Blog

sul

Vendo Artigos etiquetados em: sul

Aconteceu: UFFS e Prefeitura convidam população para Noite Cultural em Realeza

A Universidade Federal da Fonteira Sul (UFFS) – Campus Realeza e a Prefeitura Municipal de Realeza convidam toda a comunidade para a “Noite Cultural”.

O evento é gratuito e foi realizado na noite de sábado (22), na Casa da Cultura. Estão programadas apresentações musicais, teatrais e outras manifestações culturais.

A abertura está marcada para as 19h, em seguida a Orquestra da UFFS – Campus Laranjeiras do Sul traz um repertório de música popular e erudita. Formada 2013, a partir do Projeto Cultural Educação Musical, coordenado pelo professor Martinho Machado Junio, a Orquestra conta com 25 integrantes, sendo acadêmicos, professores, técnicos-administrativos em educação e pessoas da comunidade de Laranjeiras do Sul.

Já no horário das 20h30min, é a vez do Grupo Teatral La Broma e do Projeto Cultural “Joaninha ou o que é”, do Campus Realeza, subir ao palco com a peça “Caos Universitários”. A apresentação é uma construção coletiva a partir de jogos de expressão corporal, vocal e de improvisação. A performance faz uma imersão no esteriótipo do mundo universitário no ponto de vista de estudantes de graduação da UFFS e brinca com diferentes possibilidades de concepção de uma universidade.

O encerramento, previsto para as 21h, será feito pelos integrantes do Projeto Viva Capoeira, do Campus Realeza, em conjunto com o Grupo de Capoeira Arte e Manha, da cidade de Dois Vizinhos. Os grupos trazem as manifestações culturais da roda de capoeira – considerada Patrimônio Imaterial da Cultura Brasileira – do maculelê – simulação de uma luta africana com bastões, acompanhada de música – e do samba de roda.

 

Fonte: http://www.jornalnovotempo.com.br/

Chapadão do Sul: Presidente Wagner quer aulas de capoeira para crianças e jovens

Presidente Wagner quer aulas de capoeira para crianças e jovens de Chapadão do Sul

O Presidente da Câmara, Wagner Inácio apresentou indicação ao Prefeito Luiz Felipe de Magalhães e ao diretor de esportes Emerson Willian, pedindo a contratação de professor para ministrar aulas de capoeira para crianças e jovens de Chapadão do Sul.

O parlamentar justifica que a capoeira é um esporte saudável, que expressa uma parte importante da cultura brasileira. Além da parte física, a capoeira é um esporte que conta com a musicalidade que cativa o praticante.

“A capoeira vai preencher o tempo de livre de crianças e adolescentes além de trazer nova perspectiva de uma futura profissão e consequentemente um lugar na sociedade, além de mostrar através do relacionamento dos componentes de seu novo grupo de capoeira a amizade, o amor, o companheirismo e a tolerância”, justifica.

 

http://www.ocorreionews.com.br/

Fundação de Cultura abre Oficina de Capoeira Ilê Camaleão no Centro Cultural

A Fundação de Cultura do governo de Mato Grosso do Sul dá início a Oficina de Capoeira Ilê Camaleão, do Mestre Liminha (Antonio Lima). As aulas acontecem de terça a sexta-feira, das 19h às 21 horas na sala Ateliê do Centro Cultural José Octávio Guizzo.

A Oficina de Capoeira Ilê Camaleão faz parte das atividades do Programa Educativo do Centro Cultural José Octávio Guizzo A primeira aula é gratuita e o valor da mensalidade é de R$ 60,00. O curso vai até dezembro e as vagas são limitadas.

A capoeira, com o decorrer dos anos, deixou de ser apenas uma luta e se transformou em um conceito cultural que empolga tanto brasileiros quanto turistas estrangeiros.

O grupo Ilê-Camaleão existe desde 1990 e é um dos representantes de Mato Grosso do Sul nos encontros nacionais de capoeira, apresentando sempre sua arte de gingar e cantar ladainhas.

 

Serviço: O Centro Cultural José Octávio Guizzo está localizado na Rua 26 de agosto, 453. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3317-1795 ou com o Mestre Liminha, através do telefone 9233-4249.

 

Fonte: http://www.midiamax.com

Livro: A Magia da Capoeira

O Capoeirista e Escritor Jean C. de Andrade apresenta seu segundo livro sobre uma luta Brasileira e eficáz,um pouco da história da capoeira, luta esta que se mistura com a cultura em meio a dança com golpes desequilibrantes e traumatizantes,criada pelos escravos no Brasil em meados do século XVII.

Estou na capoeira desde 1993, de lá para cá coleciono vários títulos e campeonatos,sendo também Árbitro da Federação Sul Mineira de Capoeira, também Campeão interno da Academia Santa Isabel e Vice Campeão Mineiro de Capoeira. Hoje sou  Professor, formado por Mestre Roque da Academia Santa Isabel de Bom Repouso MG. Mestre Roque é Formado de seu Irmão, Geraldo (Mestre Gêra) da Academia Santa Isabel de São Caetano do Sul SP.

Como um trabalho social dou aulas de capoeira para crianças na Escola Municipal de Estiva MG.

A capoeira juntamente com a natação é um excelente esporte físico, pois mexe com todo corpo,é um exercício físico e tanto, além de somar disciplina e  controle emocional.Salve Capoeira!!!! — Prof. Jean C. de Andrade-

Benefícios Da Capoeira

1Maior disposição para trabalho sexo e estudos.
2-Previne contra estresse.
3-Combate o excesso e a falta de peso.
4-Aumenta a força, reflexo, equilíbrio e agilidade.
5-Fortalece o sistema muscular, respiratório e cardio- vascular.
6-Contribui para regularização do sistema digestivo.
7-Oportuniza o domínio de eficazes técnicas de defesa.
8-Desenvolve sua sensibilidade artística.
9-Atua como terapia (o poder de concentração melhora o auto
(Controle emocional)
10-Depois da natação, a capoeira é o melhor esporte, pois mexe com todo o corpo.

Cia. de Dança Negra-Contemporânea Kina Mutembua & Espetáculo Berimbaus

Estreou mês passado no Rio de Janeiro o espetáculo Berimbaus, o mais novo trabalho da Cia. de Dança Negra-Contemporânea Kina Mutembua.

A iniciativa é patrocinada pela Shell e narra a chegada dos povos africanos ao território brasileiro e a construção de uma cultura marcada pela criatividade e pela resistência. A capoeira tem destaque no espetáculo, sendo apresentadas coreografias de Yuna e São Bento. 

O espetáculo também introduz a coreografia Intore, desenvolvida em cooperação com o Ballet Nacional de Ruanda e financiada pela Unidade Especial de Cooperação Sul-SUl do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) de Nova Iorque.

O espetáculo é dividido em três momentos:

  1. Pássaro: momento lírico onde o balé de duas aves é apresentado por meio dos movimentos da capoeira
  2. Pé de berimbau: celebrando os mestres de capoeira do presente e os ancestrais
  3. Berimbau: momento em que a força do tambor e da dança africana se expressa em sua plenitude

A Cia. de Dança-Negra Contemporânea Kina Mutembua  integra a Ong Ação Comunitária do Brasil do Rio de Janeiro fundada há 45 anos, e que atua na área de qualificação profissional e geração de renda através do estímulo ao trabalho associativo, ao fomento à produção solidária e ao desenvolvimento de formas alternativas de geração de renda para moradores de comunidades de baixa renda da cidade do Rio de Janeiro.

Agenda de outubro: Salvador

 

Fonte: http://www.minasdeideias.com.br/

Manaus: aniversário do Grupo Matumbé

Manaus – Com 400 integrantes e quase um ano de fundação, o Grupo Matumbé de Capoeira do Amazonas exportou o gingado para o exterior com o trabalho abnegado de vários mestres, entre eles ‘Capacete’.

Há três anos, ele dá aulas da modalidade em Barcelona, na Espanha, onde decidiu criar uma filial do projeto.

Capacete voltou recentemente a Manaus para comemorar, no final deste mês, o aniversário do Grupo Matumbé e receber o título de contramestre. Na programação especial, que começa nesta quarta-feira (25) e vai até domingo (30), serão organizados mesas redondas, rodas de capoeiras e o batizado anual de novos alunos.

Nesta quarta-feira, a abertura com as tradicionais rodas começam às 18h no Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), na Avenida André Araújo, em Petrópolis, zona sul de Manaus.

Nos quatro dias seguintes do evento, o local vai mudar para o Centro de Convivência da Família, na Aparecida, zona sul, onde na quinta-feira (27) o mestre Kaká Bonates, fundador do Matumbé, dará uma palestra aberta ao público.

Na sexta-feira, em uma mesa redonda, Capacete pretende resgatar a experiência com a capoeira na Europa. Ambos os eventos serão no horário das 18h.

Após um intervalo das atividades no sábado, o encerramento no domingo será dedicado à formatura de cinco praticantes e à festa de fundação do Grupo Matumbé.

“Antigamente, éramos todos do Grupo Cativeiro, que existia há 20 anosem Manaus. No ano passado, mudamos o nome para Matumbé (que no tupi-guarani significa berimbau) para ser mais regional. Nós praticamos a capoeira tradicional baiana (com origem em Angola). Temos também grupos na Islândia, Jamaica e Barcelona. Nossa filosofia é não participar de competições, porque acreditamos que a capoeira trabalha mais a solidariedade e o respeito entre as pessoas. Não queremos nada competitivo”, explicou o mestre Kaká Bonates.

Capoeira celebra aniversário do Grupo Matumbé e reúne praticantes em Manaus

 

http://www.d24am.com – Redação . portal@d24am.com

Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul: Encontro “Resgate da Capoeira de Angola”

FCMS apoia realização do encontro “Resgate da Capoeira de Angola”

O governo do Estado, por meio da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul (FCMS), apoia a realização do encontro “Resgate da Capoeira de Angola” com o Mestre Jogo de Dentro da Bahia (Jorge Egídio dos Santos). O evento acontece de 14 a 16 de setembro, no Centro Cultural José Octávio Guizzo.

A oficina é destinada a todos os capoeiristas, simpatizantes e profissionais da área. Segundo o promotor do evento mestre Liminha (Antônio Lima), o encontro vai agregar os capoeiristas do Estado. “Além disso, ainda terão a oportunidade de fazerem uma reciclagem, tendo contato com um mestre de capoeira renomado”, ressaltou.

O Mestre Jogo de Dentro da Bahia (Jorge Egídio dos Santos) já passou por vários países difundindo a prática da capoeira. No Canadá desenvolve oficina há dezesseis anos. Também ministrou cursos em Israel. No Brasil desenvolve um trabalho na periferia de Salvador há vinte anos.

Será realizado no dia 16 de setembro, no encerramento do projeto, das 9h30 às 11h30, a Roda Fundamentada, que irá promover a finalização do curso.

 

Capoeira

A capoeira é uma manifestação cultural brasileira. No entanto, a grande maioria da população desconhece suas raízes. Tratada por alguns segmentos como esporte, por outros como dança e até arte marcial, a capoeira pode ser classificada também como uma expressão folclórica devido ao seu conteúdo histórico de preservação de uma cultura que foi massacrada durante séculos no Brasil.

Mesmo discriminada e perseguida pela classe dominante, essa manifestação conseguiu se manter viva graças ao movimento de luta e resistência das comunidades negras, principalmente quilombolas, chegando aos dias atuais como expressão de força e determinação de um povo oprimido.

Em Mato Grosso do Sul, há cerca de dez mil capoeiristas. No entanto a maioria não conhece a história e os fundamentos desta arte, muitas vezes focando apenas como uma técnica de defesa pessoal. A capoeira vem conquistando espaço em todas as camadas sociais em nosso país e conquistando crianças, jovens e adultos por sua beleza e agilidade. Além disso, a prática da capoeira faz bem a coordenação motora, estimula a circulação e a flexibilidade dos alunos a ainda exercita o convívio social e trabalha o ser humano enquanto grupo.

 

Serviço

Para participar da oficina os interessados devem levar dois quilos de alimentos não perecíveis, que serão destinados a entidades filantrópicas de Campo Grande. As vagas são limitadas. Mais informações sobre o projeto podem ser obtidas com o Mestre Liminha através do telefone (67) 9233-4249.

 

http://www.midiamax.com

Abertura do Simpósio Terreiro 2012

Prezado Mestre,

Tenho a honra de convida-lo pessoalmente para abrilhantar a abertura do nosso Simpósio Internacional 2012, evento que realizo a cada dois anos em Brasilia – DF, com a participação de capoeiristas de diversos Estados e participantes de outros países como Angola, Alemanha, Africa do Sul, México e Portugal…

Este ano nossa Roda de Abertura e coquetel de lançamento será no Sindicato dos Bancários, na 313/314 SUL, entrequadra, no Teatro dos Bancários, no horário preciso entre as 17,00 horas – inicio e 20,00 horas – encerramento.

Conto com sua presença e sua força para o malhor sucesso desse evento que representa, antes de mais nada, a expansão da Capoeira de nossa Capital pelo mundo afora…

Agradeço imensamente sua atenção e conto com sua presença!


Abraço fraterno,


Squisito
9656 6710 – 82225 5578 – 9514 0459

Ciclo de Debates “Negras Histórias no Sul da Bahia”

CICLO DE DEBATES: NEGRAS HISTÓRIAS NO SUL DA BAHIA convida

Para a Mesa “HISTÓRIAS DE CAPOEIRAS”


Participantes:

Gissele Raline Fernandes Moura

Graduada em História (UESC) e Mestre em História Social (UFBA)

Paulo Andrade Magalhães Filho

Graduado em Comunicação Social (UFMG), Especialista em Educação e Relações Étnico Raciais (UESC) e Mestre em Ciências Sociais (UFBA)

 

Mediadora:

Luiza Reis

Graduada em História (UESC), Mestre e doutoranda em Estudos Étnicos e Africanos (UFBA), Professora Assistente da UESC

O Ciclo de debates Negras Histórias no Sul da Bahia é um projeto do Grupo de Estudos do Atlântico e da Diáspora Africana (GPEADA), aprovado no Programa Prodocência, e articula professores e estudantes de Pós-Graduação egressos da UESC com discentes do curso de História para discutir uma revisão historiográfica sobre a presença negra no sul da Bahia.

Dia 09.07.2012, segunda feira, no auditório Jorge Amado (UESC), às 9:00h

 

Haverá emissão de certificados!

 

Venha discutir conosco!