Blog

juvenil

Vendo Artigos etiquetados em: juvenil

Campo Grande: Passando uma rasteira nas drogas

Com o objetivo de usar o esporte como arma contra as drogas e a violência, foi realizado no último final de semana em Campo Grande o 4º Encontro de Capoeira – Passando uma rasteira nas drogas. O evento teve o apoio do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul através da Fundesporte.

Cerca de 100 atletas de Campo Grande e interior do Estado participaram do encontro que promoveu aulas de capoeira, palestras de conscientização sobre drogas e violência, curso de primeiros socorros e um torneio infantil, juvenil e adulto da modalidade.

O diretor-presidente da Fundesporte, Flavio Britto, elogiou o trabalho dos organizadores do evento e ressaltou que o esporte é a maneira mais rápida e barata de afastar nossos jovens do perigo das drogas.

Luanda: JMPLA realiza exposição da arte de capoeira na Samba

Luanda – Uma exposição sobre a arte da capoeira decorre desde sábado no calçadão da Samba, em Luanda, no âmbito dos cinco anos da legião em Angola, numa promoção da JMPLA.

De acordo com o primeiro secretário municipal da JMPLA, Job Vasconcelos, que falava hoje, segunda-feira, à Angop, o acto que visa sensibilizar a juventude daquela circunscrição para a prática desportiva, será marcado pela demonstração de aulas ao vivo de capoeiras, entrega de certificados e outros.

Para o responsável, proporcionar momentos de lazer e desportivos a juventude é uma das acções daquela organização juvenil, no âmbito do programa de combate à delinquência e à prostituição.

Outro propósito deste evento é aproveitar de maneira correcta, as infra-estruturas que o governo vem proporcionando em prol do bem-estar da sociedade angolana.

http://www.portalangop.co.ao

Capoeiristas do Meninos Guerreiros conquistam muitas medalhas em Ribeirão Pires

O Grupo de Capoeira Meninos Guerreiros representou Cubatão na Copa Ribeirão Pires de Capoeira 2ª Taça SEJEL, realizada no domingo, dia 16 na sede do Ribeirão Pires Futebol Clube. Sob a supervisão da Federação Paulista de Capoeira, o campeonato contou com a participação de 18 grupos de capoeira de várias regiões do Estado.

Sob o comando técnico de Fábio Reis, o mestre Cabrito, e do assistente técnico Edilson Irmão (o mestre Capoeira), contando com 15 atletas, a equipe cubatense conseguiu os seguintes resultados: Sara Pereira de Souza (Pitoco), medalha de bronze na Categoria Juvenil Feminino Médio; Daira Batista da Silva Lima (Empadinha), medalha de prata na Categoria Juvenil Feminino Meio Pesado; Denis Pereira da Silva Categoria, medalha de ouro no Juvenil Masculino Super Pesado; Mayara de Oliveira, medalha de ouro na Categoria Adulto Feminino Leve; Jamile Teles da Silva (Diny), medalha de prata na Categoria Adulto Feminino; Joselito José da Silva (Cicatriz), medalha de bronze na Categoria Adulto Masculino Super Pesado.

Também participaram da competição, mas não conseguiram ficar entre os três primeiros os seguintes atletas: Ruan Rodrigues da Silva, Danilo Lima de Freitas, Carlos Eduardo Soares de Azevedo (Morceguinho), José Roberto da Silva (Pintado), Irlei Aguiar Lima (Cm Amaral), Leandro de Souza Santos (Neguinho), Marivaldo Souza Matos (Profº Coelho), Bruna Silva Dutra, José Francisco da Silva (Guaxinim).

Na disputa por equipes o Grupo de Capoeira Meninos Guerreiros ficou em 5º lugar, com 22 pontos. Classificação Geral 5º Lugar com 22 Pontos. Mestre Cabrito informa ainda que de acordo com estes resultados a equipe já está se preparando para mais um desafio que será no dia 18 de Julho na cidade de Santo André, em mais campeonato realizado pela Federação Paulista de Capoeira. “Todas as copas são classificatórias para o Campeonato Paulista que acontecerá no final do ano em São Paulo”, informou o técnico.

Agradecimento – Mestre Cabrito destacou o valor dos resultados, por ter sido a primeira participação da equipe cubatense na competição organizada pela Federação Paulista da modalidade, que tem primado pelo alto nível dos atletas. “Contamos com o apoio da Prefeitura de Cubatão, através da SEMES, que nos cedeu os agasalhos de frio e da SEMAS, que cedeu o veiculo para transporte dos atletas”, agradeceu o técnico.

Texto: Lula Terras – MTb. 13.553
20100517 – Semes – Meninos Guerreiros no Paulista de Capoeira

Página inicial

Resultados: II JOGOS GERAÇÃO INTERATIVA DE CAPOEIRA realizado em Pirassununga

“II JOGOS GERAÇÃO INTERATIVA DE CAPOEIRA”

DIA 20 DE SETEMBRO DE 2009
HORÁRIO: DAS 09:00 ÀS 18:00 HORAS
LOCAL: GINÁSIO MUNICIPAL DE ESPORTES DR. LAURO POZZI
-CEFE PRESIDENTE MÉDICE – AV. PRESIDENTE MÉDICE S/Nº – JD.
CARLOS GOMES – PIRASSUNUNBGA-SP

-REALIZAÇÃO: APACAP EM PARCERIA COM A SECRETARIA MUNICIPAL DE ESPORTES

-DIREÇÃO: MESTRE LUIZÃO
-EQUIPE ORGANIZADORA: JANAÍNA, VERIDIANA, NAILA, MOINHO, MARCIA, PIMENTA (SÃO PAULO/SP), MARINA E BUIÚ

ARBITRAGEM: CONTRA MESTRES XENHO E DE PAULA; INSTRUTOR TUBARÃO; MONITORES CEZÃO, BUIU  E CAMARÃO, FORMADO JABA E ESTAGIARIO RAYOVAC.

-PARTICIPAÇÃO: MESTRES: LAU (ARARAS), SENA (POÇOS DE CALDAS), TAROBA (SÃO CARLOS), OSMAR (POÇOS DE CALDAS), CLÉO (SÃO PEDRO); CONTRA MESTRE DE PAULA (UBERABA/MG), PROFESSORES JUNINHO (GUARANÉSIA) E DANIEL (CASA BRANCA).

PROGRAMAÇÃO:

09:00 hs – Abertura com desfile das equipes, execução do Hino Nacional e juramento dos atletas;
09:30 hs – Início das Competições – Categorias: Mirim, Infantil e Infanto Juvenil (Jogo no ritmo de São Bento Grande);
12:00 hs – Intervalo para almoço; lançamento do Cd Capoeira Na Veia Vol. II “Cantigas de Mestre Luizão”; Show de saltos e Acrobacias.
13:30 hs – Reinicio das Competições – Categorias Juvenil, Adultos e Graduados – (Jogo de Benguela e São Bento Grande);
16:00 hs – Competições em ritmo de São Bento Grande para Categorias: Especial “Cadeirantes” e da 3ª Idade.
18:00 hs – Encerranento com entrega de troféus e medalhas aos atletas e equipes vencedoras.

PARTICIPARAM DO EVENTO AS SEGUINTES EQUIPES:

-APACAP (PIRASSUNUNGA, LEME E ITÚ)
-FILHOS DO BONFIM (POÇOS DE CALDAS E CASA BRANCA)
-ART-VIDA (GUARANÉSIA)
-ESCRAVO LIBERTO (SÃO PEDRO)
-JANGADEIROS DE OURO (SÃO CARLOS)
-PALMARES (ARARAS)

TOTAL: 215 ATLETAS

CATEGORIA MIRIM – ATÉ 10 ANOS DE IDADE:

FEMININO:

1º LUGAR:   VERONICA
GRUPO:   APACAP
CIDADE:   LEME

2º LUGAR:   TAILANE
APACA – PIRASSUNUNGA

3º LUGAR:   MARIA GABRIELA
FILHOS DO BONFIM – CASA BRANCA

CATEGORIA MIRIM – ATÉ 10 ANOS DE IDADE:

MASCULINO:

1º LUGAR:   MATHEUS
APACAP   LEME

2º LUGAR:   GUIUPER   
JANGADEIROS DE OURO – SÃO CARLOS

3º LUGAR:   JOÃO VITOR
FILHOS DO BONFIM ´CASA BRANCA

CATEGORIA  INFANTIL – 11 E 12 ANOS

FEMININO

1º LUGAR:   GISLAYNE
APACAP – PIRASSUNUNGA

2º LUGAR:   MARIELLE
APACAP – PIRASSUNUNGA

3º LUGAR:    MILENA
APACAP – LEME

CATEGORIA  INFANTIL – 11 E 12 ANOS

MASCULIO:

1º LUGAR:  JUNINHO
APACAP – PIRASSUNUNGA

2º LUGAR:   WESLEY
FILHOS DO BONFIM ´CASA BRANCA

3º LUGAR:  JEFERSON DE OLIVEIRA
APACAP LEME

CATEGORIA  INFANTO JUVENIL – 13 E 14 ANOS

FEMININO

1º LUGAR:   SIMONE
APACAP – PIRASSUNUNGA

2º LUGAR:   ELIANE
APACAP – ITÚ

3º LUGAR:  JÉSSICA
JANGADEIROS DE OURO – SÃO CARLOS

CATEGORIA  INFANTO JUVENIL – 13 E 14 ANOS

MASCULINO:

1º LUGAR:   RODNEY
ESCRAVO LIBERTO – SÃO PEDRO

2º LUGAR:  MURILO
FILHOS DO BONFIM – CASA BRANCA

3º LUGAR:  MICHAEL
APACAP – LEME

CATEGORIA  JUVENIL – 15 A 17 ANOS

FEMININO

1º LUGAR:   NAILA
APACAP – PIRASSUNUNGA

2º LUGAR:   GISLAINE
FILHOS DO BONFIM – CASA BRANCA

3º LUGAR:   SANDRA
APACAP – PIRASSUNUNGA

CATEGORIA  JUVENIL – 15 A 17 ANOS

MASCULINO:

1º LUGAR:   DANILO
FILHOS DO BONFIM – CASA BRANCA

2º LUGAR:   ALEX
ESCRAVO LIBERTO – SÃO PEDRO

3º LUGAR:   VALDECIR
APACAP – LEME

CATEGORIA  ADULTOS  – 18 ANOS ACIMA

FEMININO

1º LUGAR:   MAGDA
PALMARES – ARARAS

2º LUGAR:   MARINA
APACAP – PIRASSUNUNGA

3º LUGAR:   JANAINA
APACAP – PIRASSUNUNGA

CATEGORIA  ADULTOS – 18 ANOS ACIMA

MASCULINO

1º LUGAR:  CLAYTON
FILHOS DO BONFIM – CASA BRANCA

2º LUGAR:   IDAEL
APACAP – LEME

3º LUGAR:   RODRIGO
FILHOS DO BONFIM – CASA BVRANCA

CATEGORIA  GRADUADOS –  PROFISSIONAIS:

MASCULINO:

1º LUGAR:  CONTRA MESTRE  XENHO
APACAP – PIRASSUNUNGA

2º LUGAR:   MONITOR CEZÃO
APACAP – PIRASSUNUNGA

3º LUGAR:    PROFESSOR MARQUINHOS
JANGADEIROS DE OURO – SÃO CARLOS

Acreditando no poder da Superação - LEANDRO DA APACAP NA CATEGORIA ESPECIALCATEGORIAS ESPECIAIS:
CADEIRANTES E  FELIZ  IDADE:
DESTAQUE PARA OS ATLETAS:

LEANDRO – APACAP DE LEME/SP
MARIA E VITORIA – SÃO CARLOS/SP

CLASSIFICAÇÃO GERAL POR EQUIPES:

1º LUGAR:
APACAP – 107 PONTOS

2º LUGAR:
FILHOS DO BONFIM – 39 PONTOS

3º LUGAR:
JANGADEIROS DE OURO – 15 PONTOS

4º LUGAR:
ESCRAVO LIBERTO – 12 PONTOS

 

Atenciosamente,

Luiz Carlos Desideri – Mestre Luizão
Presidente da Apacap

II Jogos Geração Interativa de Capoeira

DIA 20 DE SETEMBRO DE 2009
HORÁRIO: DAS 09:00 ÀS 18:00 HORAS
LOCAL: GINÁSIO MUNICIPAL DE ESPORTES DR. LAURO POZZI
CEFE PRESIDENTE MÉDICE – AV. PRESIDENTE MÉDICE S/Nº – JD.
CARLOS GOMES – PIRASSUNUNBGA-SP

REALIZAÇÃO: APACAP PIRASSUNUNGA
APÔIO: SECRETARIA MUNICIPAL DE ESPORTES E PREFEITURA MUNICIPAL

DIREÇÃO: MESTRE LUIZÃO

PROGRAMAÇÃO:

09:00 hs – Abertura com desfile das equipes, execução do Hino Nacional e juramento dos atletas;
09:30 hs – Início das Competições – Categorias Pré Mirim, Mirim, Infantil e Infanto Juvenil (Jogo no ritmo de São Bento Grande);
12:00 hs – Intervalo para almoço;
13:30 hs – Reinicio das Competições – Categorias Juvenil, Adultos e Graduados – (Jogo de Benguela e São Bento Grande);
18:00 hs – Encerranento com entrega de troféus e medalhas aos atletas e equipes vencedoras.

REGULAMENTO:

1)-Das inscrições:

Não será nescessário o preenchimento de fichas para inscrição, basta os participantes pertencerem a um dos grupos convidados, comparecendo no dia, horário e local do evento. Tambem não serão cobradas nenhum tipo de taxa de participação.

Obs: Para comprovação de idade, os atletas deverão, no dia da competição, portar o RG ou RA escolar.

2)-Das Categorias:

a) Pré Mirim: de 6 á 8 anos
b) Mirim: 9 e 10 anos
c) Infantil: 11 e 12 anos
d) Infanto-Juvenil: 13 e 14 anos
e) Juvenil: de 15 á 17 anos
f) Adulto: 18 anos acima

Idade completada até o dia da competição.

CATEGORIA GRADUADOS:

g) Formados, Monitores, Instrutores, Professôres e Contra-Mestres

Idade mínima: 18 anos completados até o dia da competição

3)-Regras de competição

Individual:

A roda será formada aleatóriamente.

Será cronometrado o tempo de um minuto para cada volta.

Os atletas classificados seguem para a fase posterior até que seja apurado os vencedores de cada categoria.

4)-Da Arbitragem e Classificação:

Haverá um arbitro central, o qual deverá conduzir o jogo quanto ao seu início e termino, e tambem aplicar as advertências que se acharem necessárias e no mínimo treis jurados que classificarão ou desclassificarão os vencedores utilizando-se do sistema de bandeiras, nas mesmas cores das cordas usadas pelos competidores. Vence aquele que tiver um maior numero de bandeiras erguidas nas cores a seu favor.

A mesa de jurados será composta em numero mínimo de treis jurados, sendo “um” Mestre ou representante qualificado de cada grupo convidado.

5)-Critérios de Avaliação:

Nas categorias: Pré Mirim, Mirim, Infantil e Infanto Juvenil, os participantes irão competir em jogo no ritmo de São Bento Grande; já nas categorias: Juvenil, Adultos e Graduados, os atletas competirão em jogos nos ritmos de Benguela e São Bento Grande.

Nas categorias Juvenil, Adultos e Graduados, serão classificados e premiados os atletas que somarem a maior quantidade de pontos nos jogos de Benguela e São Bento Grande.

Os Jurados irão julgar o conjunto de movimentos baseados na tecnica, destreza, malícia, volume de jogo e harmonia, fundamentados no estilo contemporâneo e composto em: ginga, negaça, floreios, golpes, contra-golpes, fintas, esquivas, entradas e saídas. Não serão computados pontos para movimentos especificos e sim pelo conjunto dos movimentos.

Serão proibidos quaisquer gestos ou atitudes anti-desportiva, assim como ficam proibidos os golpes contra-golpes e entradas aplicados com intensidade de forma que possa comprometer a integridade física ou moral o companheiro de jogo.

Serão proibidos movimentos excessivos que venham coibir o companheiro de desenvolver os seus movimentos. O competidor joga com o seu companheiro de jogo e não contra ele. Caberá apenas aos jurados julgar quem desenvolveu o melhor jogo tendo o melhor aproveitamento naquele momento.

6)-Da Pontuação individual e por as equipes:

Atletas cassificados em:

1º lugar: 5 pontos
2º lugar: 3 pontos
3º lugar: 2 pontos
4º lugar: 1 ponto

Para apurar-se os vencedores individuais em cada categoria, serão somados os pontos conquistados em cada modalidade, sagrando-se vencedores os atletas que mais somarem pontos.

7)-Da Premiação:

Medalhas para os treis atletas melhores classificados em cada categoria.
Troféus para as treis equipes que somarem mais pontos.

I Encontro Juvenil de Capoeira Angola na Austrália

O objetivo deste encontro e de reunir os alunos do Projeto Bantu que um projeto social cultural que atende 120 jovens refugiados de diferentes nacionalidades, e de países incluindo países Africanos, Iraque, Burma,Timor Leste e etc… que encontraram na Capoeira Angola uma forma de socialização e identidade Cultural .

O encontro terá uma serie de oficinas praticas e teóricas sobre a Capoeira Angola e a Cultura Afro-brasileira, já que nas aulas normais não temos tempo suficiente para o aprofundamento de todos elementos desta Arte.

Este Encontro vai dar também a possibilidade para os alunos encontrar com os Mestres da velha Guarda da Capoeira Angola que transmitira através da sua presença e aulas vários ensinamentos para estes jovens que desde sua infância vem enfrentando vários desafios na vida em seus países, onde estão em conflito politico e social, aja visto a maioria deles chegaram a perde todos os seus familiares incluindo pai e Mãe.

Para maiores informacoes www.capoeirangola-projectbantu.com

Festival Internacional de Curtas: A Capoeira na Grande tela

Depois de Mestre Bimba a Capoeira Iluminada do Diretor Luiz Fernando Goulart é a vez do Curta de Paola Barreto Leblanc: Maré Capoeira ser apresentado na grande tela!
 
É nossa capoeira sendo difundida pelos 7 mares através da 7ª Arte…
Sucesso e muito axé a toda equipe de Maré Capoeira!!!
Luciano Milani

O Festival Internacional de Curtas de Oberhausen inicia-se, nesta quinta-feira (04/05), com 136 filmes provenientes de 48 países. Em 2006, cinco curtas brasileiros foram selecionados.

Nesta quinta-feira (04/05), inicia-se a 52ª edição de um dos mais antigos e mais renomados festivais de curtas-metragens do mundo, promovido pela cidade de Oberhausen, na Renânia do Norte-Vestfália.

Dos 5768 trabalhados enviados, neste ano, foram selecionados 136 curtas provenientes de 48 países, concorrendo em quatro categorias: internacional, curta alemão, infanto-juvenil e clip musical alemão. No ano passado, o curta brasileiro Man.Road.River, do mineiro Marcellvs L., foi premiado na competição internacional com sete mil e quinhentos euros.

Em 2006, cinco curtas-metragens brasileiros foram selecionados para participar do festival de Oberhausen, três na competição internacional – Dormente, de Joel Pizzini, Jonas e a Baleia, de Felipe Bragança e Mestre Humberto, de Rodrigo Savastano, e dois na categoria infanto-juvenil – Maré Capoeira, de Paola Barreto Leblanc e Tudo o que é solido pode derreter, de Rafael Gomes.

Dormente

Estações ferroviárias, trilhos e linhas de transmissão de energia elétrica constituem o cenário noturno de Dormente. Formas infinitas, forças paralíticas, gestos que se repetem, lembranças, auto-retratos e a escuridão da nossa viagem diária nos são revelados no filme do carioca Joel Pizzini.
 
Jonas e a Baleia

Jonas possui uma arma, um par de sapatos e uma motocicleta. Um dia, ele se apaixona e mata um homem.
Jonas e a Baleia, curta do carioca Felipe Bragança filmado em 2006, será mostrado pela primeira vez ao público no Festival de Curtas de Oberhausen deste ano.
 
Mestre Humberto
 
O enredo de Mestre Humberto, do cineasta carioca Rodrigo Savastano, trata de um delicioso passeio pelo centro histórico do Rio de Janeiro e pela África.
O passeio é acompanhado dos amigos e das lembranças de um experiente observador da vida chamado Humberto de Souza.

Maré Capoeira
 
A também carioca Paola Barreto Leblanc traz para Oberhausen Maré Capoeira.
O curta conta a história de Maré, apelido de João, um garoto de dez anos de idade que sonha em ser mestre de capoeira como o pai, seguindo uma tradição de família.
Tudo o que é sólido pode derreter

Débora, aos 15 anos de idade, divide com Hamlet os mesmos medos e dúvidas de tornar-se adulta. Por ser capaz de sentir os medos do príncipe Hamlet, começa a analisar sua dor e aprende a se posicionar.
Tudo que é sólido pode se derreter é a contribuição do paulista Rafael Gomes para a competição infanto-juvenil de Oberhausen.


Forte presença latino-americana

 

Com curtas provenientes da Argentina, Brasil e Chile, a presença latino-americana na competição de curtas infanto-juvenis deste ano, em Oberhausen, é excepcionalmente forte, segundo ressaltou a organização do festival.

Uma outra novidade do festival é que será apresentada, pela primeira vez em Oberhausen, uma seleção de 12 das mais importantes associações de filmes experimentais e de arte. O Brasil está representado pela mostra da Associação Cultural Videobrasil, do Rio de Janeiro.

Obras de Alex Gabassi, Rafael França, Wagner Morales, Fabiana Werneck e Marco del Fiol farão parte da mostra Videobrasil a ser apresentada nesta quinta-feira (05/05), em Oberhausen.

O Festival de Curtas de Oberhausen vai até 09/05, quando serão anunciados os nomes dos curtas vencedores da competição internacional, alemã e infanto-juvenil.