Grandes nomes da Capoeira no Rio receberam outorga de Doutor Honoris Causas
|

Rio de Janeiro: Grandes nomes da Capoeira receberam outorga de Doutor Honoris Causas

Grandes nomes da Capoeira no Rio receberam outorga de Doutor Honoris Causas.

A Capoeira subiu mais um degrau hoje, no Rio de Janeiro. Principais nomes da Capoeira receberam a outorga de Doutor Honoris Causas. A cerimônia aconteceu na no Centro Cultural Joaquim Lavoura em São Gonçalo, às 14h, com uma extensa e emocionante programação. Bem organizado, antes de começar o evento os participantes e seus acompanhantes foram orientados quanto aos atos da cerimônia. Emocionado, Elizeu dos Santos Felipe, o Mestrissimo Zezeu, falou da importância do título para a área da Capoeira. “É muito emocionante ter recebido este título ao lado de grandes nomes da salvaguarda da Capoeira, das Culturas Afro-Brasileiras e Afro-Indígenas! Estas juntas, fazem parte do gigante legado cultural que os nossos ancestrais nos deixaram. Por este motivo, nunca deixarei de agradecer àqueles que lutaram e resistiram para nos proporcionar a liberdade de sonhar por um futuro e lugares maiores para o nosso povo. Permaneceremos sempre firmes e fortes para manter viva esta herança, transferindo o que aprendemos e o que vivemos para os nossos alunos e as futuras gerações”, destacou.

Da mesma forma, a presidenta da Ordem dos Capelães do Brasil (OCB) e Reitora da Faculdade Febraica, Dra. Elizabeth Ferraz, comentou sobre a realização. “A Ordem dos Capelões do Brasil e a Faculdade fazem esse trabalho de reconhecimento público de pessoas que se destacam, como por exemplo, pessoas que conhecem o trabalho dos Capoeirista, sabem que são mestres naquilo em que fazem como ofício, então, é notório saber, tornar público isso. É uma iniciativa que temos reconhecida pelo MEC e pela Secretaria de Educação e, nós, enquanto faculdade, buscamos esses elementos dentro da sociedade para dar-lhes alto reconhecimento de causa. Então, eles são Doutores de ter o reconhecimento por notório saber e, hoje, como Doutores Honoris Causa. Logo, a honra é nossa! Que a Capelania, a Ordem e a Faculdade possam estar ajudando vocês nesse reconhecimento e que a sociedade entenda que não são mais só mestres, mas Doutores também”, explicou.

Os contemplados com a outorga Doutor Honoris Causas

Os capoeirista que foram homenageados no evento e participaram da cerimônia por contribuírem com a cultura e a manutenção da atividade foram:

  • José Machado dos Santos
    Mestrissimo Machado 
    Idade: 72 ANOS 
  • Elizeu dos Santos Felipe 
    Mestrissimo Zezeu
    Idade: 56 ANOS 
  • Victor Widavsky Travassos 
    Mestrissimo Travassos
    Idade: 79 ANOS 
  • Cirlei Clenorio Monteiro
    Mestre Bailarino
    Idade: 52 ANOS 
  • Paulo Sérgio da Silva
    Mestrissimo Paulão Muzenza
    Idade: 66

Logo, a Faculdade Febraica, juntamente com a Ordem dos Capelães do Brasil, outorgou o título de Doutor Honoris Causa aos seguintes Mestríssimos e Mestre, com trabalhos realizados na Cidade de Niterói e municípios adjacentes:

Grandes nomes da Capoeira no Rio receberam outorga de Doutor Honoris Causas
Grandes nomes da Capoeira no Rio receberam outorga de Doutor Honoris Causas

Dr . H.C a Paulo Sérgio da Silva – Mestríssimo Paulão Muzenza – com trabalho na cidade de Niterói e municípios adjacentes desde a década de 70 até a presente data, sendo um dos primeiros Mestres de Capoeira Conselheiros Titular e membro do Grupo de Trabalho do IPHAN dentre outros, preside o Conselho de Mestres e Mestras do Instituto Mestríssimo Zezeu Capoeira Estilo Livre. 

Dr. H.C a Victor Widavsky Travassos  Mestríssimo Travassos – com trabalho na cidade de Niterói e municípios adjacentes desde a década de 60 até a presente data;

Dr. H. C. a José Machado dos Santos – Mestríssimo Machado – com trabalho na cidade de Niterói e municípios adjacentes  desde a década de 60 até a presente data;

Dr. H. C. Elizeu dos Santos Felipe – Mestríssimo Zezeu – com trabalho na cidade de Niterói e municípios adjacentes desde a década de 80 até a presente data. Conselheiro Titular do primeiro Conselho de Mestres do IPHAN e membro de seu Grupo de Trabalho. Presidente e fundador do Instituto Mestríssimo Zezeu Capoeira Estilo Livre ;

Dr. H.C a Cirlei Clenorio Monteiro – Mestre Bailarino – que realizou trabalho na cidade de Niterói e municípios adjacentes na década de 80, estando atualmente com o seu trabalho na Alemanha e em Portugal,  o que certamente abrirá as portas para futuros intercâmbios Brasil / Europa. 

Todos os citados acima são membros fundadores da Liga Niterói de Capoeira.

Doutor Honoris Causa é uma honraria concedida por universidades a pessoas que se destacam em sua área de atuação. Geralmente, essas personalidades já são respeitadas pelo seu trabalho por setores da sociedade, mas, nem sempre têm graduação ou especialização, tanto que o termo significa, em latim : “Por Causa de Honra “.

Reconhecimento como Doutor Honoris Causa versos a Capoeira 

Através dos séculos, a Capoeira conquistou seu espaço na sociedade, passando pelo Brasil Colônia, Império e República até os dias atuais. Nascida no Brasil, através do povo negro africano escravizado, por ânsia de liberdade,  sem ter nada em suas mãos, de uma dança, uma luta improvisou , passando a ser  uma das mais importantes páginas da nossa história, tornando-a Arte Marcial Brasileira,  por haver sido de suma importância na Guerra do Paraguai e outras guerras quando os nossos ancestrais a utilizaram bravamente, em lutas sangrentas de corpo a corpo, que teriam como recompensa as suas alforrias. 

Hoje em dia a Capoeira está em todos os continentes com a imperiosa necessidade de intercâmbios culturais como luta / arte por ser Patrimônio Imaterial Brasileiro ( IPHAN) e Patrimônio Imaterial da Humanidade (UNESCO).

Fonte: http://jornalculturaviva.blogspot.com/

Artigos Relatados

0 0 votos
Avaliar Artigo/Matéria
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários