.

Em todo o Brasil, mais especialmente em nosso Estado, as drogas têm proliferado de uma maneira assustadora, levando muitos dos nossos jovens ao seu consumo e a morte; porem a Capoeira como instrumento disciplinador vem ocupando espaço de destaque nesse contexto, oferecendo contribuições significativas através de seus educadores, afirma o Mestre.

Segundo o IBGE, 62% da população cearense vivem abaixo da linha da pobreza, em contraste com uma desigual concentração de renda nas mãos de uma minoria. O desemprego atinge 200 mil pessoas, principalmente os jovens. O consumo do “crack” droga altamente nociva e com capacidade veloz de degradação humana tem crescido de forma assustadora entre a juventude, soma-se a isso o fato de Fortaleza conviver com mais de 700 favelas, a maioria sem previsão de políticas publicas de educação, cultura ou lazer, medidas estas, que poderiam contribuir para amenizar sensivelmente o devastador quadro social que vem sendo pintado diariamente.

A Capoeira é sem sobra de duvidas na atualidade uma das maiores ferramenta de inclusão social no combate as drogas no nosso País, se não vejamos: como produto da cultura popular e esporte, podem e devem contribuir para reverter esse quadro e favorecer a aproximação das pessoas, valorizando-as pelo que são, em essência, e não pelas suas condições sociais e materiais. Contribui também, para a construção de espaços democráticos, onde todos tenham direitos e oportunidades iguais, para a compreensão das relações entre passado, presente e futuro; e, sobretudo, para despertar a consciência política e a capacidade de afirmação da cidadania e dos direitos humanos fundamentais; e ainda atua como complemento na renda familiar, uma vez que a Capoeira também é reconhecida como atividade profissional, pelo código brasileiro de ocupação – CBO.

Estes serão alguns dos pontos a serem debatidos nesta audiência publica na Assembléia legislativa do Ceará, a qual ainda não tem data marcada, mas que certamente servirá de alerta para que juntos venhamos a dar uma rasteira nas drogas.
Maiores informações de como participar na construção e no apoio a este projeto:

Mestre Gerson do Valle
085. 9954.8989 TIM – 8754.2803 OI – 9204.2624 CLARO – 8107.6104 VIVO

Capoeira na Escola, uma luta com fundamento…

Meus amigos, boa tarde.

Em atenção a nossa ultima conversa, acertei com o Deputado Estadual Vicente Candido(SP), para realizarmos uma audiência pública em São Paulo, sobre a lei sancionada pelo Governador que leva a Capoeira para a Escola, em todo o estado Paulista. Na ocasião também vamos debater o projeto de Lei do Deputado Federal: Arnaldo Farias de Sá que institui e legaliza a profissão de Capoeirista. Essas propostas foram fruto da luta reforçada pelos congressos Nacional de Capoeira realizados em 2003 em São Paulo e 2004 no Rio de Janeiro.

A data sugerida é dia 3 de agosto, dia em que comemoramos no estado o dia da Capoeira, nesta audiência convidaremos os Secretarios de Estados de Educação,Esporte, Cultura e de Trabalho, além de personalidades do mundo Politico, Esportivo e cultural.

NA ocasião vamos também apresentar o projeto do Congresso Estadual de Capoeira que será realizado no mês de outubro em São Paulo.

Também apresentaremos a data de reunião com os Ministros de Educação e de Trabalho em Brasília logo após o recesso.

Divulguem pois a nossa luta esta já sendo vitoriosa e o resultado benificia a todos e não poderia ser diferente.

Forte abraço
Saudações Capoeiristicas

Jairo Junior 
J.Junior
MESTRE ROSA

Porto Alegre: Audiência Pública sobre a revisão da Lei Rouanet

Agenda em Porto Alegre

Audiência Pública sobre a revisão da Lei Rouanet na Assembléia Legislativa

O ministro da Cultura, Juca Ferreira, estará nesta quinta-feira, dia 30, em Porto Alegre, onde irá apresentar ao público gaúcho a proposta de reformulação da Lei Federal de Incentivo à Cultura, a Lei Rouanet. A proposta de Projeto de Lei será exposta a partir das 14h, durante audiência pública na Assembléia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul (Praça Mal. Deodoro, nº 101, Centro).

As alterações estão sendo apresentadas dentro do projeto de instituição do Programa de Fomento e Incentivo à Cultura (Profic), que encontra-se em consulta pública até o dia 6 de maio, no site da Casa Civil da Presidência da República, no link www.planalto.gov.br/ccivil_03/consulta_publica/programa_fomento.htm.

Desde o lançamento da consulta pública, no dia 23 de março, o ministro Juca Ferreira e dirigentes do Ministério da Cultura vêm percorrendo capitais das cinco regiões do país para explicar a nova proposta a representantes dos setores artísticos, gestores culturais e demais interessados no tema.

Dentre as novidades apresentadas estão a instituição de fundos setoriais de financiamento a projetos dos diversos segmentos culturais e a criação da Loteria da Cultura e do Vale Cultura para estimular o consumo e permitir o acesso da população de baixa renda a bens e serviços culturais.

Informações sobre a apresentação do Profic em Porto Alegre: (51) 3311-5331, 3395-3423 e [email protected], na Representação Regional Sul do Ministério da Cultura.

(Comunicação Social/MinC)

Fortaleza: CMF: Audiência Pública vai discutir a profissionalização da Capoeira

Com o propósito de discutir a profissionalização e a falta de apoio institucional para projetos relacionados à Capoeira, será realizada no Auditório Ademar Arruda, da Câmara Municipal de Fortaleza, uma Audiência Pública, no próximo dia 19, quarta-feira, às 14h30min. O requerimento foi feito pelo vereador Iraguassú Teixeira (PDT), que estará mostrando as dificuldades encontradas pelos profissionais da área.

Segundo o parlamentar, essa discussão será importante para a conscientização das autoridades em elação a profissionalização da arte. "A Capoeira conquistou o mundo por seu encanto e musicalidade. Por conseqüência, despontou no mercado de trabalho, onde tudo que é construído, é comercializado. Então, nesta audiência pretendemos discutir com os simpatizantes, instituições e a comunidade capoeirista, o tema que é de grande relevância, dada a evolução que a Capoeira tomou. Além de mobilizar a população em geral e as autoridades responsáveis, na conscientização da preservação da cultura da Capoeira e da luta pela profissionalização desta arte", afirmou Iraguassú.

Desde 1995, tramita na Câmara Federal, um projeto que visa a profissionalização. Porém o mesmo foi dado por encerrado no ano 2000. A iniciativa de regulamentar a Capoeira como profissão é do deputado federal Arnóbio Faria de Sá, de São Pulo.

Na nossa capital, a Lei Municipal n° 9.041/05, de autoria do ex-vereador, hoje deputado estadual, Ferreira Aragão, regulamentou a realização da Semana da Capoeira, comemorada entre os dias 19 e 25 de novembro. A Audiência Pública que discutirá a profissionalização da arte faz parte da programação da Semana da Capoeira.

Na Câmara Municipal de Fortaleza, a capoeira continua em pauta. No ano passado, o vereador Iraguassú Teixeira entrou com um projeto de indicação, que dispõe sobre a inclusão da capoeira na grade curricular na Rede Municipal de Ensino, entre as opções da disciplina de Educação Física nas escolas de Fortaleza. O projeto foi aprovado pela Câmara Municipal e já foi encaminhado para a prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins. Resta agora a aprovação da Prefeitura Municipal para que a Capoeira seja inclusa na grade escolar.

Assessoria de Imprensa

Maiores informações com Monalysa Alencar, pelos fones 9139-4176 e 3444-8346.

Audiência Pública: Projeto de Lei Regulamenta a profissão Mestre de Capoeira

CONVITE – AUDIÊNCIA PÚBLICA PROJETO DE LEI REGULAMENTA A PROFISSÃO MESTRE DE CAPOEIRA

Temos a honra de formular o presente convite para apresentação do Projeto de Lei que dispõe sobre a regulamentação da Profissão de Capoeirista e dá outras providências. Projeto de Lei de autoria Dep. Federal Carlos Zarattini (que está em tramitação no Congresso Nacional). A Audiência Pública acontecerá na Assembléia Legislativa de São Paulo, (Auditório Teotônio Vilela) no próximo dia 21 de Agosto, às 19 horas.

  • AABA – Associação de Amizade Brasil Angola
  • Abracap – Associação Brasileira de Capoeira
  • Associação Brasileira de Capoeira Angola
  • CIC – Confederação Internacional de Capoeira
  • Congresso Nacional de Capoeira
  • Deputado Estadual José Candido
  • Deputado Federal Dr. Carlos Zarattini
  • FBC – Federação Brasileira de Capoeira
  • FPC – Federação Paulista de Capoeira
  • Grupo Abada de Capoeira
  • Superliga Brasileira de Capoeira


Por favor, confirmar presença nos seguintes telefones:

(11) 3227- 2822 – 3227 2828 – (11) 4437-1071 / 8672-0332 – NEI